WEB 2 0 e a escola

0 %
100 %
Information about WEB 2 0 e a escola
Education

Published on December 17, 2007

Author: marinhos

Source: authorstream.com

Slide 1: WEB 2.0 WEB 2.0 tecnologia em novos tempos novos desafios à escola novas oportunidades para a educação Educação e tecnologias da informação Professor Dr. Simão Pedro P. Marinho PUC MinasPrograma de Pós-graduação em Educação Slide 2: WEB 2.0 WEB 2.0 tecnologia em novos tempos novos desafios à escola novas oportunidades para a educação Educação e tecnologias da informação Professor Dr. Simão Pedro P. Marinho PUC MinasPrograma de Pós-graduação em Educação Velhos tempos Slide 3: WEB 2.0 WEB 2.0 tecnologia em novos tempos novos desafios à escola novas oportunidades para a educação Educação e tecnologias da informação Professor Dr. Simão Pedro P. Marinho PUC MinasPrograma de Pós-graduação em Educação Velhos tempos Velhos tempos Slide 4: WEB 2.0 WEB 2.0 tecnologia em novos tempos novos desafios à escola novas oportunidades para a educação Educação e tecnologias da informação Professor Dr. Simão Pedro P. Marinho PUC MinasPrograma de Pós-graduação em Educação Velhos tempos Velhos tempos Novos tempos Slide 5: WEB 2.0 WEB 2.0 tecnologia em novos tempos novos desafios à escola novas oportunidades para a educação Educação e tecnologias da informação Professor Dr. Simão Pedro P. Marinho PUC MinasPrograma de Pós-graduação em Educação Velhos tempos Velhos tempos Novos tempos Novos tempos Slide 6: WEB 2.0 WEB 2.0 tecnologia em novos tempos novos desafios à escola novas oportunidades para a educação Educação e tecnologias da informação Professor Dr. Simão Pedro P. Marinho PUC MinasPrograma de Pós-graduação em Educação Velhos tempos Velhos tempos Novos tempos Novos tempos Hibridização de tecnologias e linguagens. Convergência de mídias Slide 7: WEB 2.0 WEB 2.0 tecnologia em novos tempos novos desafios à escola novas oportunidades para a educação Educação e tecnologias da informação Professor Dr. Simão Pedro P. Marinho PUC MinasPrograma de Pós-graduação em Educação Velhos tempos Velhos tempos Novos tempos Novos tempos Hibridização de tecnologias e linguagens. Convergência de mídias Mundo imagético Slide 8: WEB 2.0 WEB 2.0 tecnologia em novos tempos novos desafios à escola novas oportunidades para a educação Educação e tecnologias da informação Professor Dr. Simão Pedro P. Marinho PUC MinasPrograma de Pós-graduação em Educação Velhos tempos Velhos tempos Novos tempos Novos tempos Hibridização de tecnologias e linguagens. Convergência de mídias Mundo imagético Lugar da convergência Slide 9: WEB 2.0 WEB 2.0 tecnologia em novos tempos novos desafios à escola novas oportunidades para a educação Educação e tecnologias da informação Professor Dr. Simão Pedro P. Marinho PUC MinasPrograma de Pós-graduação em Educação Velhos tempos Velhos tempos Novos tempos Novos tempos Hibridização de tecnologias e linguagens. Convergência de mídias Mundo imagético Lugar da convergência Fantasia que vira realidade Slide 10: WEB 2.0 WEB 2.0 tecnologia em novos tempos novos desafios à escola novas oportunidades para a educação Educação e tecnologias da informação Professor Dr. Simão Pedro P. Marinho PUC MinasPrograma de Pós-graduação em Educação Velhos tempos Velhos tempos Novos tempos Novos tempos Hibridização de tecnologias e linguagens. Convergência de mídias Mundo imagético Lugar da convergência Fantasia que vira realidade Real convergência Slide 11: WEB 2.0 WEB 2.0 tecnologia em novos tempos novos desafios à escola novas oportunidades para a educação Educação e tecnologias da informação Professor Dr. Simão Pedro P. Marinho PUC MinasPrograma de Pós-graduação em Educação Velhos tempos Velhos tempos Novos tempos Novos tempos Hibridização de tecnologias e linguagens. Convergência de mídias Mundo imagético Lugar da convergência Fantasia que vira realidade Real convergência Web 2.0 A expressão foi cunhada, em 2001, por Tim O’Reilly, fundador da editora O’Reilly Media, especializada em livros na área de informática. Web 2.0 Conferencerealizada desde 2004, em San Francisco, USAwww.web2con.com Mochileiro digital Gênese Slide 12: WEB 2.0 WEB 2.0 tecnologia em novos tempos novos desafios à escola novas oportunidades para a educação Educação e tecnologias da informação Professor Dr. Simão Pedro P. Marinho PUC MinasPrograma de Pós-graduação em Educação Velhos tempos Velhos tempos Novos tempos Novos tempos Hibridização de tecnologias e linguagens. Convergência de mídias Mundo imagético Lugar da convergência Fantasia que vira realidade Real convergência Web 2.0 A expressão foi cunhada, em 2001, por Tim O’Reilly, fundador da editora O’Reilly Media, especializada em livros na área de informática. Web 2.0 Conferencerealizada desde 2004, em San Francisco, USAwww.web2con.com Mochileiro digital Gênese Escritório on-line Idéia Slide 13: WEB 2.0 WEB 2.0 tecnologia em novos tempos novos desafios à escola novas oportunidades para a educação Educação e tecnologias da informação Professor Dr. Simão Pedro P. Marinho PUC MinasPrograma de Pós-graduação em Educação Velhos tempos Velhos tempos Novos tempos Novos tempos Hibridização de tecnologias e linguagens. Convergência de mídias Mundo imagético Lugar da convergência Fantasia que vira realidade Real convergência Web 2.0 A expressão foi cunhada, em 2001, por Tim O’Reilly, fundador da editora O’Reilly Media, especializada em livros na área de informática. Web 2.0 Conferencerealizada desde 2004, em San Francisco, USAwww.web2con.com Mochileiro digital Gênese Escritório on-line Idéia READ/WRITE WEB Tim Berners-Lee Slide 14: WEB 2.0 WEB 2.0 tecnologia em novos tempos novos desafios à escola novas oportunidades para a educação Educação e tecnologias da informação Professor Dr. Simão Pedro P. Marinho PUC MinasPrograma de Pós-graduação em Educação Velhos tempos Velhos tempos Novos tempos Novos tempos Hibridização de tecnologias e linguagens. Convergência de mídias Mundo imagético Lugar da convergência Fantasia que vira realidade Real convergência Web 2.0 A expressão foi cunhada, em 2001, por Tim O’Reilly, fundador da editora O’Reilly Media, especializada em livros na área de informática. Web 2.0 Conferencerealizada desde 2004, em San Francisco, USAwww.web2con.com Mochileiro digital Gênese Escritório on-line Idéia READ/WRITE WEB Tim Berners-Lee A Web 2.0 é a rede no tempo de uma Sociedade da Autoria, onde cada internauta se torna (co)autor ou (co)produtor e compartilha - com os demais indivíduos imersos numa cibercultura – a sua produção. Assim, os internautas deixam de ser apenas leitores isolados ou tão somente coletores de informações; agora passam a colaborar na criação de grandes repositórios de informações. MARINHO, Simão Pedro; TÁRCIA, Lorena, ENOQUE, Cynthi F. O. Educar em tempos da convergência de mídia e da Web 2.0: ampliam-se os desafios aos professores. No prelo. Slide 15: WEB 2.0 WEB 2.0 tecnologia em novos tempos novos desafios à escola novas oportunidades para a educação Educação e tecnologias da informação Professor Dr. Simão Pedro P. Marinho PUC MinasPrograma de Pós-graduação em Educação Velhos tempos Velhos tempos Novos tempos Novos tempos Hibridização de tecnologias e linguagens. Convergência de mídias Mundo imagético Lugar da convergência Fantasia que vira realidade Real convergência Web 2.0 A expressão foi cunhada, em 2001, por Tim O’Reilly, fundador da editora O’Reilly Media, especializada em livros na área de informática. Web 2.0 Conferencerealizada desde 2004, em San Francisco, USAwww.web2con.com Mochileiro digital Gênese Escritório on-line Idéia READ/WRITE WEB Tim Berners-Lee A Web 2.0 é a rede no tempo de uma Sociedade da Autoria, onde cada internauta se torna (co)autor ou (co)produtor e compartilha - com os demais indivíduos imersos numa cibercultura – a sua produção. Assim, os internautas deixam de ser apenas leitores isolados ou tão somente coletores de informações; agora passam a colaborar na criação de grandes