advertisement

Som de Cinema

33 %
67 %
advertisement
Information about Som de Cinema
Entertainment

Published on October 24, 2007

Author: Janelle

Source: authorstream.com

advertisement

SOM DE CINEMA:  SOM DE CINEMA Isabela Carvalho HISTÓRICO:  HISTÓRICO 1888: Cinetoscópio. Inventado por Thomas Edison - formato 35 mm; 1895: Louis Lumière pede o registro da patente do cinematógrafo. Primeira sessão pública de cinema em Paris; 1906: George Albert Smith patenteia o Kinemacolor, primeiro processo comercial para filmes coloridos; 1927: Surgimento do Vitaphone. O Cantor de Jazz, primeiro filme "sonoro, falado e cantado" chega às salas de cinema; 1931: Surgiu o Movietone que imprimia o som na própria película; 1941: Primeiro sistema sonoro em vários canais, desenvolvido por Walt Disney para o filme Fantasia; 1992: Lança o Dolby Digital; Cinetoscópio:  Cinetoscópio A pessoa olhava através de um visor para o interior do gabinete e rodando uma manivela podia ver as fotos em movimento. O cinetoscópio era uma caixa que tinha dentro um filme com fotografias em série. Imagens só podem ser vistas por um espectador de cada vez; HISTÓRICO:  HISTÓRICO 1888: Cinetoscópio. Inventado por Thomas Edison - formato 35 mm; 1895: Louis Lumière pede o registro da patente do cinematógrafo. Primeira sessão pública de cinema em Paris; 1906: George Albert Smith patenteia o Kinemacolor, primeiro processo comercial para filmes coloridos; 1927: Surgimento do Vitaphone. O Cantor de Jazz, primeiro filme "sonoro, falado e cantado" chega às salas de cinema; 1931: Surgiu o Movietone que imprimia o som na própria película; 1941: Primeiro sistema sonoro em vários canais, desenvolvido por Walt Disney para o filme Fantasia; 1992: Lança o Dolby Digital; The Jazz Singer:  The Jazz Singer E o cinema nunca mais foi o mesmo... Vitaphone:  Vitaphone Lançado pela Warner Bross; Sistema de Sonorização em discos; sincronismo mecânico; Gravação Mecânica:  Gravação Mecânica Thomas Edison; É a base de gravação de fonógrafo; O sinal auditivo é representado por um entalhe ondeante na superfície do cilindro ou disco. Para a reprodução, a gravação gira em uma plataforma giratória enquanto uma agulha segue o padrão de meneios no entalhe. HISTÓRICO:  HISTÓRICO 1888: Cinetoscópio. Inventado por Thomas Edison - formato 35 mm; 1895: Louis Lumière pede o registro da patente do cinematógrafo. Primeira sessão pública de cinema em Paris; 1906: George Albert Smith patenteia o Kinemacolor, primeiro processo comercial para filmes coloridos; 1927: Surgimento do Vitaphone. O Cantor de Jazz, primeiro filme "sonoro, falado e cantado" chega às salas de cinema; 1931: Surgiu o Movietone que imprimia o som na própria película; 1941: Primeiro sistema sonoro em vários canais, desenvolvido por Walt Disney para o filme Fantasia; 1992: Lança o Dolby Digital; Movietone:  Movietone Desenvolvido pela FOX; As limitações e chiados em excesso e falta de sincronismo foram resolvidos com o Movietone. Utilizava um sistema de leitura óptica, que imprimia o som na própria película; Filme: O sétimo Céu. O Projetor:  O Projetor Introduz-se o carretel do filme no compartimento adequado e cada fotograma é exposto a uma fonte de luz enquadrada por uma pequenina janela. Um dispositivo com célula fotoelétrica faz a leitura do som óptico e o transmite para um autofalante. O projetor deve funcionar à mesma velocidade com o que foi rodado o filme; caso contrário, ocorrem os efeitos conhecidos como câmera rápida ou câmera lenta. Telefone Sem Fio:  Telefone Sem Fio A invenção de Landell de Moura tornou possível a invenção do som no cinema. Gravação de Som na Película:  Gravação de Som na Película Reprodução do Som na Película:  Reprodução do Som na Película Princípio do Som Óptico:  Princípio do Som Óptico As vibrações sonoras a serem gravadas são transcritas através das variações da opacidade da pista sonora. Slide17:  Os fotogramas de uma película, diferindo ligeiramente um do outro, vendo-se do lado esquerdo da película a trilha sonora onde os tons de cinza ao negro, variam em freqüência de acordo com o sinal de áudio gravado. Tipos de Películas:  Tipos de Películas Película 8 mm. - cinema amador. Foi substituída por câmeras de vídeo; Película 16 mm. - documentários; Película 35mm. - cinema profissional; Película 70 mm. - grandes produções (melhor qualidade de fotografia); HISTÓRICO:  HISTÓRICO 1888: Cinetoscópio. Inventado por Thomas Edison - formato 35 mm; 1895: Louis Lumière pede o registro da patente do cinematógrafo. Primeira sessão pública de cinema em Paris; 1906: George Albert Smith patenteia o Kinemacolor, primeiro processo comercial para filmes coloridos; 1927: Surgimento do Vitaphone. O Cantor de Jazz, primeiro filme "sonoro, falado e cantado" chega às salas de cinema; 1931: Surgiu o Movietone que imprimia o som na própria película; 1941: Primeiro sistema sonoro em vários canais, desenvolvido por Walt Disney para o filme Fantasia; 1992: Lança o Dolby Digital; Sistema Multicanais:  Sistema Multicanais Foi regravado em Dolby Stereo em 1982 por Irwin Kostal, utilizando arranjos de Stokowski; Para a estréia de Fantasia o cinema da Broadway foi equipado com o "Fantasound", um sistema estereofônico de som que consistia num total de 90 alto-falantes dentro da sala de cinema. Som Circundante:  Som Circundante Conhecido por Surround; distribuição espacial do som em um ambiente através de caixas acústicas estrategicamente posicionadas; A idéia é proporcionar ao ouvinte uma sensação de 'imersão' dentro do ambiente; A capacidade de diferenciar as posições onde estão as fontes de som é chamada estereofonia. Sistema Mono x Stereo:  Sistema