advertisement

Sistemas de Informação nas Organizações

50 %
50 %
advertisement
Information about Sistemas de Informação nas Organizações
Business & Mgmt

Published on January 2, 2009

Author: adfigueiredoPT

Source: slideshare.net

Description

Apresentação de António Dias de Figueiredo na Conferência em Sistemas de Informação - CSI’2001, Instituto Politécnico de Leiria, Leiria, 23 de Outubro de 2001.
advertisement

Figueiredo, A. D. (2001). Sistemas de Informação nas Organizações. Conferência em Sistemas de Informação - CSI’2001, Instituto Politécnico de Leiria, Leiria, 23 de Outubro de 2001 CSI’2001 Conferência em Sistemas de Informação, 23 de Outubro de 2001 Sessão I – Sistemas de Informação nas Organizações SISTEMAS DE INFORMAÇÃO NAS ORGANIZAÇÕES António Dias de Figueiredo (orador convidado) Universidade de Coimbra A. Dias de Figueiredo 2001 CONFERÊNCIA DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO – Sistemas de Informação nas Organizações – Instituto Politécnico de Leiri Acetato 1

SISTEMAS DE INFORMAÇÃO NAS ORGANIZAÇÕES: 1.  PERSPECTIVA PROFISSIONAL 2.  PERSPECTIVA ACADÉMICA 3.  PERSPECTIVA CIENTÍFICA A. Dias de Figueiredo 2001 CONFERÊNCIA DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO – Sistemas de Informação nas Organizações – Instituto Politécnico de Leiri Acetato 2

PERSPECTIVA PROFISSIONAL A. Dias de Figueiredo 2001 CONFERÊNCIA DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO – Sistemas de Informação nas Organizações – Instituto Politécnico de Leiri Acetato 3

PERSPECTIVA PROFISSIONAL SIO como Engenharia SIO como Ciência Humana A. Dias de Figueiredo 2001 CONFERÊNCIA DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO – Sistemas de Informação nas Organizações – Instituto Politécnico de Leiri Acetato 4

PERSPECTIVA PROFISSIONAL SIO como Engenharia SIO como Ciência Humana A. Dias de Figueiredo 2001 CONFERÊNCIA DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO – Sistemas de Informação nas Organizações – Instituto Politécnico de Leiri Acetato 5

SIO COMO UMA ENGENHARIA AS QUATRO COMPONENTES DE UMA ENGENHARIA PROJECTO CIÊNCIA •  sistema •  teoria •  equipa •  modelo teórico •  modelo da solução •  metodologia •  contrato •  publicação •  recurso •  comunicação •  compromisso •  conferência •  estratégia •  produto •  visão •  serviço •  valor •  obra •  cliente •  mercado •  produto •  preço REALIZAÇÃO NEGÓCIO A. Dias de Figueiredo 2001 CONFERÊNCIA DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO – Sistemas de Informação nas Organizações – Instituto Politécnico de Leiri Acetato 6

SIO COMO UMA ENGENHARIA Perfil de alguns engenheiros das nossas escolas PROJECTO CIÊNCIA REALIZAÇÃO NEGÓCIO A. Dias de Figueiredo 2001 CONFERÊNCIA DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO – Sistemas de Informação nas Organizações – Instituto Politécnico de Leiri Acetato 7

SIO COMO UMA ENGENHARIA Sob o ponto de vista da ciência moderna, projecto não é nada, mas sob o ponto de vista da engenharia projecto é tudo. Edward Layton A. Dias de Figueiredo 2001 CONFERÊNCIA DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO – Sistemas de Informação nas Organizações – Instituto Politécnico de Leiri Acetato 8

SIO COMO UMA ENGENHARIA Um cientista descobre o que existe. Um engenheiro cria o que nunca existiu. Theodore von Kárman A. Dias de Figueiredo 2001 CONFERÊNCIA DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO – Sistemas de Informação nas Organizações – Instituto Politécnico de Leiri Acetato 9

SIO COMO UMA ENGENHARIA Os engenheiros não são primariamente cientistas. Se têm que ser classificados, deverão ser considerados mais humanistas do que cientistas. Hardy Cross A. Dias de Figueiredo 2001 CONFERÊNCIA DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO – Sistemas de Informação nas Organizações – Instituto Politécnico de Leiri Acetato 10

PERSPECTIVA PROFISSIONAL SIO como Engenharia SIO como Ciência Humana A. Dias de Figueiredo 2001 CONFERÊNCIA DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO – Sistemas de Informação nas Organizações – Instituto Politécnico de Leiri Acetato 11

PERSPECTIVA PROFISSIONAL SIO como Engenharia SIO como Ciência Humana A. Dias de Figueiredo 2001 CONFERÊNCIA DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO – Sistemas de Informação nas Organizações – Instituto Politécnico de Leiri Acetato 12