repositórios de informações. MARINHO, Simão Pedro; TÁRCIA, Lorena, ENOQUE, Cynthi F. O. Educar em tempos da convergência de mídia e da Web 2.0: ampliam-se os desafios aos professores. No prelo. Slide 16: WEB 2.0 WEB 2.0 tecnologia em novos tempos novos desafios à escola novas oportunidades para a educação Educação e tecnologias da informação Professor Dr. Simão Pedro P. Marinho PUC MinasPrograma de Pós-graduação em Educação Velhos tempos Velhos tempos Novos tempos Novos tempos Hibridização de tecnologias e linguagens. Convergência de mídias Mundo imagético Lugar da convergência Fantasia que vira realidade Real convergência Web 2.0 A expressão foi cunhada, em 2001, por Tim O’Reilly, fundador da editora O’Reilly Media, especializada em livros na área de informática. Web 2.0 Conferencerealizada desde 2004, em San Francisco, USAwww.web2con.com Mochileiro digital Gênese Escritório on-line Idéia READ/WRITE WEB Tim Berners-Lee A Web 2.0 é a rede no tempo de uma Sociedade da Autoria, onde cada internauta se torna (co)autor ou (co)produtor e compartilha - com os demais indivíduos imersos numa cibercultura – a sua produção. Assim, os internautas deixam de ser apenas leitores isolados ou tão somente coletores de informações; agora passam a colaborar na criação de grandes repositórios de informações. MARINHO, Simão Pedro; TÁRCIA, Lorena, ENOQUE, Cynthi F. O. Educar em tempos da convergência de mídia e da Web 2.0: ampliam-se os desafios aos professores. No prelo. Os aplicativos e recursos que compõem o que se está chamando Web 2.0 deverão ter um impacto importante na escola que utiliza recursos da tecnologia digital. A escola, com estratégias para ensino e aprendizagem, estará onde estiver um computador com acesso à Internet. É o mesmo movimento que caracteriza o chamado escritório “on-line”. Escola Slide 17: WEB 2.0 WEB 2.0 tecnologia em novos tempos novos desafios à escola novas oportunidades para a educação Educação e tecnologias da informação Professor Dr. Simão Pedro P. Marinho PUC MinasPrograma de Pós-graduação em Educação Velhos tempos Velhos tempos Novos tempos Novos tempos Hibridização de tecnologias e linguagens. Convergência de mídias Mundo imagético Lugar da convergência Fantasia que vira realidade Real convergência Web 2.0 A expressão foi cunhada, em 2001, por Tim O’Reilly, fundador da editora O’Reilly Media, especializada em livros na área de informática. Web 2.0 Conferencerealizada desde 2004, em San Francisco, USAwww.web2con.com Mochileiro digital Gênese Escritório on-line Idéia READ/WRITE WEB Tim Berners-Lee A Web 2.0 é a rede no tempo de uma Sociedade da Autoria, onde cada internauta se torna (co)autor ou (co)produtor e compartilha - com os demais indivíduos imersos numa cibercultura – a sua produção. Assim, os internautas deixam de ser apenas leitores isolados ou tão somente coletores de informações; agora passam a colaborar na criação de grandes repositórios de informações. MARINHO, Simão Pedro; TÁRCIA, Lorena, ENOQUE, Cynthi F. O. Educar em tempos da convergência de mídia e da Web 2.0: ampliam-se os desafios aos professores. No prelo. Os aplicativos e recursos que compõem o que se está chamando Web 2.0 deverão ter um impacto importante na escola que utiliza recursos da tecnologia digital. A escola, com estratégias para ensino e aprendizagem, estará onde estiver um computador com acesso à Internet. É o mesmo movimento que caracteriza o chamado escritório “on-line”. Escola Os potenciais impactos dos recursos da Web 2.0 não estarão limitados à educação on-line, na sala de aula virtual ou sala de bits. Eles poderão – ou deverão – estar também na educação chamada de presencial, na sala de aula de tijolos. Sala de aula Slide 18: WEB 2.0 WEB 2.0 tecnologia em novos tempos novos desafios à escola novas oportunidades para a educação Educação e tecnologias da informação Professor Dr. Simão Pedro P. Marinho PUC MinasPrograma de Pós-graduação em Educação Velhos tempos Velhos tempos Novos tempos Novos tempos Hibridização de tecnologias e linguagens. Convergência de mídias Mundo imagético Lugar da convergência Fantasia que vira realidade Real convergência Web 2.0 A expressão foi cunhada, em 2001, por Tim O’Reilly, fundador da editora O’Reilly Media, especializada em livros na área de informática. Web 2.0 Conferencerealizada desde 2004, em San Francisco, USAwww.web2con.com Mochileiro digital Gênese Escritório on-line Idéia READ/WRITE WEB Tim Berners-Lee A Web 2.0 é a rede no tempo de uma Sociedade da Autoria, onde cada internauta se torna (co)autor ou (co)produtor e compartilha - com os demais indivíduos imersos numa cibercultura – a sua produção. Assim, os internautas deixam de ser apenas leitores isolados ou tão somente coletores de informações; agora passam a colaborar na criação de grandes repositórios de informações. MARINHO, Simão Pedro; TÁRCIA, Lorena, ENOQUE, Cynthi F. O. Educar em tempos da convergência de mídia e da Web 2.0: ampliam-se os desafios aos professores. No prelo. Os aplicativos e recursos que compõem o que se está chamando Web 2.0 deverão ter um impacto importante na escola que utiliza recursos da tecnologia digital. A escola, com estratégias para ensino e aprendizagem, estará onde estiver um computador com acesso à Internet. É o mesmo movimento que caracteriza o chamado escritório “on-line”. Escola Os potenciais impactos dos recursos da Web 2.0 não estarão limitados à educação on-line, na sala de aula virtual ou sala de bits. Eles poderão – ou deverão – estar também na educação chamada de presencial, na sala de aula de tijolos. Sala de aula Esses aplicativos quase certamente influenciarão profundamente com os ambientes de ensino presenciais – ou fechados, como alguns preferem denominar. Muitos deles já estão influenciando a vida dos alunos, fora da escola. Muitos já estão sendo trazidos para dentro da escola recursos. É o caso de blogs, rss, escrita colaborativa, enciclopédias on-line e outros. Influências Slide 19: WEB 2.0 WEB 2.0 tecnologia em novos tempos novos desafios à escola novas oportunidades para a educação Educação e tecnologias da informação Professor Dr. Simão Pedro P. Marinho PUC MinasPrograma de Pós-graduação em Educação Velhos tempos Velhos tempos Novos tempos Novos tempos Hibridização de tecnologias e linguagens. Convergência de mídias Mundo imagético Lugar da convergência Fantasia que vira realidade Real convergência Web 2.0 A expressão foi cunhada, em 2001, por Tim O’Reilly, fundador da editora O’Reilly Media, especializada em livros na área de informática. Web 2.0 Conferencerealizada desde 2004, em San Francisco, USAwww.web2con.com Mochileiro digital Gênese Escritório on-line Idéia READ/WRITE WEB Tim Berners-Lee A Web 2.0 é a rede no tempo de uma Sociedade da Autoria, onde cada internauta se torna (co)autor ou (co)produtor e compartilha - com os demais indivíduos imersos numa cibercultura – a sua produção. Assim, os internautas deixam de ser apenas leitores isolados ou tão somente coletores de informações; agora passam a colaborar na criação de grandes repositórios de informações. MARINHO, Simão Pedro; TÁRCIA, Lorena, ENOQUE, Cynthi F. O. Educar em tempos da convergência de mídia e da Web 2.0: ampliam-se os desafios aos professores. No prelo. Os aplicativos e recursos que compõem o que se está chamando Web 2.0 deverão ter um impacto importante na escola que utiliza recursos da tecnologia digital. A escola, com estratégias para ensino e aprendizagem, estará onde estiver um computador com acesso à Internet. É o mesmo movimento que caracteriza o chamado escritório “on-line”. Escola Os potenciais impactos dos recursos da Web 2.0 não estarão limitados à educação on-line, na sala de aula virtual ou sala de bits. Eles poderão – ou deverão – estar também na educação chamada de presencial, na sala de aula de tijolos. Sala de aula Esses aplicativos quase certamente influenciarão profundamente com os ambientes de ensino presenciais – ou fechados, como