Mono x Stereo Sistema Mono: 2 pistas idênticas Sistema Stereo: Informações diferentes Mono Stereo HISTÓRICO:  HISTÓRICO 1888: Cinetoscópio. Inventado por Thomas Edison - formato 35 mm; 1895: Louis Lumière pede o registro da patente do cinematógrafo. Primeira sessão pública de cinema em Paris; 1906: George Albert Smith patenteia o Kinemacolor, primeiro processo comercial para filmes coloridos; 1927: Surgimento do Vitaphone. O Cantor de Jazz, primeiro filme "sonoro, falado e cantado" chega às salas de cinema; 1931: Surgiu o Movietone que imprimia o som na própria película; 1941: Primeiro sistema sonoro em vários canais, desenvolvido por Walt Disney para o filme Fantasia; 1992: Lança o Dolby Digital; Som Analógico x Digital:  Som Analógico x Digital Na tecnologia analógica, a trilha de som ótico de um filme cria uma analogia entre as variações na amplitude do som captado e as variações nas áreas transparentes e opacas impressas na película fotográfica; Na tecnologia digital as informações são registradas através de um processo de conversão que transforma essas informações em números (dígitos). Decodificadores de Som para Cinema:  Decodificadores de Som para Cinema Dolby Digital (Dolby Laboratories); DTS (NuOptix e Estúdios Universal); SDDS (Sony e Colúmbia Pictures); Esses três sistemas são incompatíveis entre si, utilizando leitores e decodificadores de sinal específicos. Posicionamento das Pistas de Som na Película Cinematográfica:  Posicionamento das Pistas de Som na Película Cinematográfica Nas duas laterais: Sony, SDDS; Ao lado do fotograma: Time code do DTS; Entre as perfurações: Dolby; Sinal analógico estéreo; Laboratório Dolby:  Laranja Mecânica é o primeiro filme a usar o som Dolby em sua trilha sonora. O sistema foi desenvolvido por Ray Dolby, professor da Universidade de Oxford. Guerra Nas Estrelas (1978), de George Lucas, é lançado em quarenta e seis cinemas equipados com Dolby Stereo e ganha o Oscar pelo desenvolvimento sonoro. Laboratório Dolby Dolby Digital:  Dolby Digital Dolby Analógico (Spectral Recording) Tecnologia ótica analógica que codifica o som em quatro canais. Esquerdo, centro e direito. O quarto canal, surround, é ouvido sobre os alto-falantes nos lados e na parte traseira do cinema. É usado nos cinemas não equipados para o som digital. Em salas equipadas para o som digital, serve como um apoio em caso dos problemas com a trilha digital. Dolby Digital (1996) Além dos 3 canais atrás da tela, possui 2 canais surround independentes (esquerdo, direito) e um sexto canal para sub graves. Por isso Dolby 5.1. Dolby Digital EX 6.1 Introduz um canal traseiro central ao formato Dolby Digital. Este canal adicional melhora o realismo do áudio. DTS:  DTS Digital Theater System foi desenvolvido pela NuOptix; Steven Spielberg é um dos principais defensores (e acionistas...); Jurassic Park (1993) é o primeiro filme exibido em DTS; DTS:  DTS A sincronia é garantida pois o sistema possui um buffer que lê um pouco à frente do que está de fato a ser reproduzido, e, em falhas, entra em ação a faixa analógica de backup, esta sim impressa na película. O processo analógico é conhecido por DTS Stereo e é compatível com Dolby Stereo; O filme possui uma faixa ("timecode") que permite a sincronização da imagem projetada com o som digital, frame a frame, de forma que, mesmo que surja alguma falha, o som nunca perde essa sincronia. SDDS:  SDDS Sony Dynamic Digital Sound; O primeiro filme a exibido em SDDS é “O Último Grande Herói” com Arnold Schwarznegger (1993). Reproduz até oito canais. Além dos seis canais dos sistemas da Dolby e DTS, o sistema SDDS oferece a possibilidade de reprodução de mais dois canais atrás da tela de projeção: esquerdo-centro e direito-centro; É gravada nas duas extremidades laterais - uma delas é usada apenas para prevenir erros de gravação. Mais caro que o DTS e o Dolby Digital; SDDS:  SDDS Dolby X DTS:  Dolby X DTS Dolby X DTS:  Dolby X DTS O sistema da Dolby ganha em praticidade, pois já está codificado na cópia. O DTS requer um CD e o player; Dolby - 12:1 x DTS - 3:1 Dolby - Padrão “neutro” no mercado. THX:  THX Tomlinson Holman’s eXperiment; THX -1138 (1971) - primeiro longa-metragem de George Lucas; Trata-se de uma especificação de instalação de caixas de som e projeção publicada pela Lucasfilm; Nasceu em 1983, da necessidade de projetar os filmes tal e qual eles são feitos em qualquer cinema ou sala de espetáculos; O certificado THX, que compreende visita anual de checagem por técnicos especializados, custa em torno de U$ 40 mil. THX:  THX Um sistema THX preocupa-se com : Estrutura Física do Auditório; Sistema de Projeção; Disposição dos Assentos; Sistema de som. Algumas Regras: Não pode haver ruído acima de -30db/oitava; Não pode haver reverberações; Projetor deve apontar para o centro do ecrã, desvio máximo de 5%. Casablanca Digital System:  Casablanca Digital System O Casablanca Digital System é um sistema desenvolvido no Brasil, que possibilita a projeção do filme sem o uso da película; É pioneira no sistema de projeção digital no Brasil; Desenvolvido pela TeleImage é reconhecido internacionalmente; Utiliza-se antena de satélite instalada na sala de cinema um projetor DLP Cinema, ligado a um servidor de alta perfomance e um decodificador; O investimento é de até U$ 300.000,00 Conclusão:  Conclusão Sem dúvidas, a longo prazo o cinema digital será inevitável, e o nosso bom e velho formato de 35 mm será abandonando, hoje com 118 anos. Projetor Digital DLP Referências:  Referências Fundamentos da Física, vol2. Halliday e Robert; Revista Hometheater; www.dolby.com; www.dts.com; www.sdds.com; www.timefordvd.com;