PERSPECTIVA PROFISSIONAL Os SIOs começam onde acaba a Engenharia Informática (…) Há muito mais nos SIOs do que tecnologias da informação (…) Há processos organizacionais e políticos muito ricos. Allen Lee A. Dias de Figueiredo 2001 CONFERÊNCIA DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO – Sistemas de Informação nas Organizações – Instituto Politécnico de Leiri Acetato 13

PERSPECTIVA PROFISSIONAL Um sistema de informação e o seu contexto organizacional têm efeitos transformacionais um sobre o outro (…) O sistema de informação e o contexto organizacional têm que ser estudados, compreendidos e geridos simultaneamente, não separadamente Allen Lee A. Dias de Figueiredo 2001 CONFERÊNCIA DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO – Sistemas de Informação nas Organizações – Instituto Politécnico de Leiri Acetato 14

PERSPECTIVA ACADÉMICA A. Dias de Figueiredo 2001 CONFERÊNCIA DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO – Sistemas de Informação nas Organizações – Instituto Politécnico de Leiri Acetato 15

PERSPECTIVA ACADÉMICA Perspect.Negócio e Mundo Real Compet. Interpess. e Comunic. Compet. Analíticas e Críticas FUNDAMENTOS NÚCLEO INTEGRAÇÃO PROFISSÃO A. Dias de Figueiredo 2001 CONFERÊNCIA DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO – Sistemas de Informação nas Organizações – Instituto Politécnico de Leiri Acetato 16

PERSPECTIVA ACADÉMICA MATEMÁTICA FUNDAMENTOS •  Análise •  Estatística SI/TI •  Arquitectura e Sistemas Operativos •  Programação e Estruturas de Dados •  Bases de Dados PROCESSOS DO NEGÓCIO •  Contabilidade •  Marketing •  Comportamento Organizacional ORGANIZAÇÃO E GESTÃO •  Teoria das Organizações •  Processos de Gestão •  Gestão Estratégica A. Dias de Figueiredo 2001 CONFERÊNCIA DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO – Sistemas de Informação nas Organizações – Instituto Politécnico de Leiri Acetato 17

PERSPECTIVA ACADÉMICA NÚCLEO GESTÃO DE DADOS ANÁLISE, MODELAÇÃO E PROJECTO ENGENHARIA DE SOFTWARE INTERACÇÃO COM O UTILIZADOR REDES E COMUNICAÇÃO DE DADOS GESTÃO DE PROJECTO E DA MUDANÇA ESTRATÉGIAS E GOVERNANÇA DE TI A. Dias de Figueiredo 2001 CONFERÊNCIA DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO – Sistemas de Informação nas Organizações – Instituto Politécnico de Leiri Acetato 18

PERSPECTIVA ACADÉMICA INTEGRAÇÃO DA EMPRESA INTEGRAÇÃO •  Visão integrada da empresa nos seus relacionamentos com o ambiente •  Integração da empresa nas redes de valor •  Integração de processos e de necessidades INTEGRAÇÃO DA FUNÇÃO SI •  Definição dos processos organizacionais •  Métodos de gestão e recursos humanos •  Função do Director de Informática •  Medidas de desempenho INTEGRAÇÃO DAS TECNOLOGIAS •  Arquitecturas, plataformas, prioridades •  Avaliação de tecnologias emergentes •  Normas A. Dias de Figueiredo 2001 CONFERÊNCIA DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO – Sistemas de Informação nas Organizações – Instituto Politécnico de Leiri Acetato 19

PERSPECTIVA ACADÉMICA PROFISSÃO •  Consultoria •  Academia •  Gestão de Dados e de Data Wharehouses •  Decisão •  Comércio Electrónico •  Planeamento de Recursos •  Gestão de Relacionamentos •  Gestão de Projecto •  Gestão Global de TI •  Gestão do Conhecimento e Aprendizagem Organizacional •  Gestão da Função de SI (interna) •  Gestão da Função de SI (externa) •  Análise e Projecto de Sistemas •  Gestão da Tecnologia •  Telecomunicações •  Novas Formas de Trabalho •  Serviços e Governança de TI A. Dias de Figueiredo 2001 CONFERÊNCIA DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO – Sistemas de Informação nas Organizações – Instituto Politécnico de Leiri Acetato 20

PERSPECTIVA CIENTÍFICA A. Dias de Figueiredo 2001 CONFERÊNCIA DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO – Sistemas de Informação nas Organizações – Instituto Politécnico de Leiri Acetato 21

PERSPECTIVA CIENTÍFICA Desenvolvimento de SI SI para a Nova Economia SI & Ciências Sociais Teorização dos SI Dimensão Epistemológica A. Dias de Figueiredo 2001 CONFERÊNCIA DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO – Sistemas de Informação nas Organizações – Instituto Politécnico de Leiri Acetato 22