alguns preferem denominar. Muitos deles já estão influenciando a vida dos alunos, fora da escola. Muitos já estão sendo trazidos para dentro da escola recursos. É o caso de blogs, rss, escrita colaborativa, enciclopédias on-line e outros. Influências Haveria uma forte tendência por ambientes colaborativos de aprendizagem, com a formação e incremento de redes, que de certa forma descentralizam os processos de ensino e aprendizagem, avançando sobre os muros da escola, ultrapassando-os, e criando uma nova dimensão para os tempos escolares. Tendência Slide 20: WEB 2.0 WEB 2.0 tecnologia em novos tempos novos desafios à escola novas oportunidades para a educação Educação e tecnologias da informação Professor Dr. Simão Pedro P. Marinho PUC MinasPrograma de Pós-graduação em Educação Velhos tempos Velhos tempos Novos tempos Novos tempos Hibridização de tecnologias e linguagens. Convergência de mídias Mundo imagético Lugar da convergência Fantasia que vira realidade Real convergência Web 2.0 A expressão foi cunhada, em 2001, por Tim O’Reilly, fundador da editora O’Reilly Media, especializada em livros na área de informática. Web 2.0 Conferencerealizada desde 2004, em San Francisco, USAwww.web2con.com Mochileiro digital Gênese Escritório on-line Idéia READ/WRITE WEB Tim Berners-Lee A Web 2.0 é a rede no tempo de uma Sociedade da Autoria, onde cada internauta se torna (co)autor ou (co)produtor e compartilha - com os demais indivíduos imersos numa cibercultura – a sua produção. Assim, os internautas deixam de ser apenas leitores isolados ou tão somente coletores de informações; agora passam a colaborar na criação de grandes repositórios de informações. MARINHO, Simão Pedro; TÁRCIA, Lorena, ENOQUE, Cynthi F. O. Educar em tempos da convergência de mídia e da Web 2.0: ampliam-se os desafios aos professores. No prelo. Os aplicativos e recursos que compõem o que se está chamando Web 2.0 deverão ter um impacto importante na escola que utiliza recursos da tecnologia digital. A escola, com estratégias para ensino e aprendizagem, estará onde estiver um computador com acesso à Internet. É o mesmo movimento que caracteriza o chamado escritório “on-line”. Escola Os potenciais impactos dos recursos da Web 2.0 não estarão limitados à educação on-line, na sala de aula virtual ou sala de bits. Eles poderão – ou deverão – estar também na educação chamada de presencial, na sala de aula de tijolos. Sala de aula Esses aplicativos quase certamente influenciarão profundamente com os ambientes de ensino presenciais – ou fechados, como alguns preferem denominar. Muitos deles já estão influenciando a vida dos alunos, fora da escola. Muitos já estão sendo trazidos para dentro da escola recursos. É o caso de blogs, rss, escrita colaborativa, enciclopédias on-line e outros. Influências Haveria uma forte tendência por ambientes colaborativos de aprendizagem, com a formação e incremento de redes, que de certa forma descentralizam os processos de ensino e aprendizagem, avançando sobre os muros da escola, ultrapassando-os, e criando uma nova dimensão para os tempos escolares. Tendência Conseqüentemente, os conteúdos a serem tratados, as possibilidades de interação, questões como a da autoria, individual e coletiva, a distinção público/privado deverão estar sendo (re)pensados pelos educadores. Capacidade de análise crítica, a ética, os valores individuais e coletivos, a moral serão alguns dos elementos obrigatórios nesse “coquetel” que vai além das tecnologias do ciberespaço. Novos temas Slide 21: WEB 2.0 WEB 2.0 tecnologia em novos tempos novos desafios à escola novas oportunidades para a educação Educação e tecnologias da informação Professor Dr. Simão Pedro P. Marinho PUC MinasPrograma de Pós-graduação em Educação Velhos tempos Velhos tempos Novos tempos Novos tempos Hibridização de tecnologias e linguagens. Convergência de mídias Mundo imagético Lugar da convergência Fantasia que vira realidade Real convergência Web 2.0 A expressão foi cunhada, em 2001, por Tim O’Reilly, fundador da editora O’Reilly Media, especializada em livros na área de informática. Web 2.0 Conferencerealizada desde 2004, em San Francisco, USAwww.web2con.com Mochileiro digital Gênese Escritório on-line Idéia READ/WRITE WEB Tim Berners-Lee A Web 2.0 é a rede no tempo de uma Sociedade da Autoria, onde cada internauta se torna (co)autor ou (co)produtor e compartilha - com os demais indivíduos imersos numa cibercultura – a sua produção. Assim, os internautas deixam de ser apenas leitores isolados ou tão somente coletores de informações; agora passam a colaborar na criação de grandes repositórios de informações. MARINHO, Simão Pedro; TÁRCIA, Lorena, ENOQUE, Cynthi F. O. Educar em tempos da convergência de mídia e da Web 2.0: ampliam-se os desafios aos professores. No prelo. Os aplicativos e recursos que compõem o que se está chamando Web 2.0 deverão ter um impacto importante na escola que utiliza recursos da tecnologia digital. A escola, com estratégias para ensino e aprendizagem, estará onde estiver um computador com acesso à Internet. É o mesmo movimento que caracteriza o chamado escritório “on-line”. Escola Os potenciais impactos dos recursos da Web 2.0 não estarão limitados à educação on-line, na sala de aula virtual ou sala de bits. Eles poderão – ou deverão – estar também na educação chamada de presencial, na sala de aula de tijolos. Sala de aula Esses aplicativos quase certamente influenciarão profundamente com os ambientes de ensino presenciais – ou fechados, como alguns preferem denominar. Muitos deles já estão influenciando a vida dos alunos, fora da escola. Muitos já estão sendo trazidos para dentro da escola recursos. É o caso de blogs, rss, escrita colaborativa, enciclopédias on-line e outros. Influências Haveria uma forte tendência por ambientes colaborativos de aprendizagem, com a formação e incremento de redes, que de certa forma descentralizam os processos de ensino e aprendizagem, avançando sobre os muros da escola, ultrapassando-os, e criando uma nova dimensão para os tempos escolares. Tendência Conseqüentemente, os conteúdos a serem tratados, as possibilidades de interação, questões como a da autoria, individual e coletiva, a distinção público/privado deverão estar sendo (re)pensados pelos educadores. Capacidade de análise crítica, a ética, os valores individuais e coletivos, a moral serão alguns dos elementos obrigatórios nesse “coquetel” que vai além das tecnologias do ciberespaço. Novos temas Esse (re)pensar se articula a uma necessária ressignificação do que seria ensinar e aprender numa escola do século XXI Repensar, ressignificar Slide 22: WEB 2.0 WEB 2.0 tecnologia em novos tempos novos desafios à escola novas oportunidades para a educação Educação e tecnologias da informação Professor Dr. Simão Pedro P. Marinho PUC MinasPrograma de Pós-graduação em Educação Velhos tempos Velhos tempos Novos tempos Novos tempos Hibridização de tecnologias e linguagens. Convergência de mídias Mundo imagético Lugar da convergência Fantasia que vira realidade Real convergência Web 2.0 A expressão foi cunhada, em 2001, por Tim O’Reilly, fundador da editora O’Reilly Media, especializada em livros na área de informática. Web 2.0 Conferencerealizada desde 2004, em San Francisco, USAwww.web2con.com Mochileiro digital Gênese Escritório on-line Idéia READ/WRITE WEB Tim Berners-Lee A Web 2.0 é a rede no tempo de uma Sociedade da Autoria, onde cada internauta se torna (co)autor ou (co)produtor e compartilha - com os demais indivíduos imersos numa cibercultura – a sua produção. Assim, os internautas deixam de ser apenas leitores isolados ou tão somente coletores de informações; agora passam a colaborar na criação de grandes repositórios de informações. MARINHO, Simão Pedro; TÁRCIA, Lorena, ENOQUE, Cynthi F. O. Educar em tempos da convergência de mídia e da Web 2.0: ampliam-se os desafios aos professores. No prelo. Os aplicativos e recursos que compõem