Add a comment

Related presentations

Related pages

Inici | Som Cinema

Aquest migdia l'Institut d'Estudis Ilerdencs ha acollit la sessió de projeccions dels curtmetratges documentals que competeixen al Som Cinema.
Read more

Som no Cinema - YouTube

Som no Cinema MooViola. Subscribe Subscribed Unsubscribe 59 59. Loading ... At the Cinema - Mr Bean - Duration: 4:35. Mr. Bean 32,638,019 views ...
Read more

SM Cinema

Purchase your cinema movie tickets online. Check the latest now showing movie schedules on the best cinema in Manila and Cebu. Entertainment at its best.
Read more

O Som no Cinema - Parte 1 - YouTube

Este Documentário foi produzido pela Rede Tv Jovem. Fala sobre a importância do som... Fotografia: Leandro Caldas e Alex Maia Edição ...
Read more

Sonorização – Wikipédia, a enciclopédia livre

Som no cinema. A sonorização é parte fundamental de um filme mesmo antes do cinema falado. Até 1926, as sessões de cinema eram acompanhadas por ...
Read more

Campanya | Som Cinema

(Barcelona) Durada: 28’. Any: 2015. Director: Andrés Alonso, Catarina Brites, Alejandro Cabrera, Lara Curto, Damián Depetris. Productora: Màster en ...
Read more

Como funciona o som de cinema | ComotudoFunciona

Para Spielgerg, o som é o maior feito dos filmes contemporâneos. Entenda o por quê a partir dos impressionantes sistemas de som dos cinemas atuais.
Read more

IMDb - Movies, TV and Celebrities

IMDb, the world's most popular and authoritative source for movie, TV and celebrity content.
Read more

Cinema City - Home Page

Staňte sa fanúšikom Cinema City Slovensko na FACEBOOKU Máte otázky či pripomienky? Kontaktujte nás. O Nás. Cinema City International ;
Read more

Cinemark - Theatres

©2016 Cinemark USA, Inc. Century Theatres, CinéArts, Rave and Tinseltown are Cinemark brands.
Read more