o que se está chamando Web 2.0 deverão ter um impacto importante na escola que utiliza recursos da tecnologia digital. A escola, com estratégias para ensino e aprendizagem, estará onde estiver um computador com acesso à Internet. É o mesmo movimento que caracteriza o chamado escritório “on-line”. Escola Os potenciais impactos dos recursos da Web 2.0 não estarão limitados à educação on-line, na sala de aula virtual ou sala de bits. Eles poderão – ou deverão – estar também na educação chamada de presencial, na sala de aula de tijolos. Sala de aula Esses aplicativos quase certamente influenciarão profundamente com os ambientes de ensino presenciais – ou fechados, como alguns preferem denominar. Muitos deles já estão influenciando a vida dos alunos, fora da escola. Muitos já estão sendo trazidos para dentro da escola recursos. É o caso de blogs, rss, escrita colaborativa, enciclopédias on-line e outros. Influências Haveria uma forte tendência por ambientes colaborativos de aprendizagem, com a formação e incremento de redes, que de certa forma descentralizam os processos de ensino e aprendizagem, avançando sobre os muros da escola, ultrapassando-os, e criando uma nova dimensão para os tempos escolares. Tendência Conseqüentemente, os conteúdos a serem tratados, as possibilidades de interação, questões como a da autoria, individual e coletiva, a distinção público/privado deverão estar sendo (re)pensados pelos educadores. Capacidade de análise crítica, a ética, os valores individuais e coletivos, a moral serão alguns dos elementos obrigatórios nesse “coquetel” que vai além das tecnologias do ciberespaço. Novos temas Esse (re)pensar se articula a uma necessária ressignificação do que seria ensinar e aprender numa escola do século XXI Repensar, ressignificar E existem ainda recursos que serão importantes na gestão na escola e no trabalho integrado de professores, que devem abandonar a solidão que tem sido uma marca forte de sua profissão. Gestão da escola Slide 23: WEB 2.0 WEB 2.0 tecnologia em novos tempos novos desafios à escola novas oportunidades para a educação Educação e tecnologias da informação Professor Dr. Simão Pedro P. Marinho PUC MinasPrograma de Pós-graduação em Educação Velhos tempos Velhos tempos Novos tempos Novos tempos Hibridização de tecnologias e linguagens. Convergência de mídias Mundo imagético Lugar da convergência Fantasia que vira realidade Real convergência Web 2.0 A expressão foi cunhada, em 2001, por Tim O’Reilly, fundador da editora O’Reilly Media, especializada em livros na área de informática. Web 2.0 Conferencerealizada desde 2004, em San Francisco, USAwww.web2con.com Mochileiro digital Gênese Escritório on-line Idéia READ/WRITE WEB Tim Berners-Lee A Web 2.0 é a rede no tempo de uma Sociedade da Autoria, onde cada internauta se torna (co)autor ou (co)produtor e compartilha - com os demais indivíduos imersos numa cibercultura – a sua produção. Assim, os internautas deixam de ser apenas leitores isolados ou tão somente coletores de informações; agora passam a colaborar na criação de grandes repositórios de informações. MARINHO, Simão Pedro; TÁRCIA, Lorena, ENOQUE, Cynthi F. O. Educar em tempos da convergência de mídia e da Web 2.0: ampliam-se os desafios aos professores. No prelo. Os aplicativos e recursos que compõem o que se está chamando Web 2.0 deverão ter um impacto importante na escola que utiliza recursos da tecnologia digital. A escola, com estratégias para ensino e aprendizagem, estará onde estiver um computador com acesso à Internet. É o mesmo movimento que caracteriza o chamado escritório “on-line”. Escola Os potenciais impactos dos recursos da Web 2.0 não estarão limitados à educação on-line, na sala de aula virtual ou sala de bits. Eles poderão – ou deverão – estar também na educação chamada de presencial, na sala de aula de tijolos. Sala de aula Esses aplicativos quase certamente influenciarão profundamente com os ambientes de ensino presenciais – ou fechados, como alguns preferem denominar. Muitos deles já estão influenciando a vida dos alunos, fora da escola. Muitos já estão sendo trazidos para dentro da escola recursos. É o caso de blogs, rss, escrita colaborativa, enciclopédias on-line e outros. Influências Haveria uma forte tendência por ambientes colaborativos de aprendizagem, com a formação e incremento de redes, que de certa forma descentralizam os processos de ensino e aprendizagem, avançando sobre os muros da escola, ultrapassando-os, e criando uma nova dimensão para os tempos escolares. Tendência Conseqüentemente, os conteúdos a serem tratados, as possibilidades de interação, questões como a da autoria, individual e coletiva, a distinção público/privado deverão estar sendo (re)pensados pelos educadores. Capacidade de análise crítica, a ética, os valores individuais e coletivos, a moral serão alguns dos elementos obrigatórios nesse “coquetel” que vai além das tecnologias do ciberespaço. Novos temas Esse (re)pensar se articula a uma necessária ressignificação do que seria ensinar e aprender numa escola do século XXI Repensar, ressignificar E existem ainda recursos que serão importantes na gestão na escola e no trabalho integrado de professores, que devem abandonar a solidão que tem sido uma marca forte de sua profissão. Gestão da escola Ícones da Web 2.0 Slide 24: WEB 2.0 WEB 2.0 tecnologia em novos tempos novos desafios à escola novas oportunidades para a educação Educação e tecnologias da informação Professor Dr. Simão Pedro P. Marinho PUC MinasPrograma de Pós-graduação em Educação Velhos tempos Velhos tempos Novos tempos Novos tempos Hibridização de tecnologias e linguagens. Convergência de mídias Mundo imagético Lugar da convergência Fantasia que vira realidade Real convergência Web 2.0 A expressão foi cunhada, em 2001, por Tim O’Reilly, fundador da editora O’Reilly Media, especializada em livros na área de informática. Web 2.0 Conferencerealizada desde 2004, em San Francisco, USAwww.web2con.com Mochileiro digital Gênese Escritório on-line Idéia READ/WRITE WEB Tim Berners-Lee A Web 2.0 é a rede no tempo de uma Sociedade da Autoria, onde cada internauta se torna (co)autor ou (co)produtor e compartilha - com os demais indivíduos imersos numa cibercultura – a sua produção. Assim, os internautas deixam de ser apenas leitores isolados ou tão somente coletores de informações; agora passam a colaborar na criação de grandes repositórios de informações. MARINHO, Simão Pedro; TÁRCIA, Lorena, ENOQUE, Cynthi F. O. Educar em tempos da convergência de mídia e da Web 2.0: ampliam-se os desafios aos professores. No prelo. Os aplicativos e recursos que compõem o que se está chamando Web 2.0 deverão ter um impacto importante na escola que utiliza recursos da tecnologia digital. A escola, com estratégias para ensino e aprendizagem, estará onde estiver um computador com acesso à Internet. É o mesmo movimento que caracteriza o chamado escritório “on-line”. Escola Os potenciais impactos dos recursos da Web 2.0 não estarão limitados à educação on-line, na sala de aula virtual ou sala de bits. Eles poderão – ou deverão – estar também na educação chamada de presencial, na sala de aula de tijolos. Sala de aula Esses aplicativos quase certamente influenciarão profundamente com os ambientes de ensino presenciais – ou fechados, como alguns preferem denominar. Muitos deles já estão influenciando a vida dos alunos, fora da escola. Muitos já estão sendo trazidos para dentro da escola recursos. É o caso de blogs, rss, escrita colaborativa, enciclopédias on-line e outros. Influências Haveria uma forte tendência por ambientes colaborativos de aprendizagem, com a formação e incremento de redes, que de certa forma descentralizam os processos de ensino e aprendizagem, avançando sobre os muros da escola, ultrapassando-os, e criando uma nova dimensão para os tempos escolares. Tendência Conseqüentemente, os conteúdos a serem tratados, as possibilidades de interação, questões como a da autoria, individual e coletiva, a distinção público/privado deverão estar sendo (re)pensados pelos educadores. Capacidade de análise crítica, a ética, os valores individuais e coletivos, a moral serão alguns dos elementos obrigatórios nesse “coquetel” que vai além das tecnologias do ciberespaço. Novos temas Esse (re)pensar se articula a uma necessária ressignificação do que seria ensinar e aprender numa escola do século XXI Repensar, ressignificar E existem ainda recursos que serão importantes na gestão na escola e no trabalho integrado de professores, que devem abandonar a solidão que tem sido uma marca forte de sua profissão. Gestão da escola Ícones da Web 2.0 YouTube http://www.youtube.com/ Repositório compartilhado de vídeos Slide 25: WEB 2.0 WEB 2.0 tecnologia em novos tempos novos desafios à escola novas oportunidades para a educação Educação e tecnologias da informação Professor Dr. Simão Pedro P. Marinho PUC MinasPrograma de Pós-graduação em Educação Velhos tempos Velhos tempos Novos tempos Novos tempos Hibridização de tecnologias e linguagens. Convergência de mídias Mundo imagético Lugar da convergência Fantasia que vira realidade Real convergência Web 2.0 A expressão foi cunhada, em 2001, por Tim O’Reilly, fundador da editora O’Reilly Media, especializada em livros na área de informática. Web 2.0 Conferencerealizada desde 2004, em San Francisco, USAwww.web2con.com Mochileiro digital Gênese Escritório on-line Idéia READ/WRITE WEB Tim Berners-Lee A Web 2.0 é a rede no tempo de uma Sociedade da Autoria, onde cada internauta se torna (co)autor ou (co)produtor e compartilha - com os demais indivíduos imersos numa cibercultura – a sua produção. Assim, os internautas deixam de ser apenas leitores isolados ou tão somente coletores de informações; agora passam a colaborar na criação de grandes repositórios de informações. MARINHO, Simão Pedro; TÁRCIA, Lorena, ENOQUE, Cynthi F. O. Educar em tempos da convergência de mídia e da Web 2.0: ampliam-se os desafios aos professores. No prelo. Os aplicativos e recursos que compõem o que se está chamando Web 2.0 deverão ter um impacto importante na escola que utiliza recursos da tecnologia digital. A escola, com estratégias para ensino e aprendizagem, estará onde estiver um computador com acesso à Internet. É o mesmo movimento que caracteriza o chamado escritório “on-line”. Escola Os potenciais impactos dos recursos da Web 2.0 não estarão limitados à educação on-line, na sala de aula virtual ou sala de bits. Eles poderão – ou deverão – estar também na educação chamada de presencial, na sala de aula de tijolos. Sala de aula Esses aplicativos quase certamente influenciarão profundamente com os ambientes de ensino presenciais – ou fechados, como alguns preferem denominar. Muitos deles já estão influenciando a vida dos alunos, fora da escola. Muitos já estão sendo trazidos para dentro da escola recursos. É o caso de blogs, rss, escrita colaborativa, enciclopédias on-line e outros. Influências Haveria uma forte tendência por ambientes colaborativos de aprendizagem, com a formação e incremento de redes, que de certa forma descentralizam os processos de ensino e aprendizagem, avançando sobre os muros da escola, ultrapassando-os, e criando uma nova dimensão para os tempos escolares. Tendência Conseqüentemente, os conteúdos a serem tratados, as possibilidades de interação, questões como a da autoria, individual e coletiva, a distinção público/privado deverão estar sendo (re)pensados pelos educadores. Capacidade de análise crítica, a ética, os valores individuais e coletivos, a moral serão alguns dos elementos obrigatórios nesse “coquetel” que vai além das tecnologias do ciberespaço. Novos temas Esse (re)pensar se articula a uma necessária ressignificação do que seria ensinar e aprender numa escola do século XXI Repensar, ressignificar E existem ainda recursos que serão importantes na gestão na escola e no trabalho integrado de professores, que devem abandonar a solidão que tem sido uma marca forte de sua profissão. Gestão da escola Ícones da Web 2.0 YouTube http://www.youtube.com/ Repositório compartilhado de vídeos Flickr http://www.flickr.com/ Repositório compartilhado de fotografias [álbum virtual] Slide 26: WEB 2.0 WEB 2.0 tecnologia em novos tempos novos desafios à escola novas oportunidades para a educação Educação e tecnologias da informação Professor Dr. Simão Pedro P. Marinho PUC MinasPrograma de Pós-graduação em Educação Velhos tempos Velhos tempos Novos tempos Novos tempos Hibridização de tecnologias e linguagens. Convergência de mídias Mundo imagético Lugar da convergência Fantasia que vira realidade Real convergência Web 2.0 A expressão foi cunhada, em 2001, por Tim O’Reilly, fundador da editora O’Reilly Media, especializada em livros na área de informática. Web 2.0 Conferencerealizada desde 2004, em San Francisco, USAwww.web2con.com Mochileiro digital Gênese Escritório on-line Idéia READ/WRITE WEB Tim Berners-Lee A Web 2.0 é a rede no tempo de uma Sociedade da Autoria, onde cada internauta se torna (co)autor ou (co)produtor e compartilha - com os demais indivíduos imersos numa cibercultura – a sua produção. Assim, os internautas deixam de ser apenas leitores isolados ou tão somente coletores de informações; agora passam a colaborar na criação de grandes repositórios de informações. MARINHO, Simão Pedro; TÁRCIA, Lorena, ENOQUE, Cynthi F. O. Educar em tempos da convergência de mídia e da Web 2.0: ampliam-se os desafios aos professores. No prelo. Os aplicativos e recursos que compõem o que se está chamando Web 2.0 deverão ter um impacto importante na escola que utiliza recursos da tecnologia digital. A escola, com estratégias para ensino e aprendizagem, estará onde estiver um computador com acesso à Internet. É o mesmo movimento que caracteriza o chamado escritório “on-line”. Escola Os potenciais impactos dos recursos da Web 2.0 não estarão limitados à educação on-line, na sala de aula virtual ou sala de bits. Eles poderão – ou deverão – estar também na educação chamada de presencial, na sala de aula de tijolos. Sala de aula Esses aplicativos quase certamente influenciarão profundamente com os ambientes de ensino presenciais – ou fechados, como alguns preferem denominar. Muitos deles já estão influenciando a vida dos alunos, fora da escola. Muitos já estão sendo trazidos para dentro da escola recursos. É o caso de blogs, rss, escrita colaborativa, enciclopédias on-line e outros. Influências Haveria uma forte tendência por ambientes colaborativos de aprendizagem, com a formação e incremento de redes, que de certa forma descentralizam os processos de ensino e aprendizagem, avançando sobre os muros da escola, ultrapassando-os, e criando uma nova dimensão para os tempos escolares. Tendência Conseqüentemente, os conteúdos a serem tratados, as possibilidades de interação, questões como a da autoria, individual e coletiva, a distinção público/privado deverão estar sendo (re)pensados pelos educadores. Capacidade de análise crítica, a ética, os valores individuais e coletivos, a moral serão alguns dos elementos obrigatórios nesse “coquetel” que vai além das tecnologias do ciberespaço. Novos temas Esse (re)pensar se articula a uma necessária ressignificação do que seria ensinar e aprender numa escola do século XXI Repensar, ressignificar E existem ainda recursos que serão importantes na gestão na escola e no trabalho integrado de professores, que devem abandonar a solidão que tem sido uma marca forte de sua profissão. Gestão da escola Ícones da Web 2.0 YouTube http://www.youtube.com/ Repositório compartilhado de vídeos Flickr http://www.flickr.com/ Repositório compartilhado de fotografias [álbum virtual] Del.icio.us http://del.icio.us/ Repositório on-line de URL Slide 27: WEB 2.0 WEB 2.0 tecnologia em novos tempos novos desafios à escola novas oportunidades para a educação Educação e tecnologias da informação Professor Dr. Simão Pedro P. Marinho PUC MinasPrograma de Pós-graduação em Educação Velhos tempos Velhos tempos Novos tempos Novos tempos Hibridização de tecnologias e linguagens. Convergência de mídias Mundo imagético Lugar da convergência Fantasia que vira realidade Real convergência Web 2.0 A expressão foi cunhada, em 2001, por Tim O’Reilly, fundador da editora O’Reilly Media, especializada em livros na área de informática. Web 2.0 Conferencerealizada desde 2004, em San Francisco, USAwww.web2con.com Mochileiro digital Gênese Escritório on-line Idéia READ/WRITE WEB Tim Berners-Lee A Web 2.0 é a rede no tempo de uma Sociedade da Autoria, onde cada internauta se torna (co)autor ou (co)produtor e compartilha - com os demais indivíduos imersos numa cibercultura – a sua produção. Assim, os internautas deixam de ser apenas leitores isolados ou tão somente coletores de informações; agora passam a colaborar na criação de grandes repositórios de informações. MARINHO, Simão Pedro; TÁRCIA, Lorena, ENOQUE, Cynthi F. O. Educar em tempos da convergência de mídia e da Web 2.0: ampliam-se os desafios aos professores. No prelo. Os aplicativos e recursos que compõem o que se está chamando Web 2.0 deverão ter um impacto importante na escola que utiliza recursos da tecnologia digital. A escola, com estratégias para ensino e aprendizagem, estará onde estiver um computador com acesso à Internet. É o mesmo movimento que caracteriza o chamado escritório “on-line”. Escola Os potenciais impactos dos recursos da Web 2.0 não estarão limitados à educação on-line, na sala de aula virtual ou sala de bits. Eles poderão – ou deverão – estar também na educação chamada de presencial, na sala de aula de tijolos. Sala de aula Esses aplicativos quase certamente influenciarão profundamente com os ambientes de ensino presenciais – ou fechados, como alguns preferem denominar. Muitos deles já estão influenciando a vida dos alunos, fora da escola. Muitos já estão sendo trazidos para dentro da escola recursos. É o caso de blogs, rss, escrita colaborativa, enciclopédias on-line e outros. Influências Haveria uma forte tendência por ambientes colaborativos de aprendizagem, com a formação e incremento de redes, que de certa forma descentralizam os processos de ensino e aprendizagem, avançando sobre os muros da escola, ultrapassando-os, e criando uma nova dimensão para os tempos escolares. Tendência Conseqüentemente, os conteúdos a serem tratados, as possibilidades de interação, questões como a da autoria, individual e coletiva, a distinção público/privado deverão estar sendo (re)pensados pelos educadores. Capacidade de análise crítica, a ética, os valores individuais e coletivos, a moral serão alguns dos elementos obrigatórios nesse “coquetel” que vai além das tecnologias do ciberespaço. Novos temas Esse (re)pensar se articula a uma necessária ressignificação do que seria ensinar e aprender numa escola do século XXI Repensar, ressignificar E existem ainda recursos que serão importantes na gestão na escola e no trabalho integrado de professores, que devem abandonar a solidão que tem sido uma marca forte de sua profissão. Gestão da escola Ícones da Web 2.0 YouTube http://www.youtube.com/ Repositório compartilhado de vídeos Flickr http://www.flickr.com/ Repositório compartilhado de fotografias [álbum virtual] Del.icio.us http://del.icio.us/ Repositório on-line de URL RSS [Really Simple Syndication] Divulgação automática de blogs e sites, agregando informações. Slide 28: WEB 2.0 WEB 2.0 tecnologia em novos tempos novos desafios à escola novas oportunidades para a educação Educação e tecnologias da informação Professor Dr. Simão Pedro P. Marinho PUC MinasPrograma de Pós-graduação em Educação Velhos tempos Velhos tempos Novos tempos Novos tempos Hibridização de tecnologias e linguagens. Convergência de mídias Mundo imagético Lugar da convergência Fantasia que vira realidade Real convergência Web 2.0 A expressão foi cunhada, em 2001, por Tim O’Reilly, fundador da editora O’Reilly Media, especializada em livros na área de informática. Web 2.0 Conferencerealizada desde 2004, em San Francisco, USAwww.web2con.com Mochileiro digital Gênese Escritório on-line Idéia READ/WRITE WEB Tim Berners-Lee A Web 2.0 é a rede no tempo de uma Sociedade da Autoria, onde cada internauta se torna (co)autor ou (co)produtor e compartilha - com os demais indivíduos imersos numa cibercultura – a sua produção. Assim, os internautas deixam de ser apenas leitores isolados ou tão somente coletores de informações; agora passam a colaborar na criação de grandes repositórios de informações. MARINHO, Simão Pedro; TÁRCIA, Lorena, ENOQUE, Cynthi F. O. Educar em tempos da convergência de mídia e da Web 2.0: ampliam-se os desafios aos professores. No prelo. Os aplicativos e recursos que compõem o que se está chamando Web 2.0 deverão ter um impacto importante na escola que utiliza recursos da tecnologia digital. A escola, com estratégias para ensino e aprendizagem, estará onde estiver um computador com acesso à Internet. É o mesmo movimento que caracteriza o chamado escritório “on-line”. Escola Os potenciais impactos dos recursos da Web 2.0 não estarão limitados à educação on-line, na sala de aula virtual ou sala de bits. Eles poderão – ou deverão – estar também na educação chamada de presencial, na sala de aula de tijolos. Sala de aula Esses aplicativos quase certamente influenciarão profundamente com os ambientes de ensino presenciais – ou fechados, como alguns preferem denominar. Muitos deles já estão influenciando a vida dos alunos, fora da escola. Muitos já estão sendo trazidos para dentro da escola recursos. É o caso de blogs, rss, escrita colaborativa, enciclopédias on-line e outros. Influências Haveria uma forte tendência por ambientes colaborativos de aprendizagem, com a formação e incremento de redes, que de certa forma descentralizam os processos de ensino e aprendizagem, avançando sobre os muros da escola, ultrapassando-os, e criando uma nova dimensão para os tempos escolares. Tendência Conseqüentemente, os conteúdos a serem tratados, as possibilidades de interação, questões como a da autoria, individual e coletiva, a distinção público/privado deverão estar sendo (re)pensados pelos educadores. Capacidade de análise crítica, a ética, os valores individuais e coletivos, a moral serão alguns dos elementos obrigatórios nesse “coquetel” que vai além das tecnologias do ciberespaço. Novos temas Esse (re)pensar se articula a uma necessária ressignificação do que seria ensinar e aprender numa escola do século XXI Repensar, ressignificar E existem ainda recursos que serão importantes na gestão na escola e no trabalho integrado de professores, que devem abandonar a solidão que tem sido uma marca forte de sua profissão. Gestão da escola Ícones da Web 2.0 YouTube http://www.youtube.com/ Repositório compartilhado de vídeos Flickr http://www.flickr.com/ Repositório compartilhado de fotografias [álbum virtual] Del.icio.us http://del.icio.us/ Repositório on-line de URL RSS [Really Simple Syndication] Divulgação automática de blogs e sites, agregando informações. Technorati http://www.technorati.com/ Motor [search engine] de busca de blogs Slide 29: WEB 2.0 WEB 2.0 tecnologia em novos tempos novos desafios à escola novas oportunidades para a educação Educação e tecnologias da informação Professor Dr. Simão Pedro P. Marinho PUC MinasPrograma de Pós-graduação em Educação Velhos tempos Velhos tempos Novos tempos Novos tempos Hibridização de tecnologias e linguagens. Convergência de mídias Mundo imagético Lugar da convergência Fantasia que vira realidade Real convergência Web 2.0 A expressão foi cunhada, em 2001, por Tim O’Reilly, fundador da editora O’Reilly Media, especializada em livros na área de informática. Web 2.0 Conferencerealizada desde 2004, em San Francisco, USAwww.web2con.com Mochileiro digital Gênese Escritório on-line Idéia READ/WRITE WEB Tim Berners-Lee A Web 2.0 é a rede no tempo de uma Sociedade da Autoria, onde cada internauta se torna (co)autor ou (co)produtor e compartilha - com os demais indivíduos imersos numa cibercultura – a sua produção. Assim, os internautas deixam de ser apenas leitores isolados ou tão somente coletores de informações; agora passam a colaborar na criação de grandes repositórios de informações. MARINHO, Simão Pedro; TÁRCIA, Lorena, ENOQUE, Cynthi F. O. Educar em tempos da convergência de mídia e da Web 2.0: ampliam-se os desafios aos professores. No prelo. Os aplicativos e recursos que compõem o que se está chamando Web 2.0 deverão ter um impacto importante na escola que utiliza recursos da tecnologia digital. A escola, com estratégias para ensino e aprendizagem, estará onde estiver um computador com acesso à Internet. É o mesmo movimento que caracteriza o chamado escritório “on-line”. Escola Os potenciais impactos dos recursos da Web 2.0 não estarão limitados à educação on-line, na sala de aula virtual ou sala de bits. Eles poderão – ou deverão – estar também na educação chamada de presencial, na sala de aula de tijolos. Sala de aula Esses aplicativos quase certamente influenciarão profundamente com os ambientes de ensino presenciais – ou fechados, como alguns preferem denominar. Muitos deles já estão influenciando a vida dos alunos, fora da escola. Muitos já estão sendo trazidos para dentro da escola recursos. É o caso de blogs, rss, escrita colaborativa, enciclopédias on-line e outros. Influências Haveria uma forte tendência por ambientes colaborativos de aprendizagem, com a formação e incremento de redes, que de certa forma descentralizam os processos de ensino e aprendizagem, avançando sobre os muros da escola, ultrapassando-os, e criando uma nova dimensão para os tempos escolares. Tendência Conseqüentemente, os conteúdos a serem tratados, as possibilidades de interação, questões como a da autoria, individual e coletiva, a distinção público/privado deverão estar sendo (re)pensados pelos educadores. Capacidade de análise crítica, a ética, os valores individuais e coletivos, a moral serão alguns dos elementos obrigatórios nesse “coquetel” que vai além das tecnologias do ciberespaço. Novos temas Esse (re)pensar se articula a uma necessária ressignificação do que seria ensinar e aprender numa escola do século XXI Repensar, ressignificar E existem ainda recursos que serão importantes na gestão na escola e no trabalho integrado de professores, que devem abandonar a solidão que tem sido uma marca forte de sua profissão. Gestão da escola Ícones da Web 2.0 YouTube http://www.youtube.com/ Repositório compartilhado de vídeos Flickr http://www.flickr.com/ Repositório compartilhado de fotografias [álbum virtual] Del.icio.us http://del.icio.us/ Repositório on-line de URL RSS [Really Simple Syndication] Divulgação automática de blogs e sites, agregando informações. Technorati http://www.technorati.com/ Motor [search engine] de busca de blogs FeedBurner http://www.feedburner.com/ Provedor de serviço de distribuição de mídia e engajamento de audiência para blogs e RSS. Slide 30: WEB 2.0 WEB 2.0 tecnologia em novos tempos novos desafios à escola novas oportunidades para a educação Educação e tecnologias da informação Professor Dr. Simão Pedro P. Marinho PUC MinasPrograma de Pós-graduação em Educação Velhos tempos Velhos tempos Novos tempos Novos tempos Hibridização de tecnologias e linguagens. Convergência de mídias Mundo imagético Lugar da convergência Fantasia que vira realidade Real convergência Web 2.0 A expressão foi cunhada, em 2001, por Tim O’Reilly, fundador da editora O’Reilly Media, especializada em livros na área de informática. Web 2.0 Conferencerealizada desde 2004, em San Francisco, USAwww.web2con.com Mochileiro digital Gênese Escritório on-line Idéia READ/WRITE WEB Tim Berners-Lee A Web 2.0 é a rede no tempo de uma Sociedade da Autoria, onde cada internauta se torna (co)autor ou (co)produtor e compartilha - com os demais indivíduos imersos numa cibercultura – a sua produção. Assim, os internautas deixam de ser apenas leitores isolados ou tão somente coletores de informações; agora passam a colaborar na criação de grandes repositórios de informações. MARINHO, Simão Pedro; TÁRCIA, Lorena, ENOQUE, Cynthi F. O. Educar em tempos da convergência de mídia e da Web 2.0: ampliam-se os desafios aos professores. No prelo. Os aplicativos e recursos que compõem o que se está chamando Web 2.0 deverão ter um impacto importante na escola que utiliza recursos da tecnologia digital. A escola, com estratégias para ensino e aprendizagem, estará onde estiver um computador com acesso à Internet. É o mesmo movimento que caracteriza o chamado escritório “on-line”. Escola Os potenciais impactos dos recursos da Web 2.0 não estarão limitados à educação on-line, na sala de aula virtual ou sala de bits. Eles poderão – ou deverão – estar também na educação chamada de presencial, na sala de aula de tijolos. Sala de aula Esses aplicativos quase certamente influenciarão profundamente com os ambientes de ensino presenciais – ou fechados, como alguns preferem denominar. Muitos deles já estão influenciando a vida dos alunos, fora da escola. Muitos já estão sendo trazidos para dentro da escola recursos. É o caso de blogs, rss, escrita colaborativa, enciclopédias on-line e outros. Influências Haveria uma forte tendência por ambientes colaborativos de aprendizagem, com a formação e incremento de redes, que de certa forma descentralizam os processos de ensino e aprendizagem, avançando sobre os muros da escola, ultrapassando-os, e criando uma nova dimensão para os tempos escolares. Tendência Conseqüentemente, os conteúdos a serem tratados, as possibilidades de interação, questões como a da autoria, individual e coletiva, a distinção público/privado deverão estar sendo (re)pensados pelos educadores. Capacidade de análise crítica, a ética, os valores individuais e coletivos, a moral serão alguns dos elementos obrigatórios nesse “coquetel” que vai além das tecnologias do ciberespaço. Novos temas Esse (re)pensar se articula a uma necessária ressignificação do que seria ensinar e aprender numa escola do século XXI Repensar, ressignificar E existem ainda recursos que serão importantes na gestão na escola e no trabalho integrado de professores, que devem abandonar a solidão que tem sido uma marca forte de sua profissão. Gestão da escola Ícones da Web 2.0 YouTube http://www.youtube.com/ Repositório compartilhado de vídeos Flickr http://www.flickr.com/ Repositório compartilhado de fotografias [álbum virtual] Del.icio.us http://del.icio.us/ Repositório on-line de URL RSS [Really Simple Syndication] Divulgação automática de blogs e sites, agregando informações. Technorati http://www.technorati.com/ Motor [search engine] de busca de blogs FeedBurner http://www.feedburner.com/ Provedor de serviço de distribuição de mídia e engajamento de audiência para blogs e RSS. Escrita on-line Slide 31: WEB 2.0 WEB 2.0 tecnologia em novos tempos novos desafios à escola novas oportunidades para a educação Educação e tecnologias da informação Professor Dr. Simão Pedro P. Marinho PUC MinasPrograma de Pós-graduação em Educação Velhos tempos Velhos tempos Novos tempos Novos tempos Hibridização de tecnologias e linguagens. Convergência de mídias Mundo imagético Lugar da convergência Fantasia que vira realidade Real convergência Web 2.0 A expressão foi cunhada, em 2001, por Tim O’Reilly, fundador da editora O’Reilly Media, especializada em livros na área de informática. Web 2.0 Conferencerealizada desde 2004, em San Francisco, USAwww.web2con.com Mochileiro digital Gênese Escritório on-line Idéia READ/WRITE WEB Tim Berners-Lee A Web 2.0 é a rede no tempo de uma Sociedade da Autoria, onde cada internauta se torna (co)autor ou (co)produtor e compartilha - com os demais indivíduos imersos numa cibercultura – a sua produção. Assim, os internautas deixam de ser apenas leitores isolados o

Add a comment

Related presentations

Related pages

Web 2.0 - Brasil Escola

Nos dias atuais, muito se tem falado a respeito de Web 2.0. O conceito para o termo foi criado por Tim O’Reilly, em 2003, o qual diz que Web 2.0 é “a ...
Read more

A Escola e a Web 2.0 - YouTube

Want to watch this again later? Sign in to add this video to a playlist. Vídeo elaborado no âmbito da Unidade Curricular de Tecnologias ...
Read more

A ESCOLA E A WEB 2.0 by cristina cunha da cruz on Prezi

Imagens fickr.com PICS 4 LEARNING PICS4 learning Flickrcc COMPFIGH videos vimeo nextvista for learning LER E ESTUDAR DIGITAL com as ferramentas web2.0 ...
Read more

WEB 2.0 e a escola ppt - WizIQ, Inc

WEB 2.0 e a escola . Post to: Tweet. Type: ppt. internet - computador - escola - educaçÃo; Undergrad and Grad; Computers and Technology; Discussion ...
Read more

Web 2.0 - A máquina somos nós - YouTube

... http://www.youtube.com/watch?v=NLlGop... ... da Escola do Futuro da USP ... La Web 2.0: La revolución ...
Read more

Inserir una Web - EsCola 2.0

Taller d'Identitat digital i Xarxes Socials. WIKIS d'AULA. Competència Digital Cicle Superior
Read more

EsCola 2.0

EsCola 2.0. Cerca en aquest lloc. BENVINGUDA; NOTICIES. NAVEGADOR. BENVINGUDA. PLE. AVATAR. GOOGLE APPS. ... Inserir una Web. Duplicar Google Site. EINES 2 ...
Read more

Educação em ação: WEB 2.0 NA ESCOLA E SEU IMPACTO NA ...

A Web 2.0 contribui com a nova fase de convergência e integração das mídias, pois tem um grande potencial facilitando o desenvolvimento das ferramentas ...
Read more

A web 2.0 na Educação - Educar para Crescer

... especialmente via web 2.0. ... Sinais dos novos tempos! É a escola funcionando 24 horas por dia, a qualquer momento, em qualquer lugar. (*) ...
Read more

a escola e a web2.0

BLOGOTECA AE FORTE DA CASA Acesso organizado aos blogs criados e actualizados regularmente pela Equipa das Bibliotecas Escolares, em articulação com os ...
Read more