PERSPECTIVA CIENTÍFICA Desenvolvimento de SI SI para a Nova Economia SI & Ciências Sociais Teorização dos SI Dimensão Epistemológica A. Dias de Figueiredo 2001 CONFERÊNCIA DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO – Sistemas de Informação nas Organizações – Instituto Politécnico de Leiri Acetato 23

DESENVOLVIMENTO DE SI O SISTEMA DE INFORMAÇÃO COMO SUB-SISTEMA DE UMA ORGANIZAÇÃO EMPRESA (ex.: fábrica de papel) Matérias primas Produtos finais (ex.: madeira) (ex.: pasta, papel) TRANSFORMAÇÃO A. Dias de Figueiredo 2001 CONFERÊNCIA DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO – Sistemas de Informação nas Organizações – Instituto Politécnico de Leiri Acetato 24

DESENVOLVIMENTO DE SI O SISTEMA DE INFORMAÇÃO COMO SUB-SISTEMA DE UMA ORGANIZAÇÃO EMPRESA (ex.: fábrica de papel) EMPRESA (ex.: fábrica de papel) Matérias primas Produtos finais (ex.: madeira) (ex.: pasta, papel) SISTEMA DE TRANSFORMAÇÃO TRANSFORMAÇÃO A. Dias de Figueiredo 2001 CONFERÊNCIA DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO – Sistemas de Informação nas Organizações – Instituto Politécnico de Leiri Acetato 25

DESENVOLVIMENTO DE SI O SISTEMA DE INFORMAÇÃO COMO SUB-SISTEMA DE UMA ORGANIZAÇÃO SISTEMA DE EMPRESA GESTÃO & CONTOLO (ex.: fábrica de papel) EMPRESA (ex.: fábrica de papel) Matérias primas Produtos finais (ex.: madeira) (ex.: pasta, papel) SISTEMA DE TRANSFORMAÇÃO TRANSFORMAÇÃO A. Dias de Figueiredo 2001 CONFERÊNCIA DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO – Sistemas de Informação nas Organizações – Instituto Politécnico de Leiri Acetato 26

DESENVOLVIMENTO DE SI O SISTEMA DE INFORMAÇÃO COMO SUB-SISTEMA DE UMA ORGANIZAÇÃO SISTEMA DE EMPRESA GESTÃO & CONTOLO (ex.: fábrica de papel) SISTEMA DE INFORMAÇÃO EMPRESA (ex.: fábrica de papel) Matérias primas Produtos finais (ex.: madeira) (ex.: pasta, papel) SISTEMA DE TRANSFORMAÇÃO TRANSFORMAÇÃO A. Dias de Figueiredo 2001 CONFERÊNCIA DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO – Sistemas de Informação nas Organizações – Instituto Politécnico de Leiri Acetato 27

DESENVOLVIMENTO DE SI O SISTEMA DE INFORMAÇÃO COMO SUB-SISTEMA DE UMA ORGANIZAÇÃO SISTEMA DE GESTÃO & CONTOLO SISTEMA DE SISTEMA DE INFORMAÇÃO INFORMAÇÃO TRANSFORMAÇÃO SISTEMA DE INFORMAÇÃO A. Dias de Figueiredo 2001 CONFERÊNCIA DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO – Sistemas de Informação nas Organizações – Instituto Politécnico de Leiri Acetato 28

DESENVOLVIMENTO DE SI AS ORGANIZAÇÕES INTERLIGADAS PELOS SEUS SISTEMAS DE INFORMAÇÃO SISTEMA DE GESTÃO & CONTOLO A. Dias de Figueiredo 2001 CONFERÊNCIA DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO – Sistemas de Informação nas Organizações – Instituto Politécnico de Leiri Acetato 29

DESENVOLVIMENTO DE SI Cadeia de valor interna ANÁLISE MODELO ARQ. DA BSP, ESTRATÉGICA DO NEGÓCIO INFORMAÇÃO etc. Modelo ER, DFD, OO dos Dados Base de Dados Meta-Projecto de SOLUÇÃO DE SISTEMA Eng. de Software DE INFORMAÇÃO A. Dias de Figueiredo 2001 CONFERÊNCIA DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO – Sistemas de Informação nas Organizações – Instituto Politécnico de Leiri Acetato 30

DESENVOLVIMENTO DE SI Cadeia de valor interna ANÁLISE MODELO ARQ. DA BSP, ESTRATÉGICA DO NEGÓCIO INFORMAÇÃO Arq. OO Modelo Modelo dos Dados das Interacções Base de Dados Intranet / Extranet Modelos Modelos de Workflow OO Interacção OO SOLUÇÃO DE SISTEMA Meta-Projecto de DE INFORMAÇÃO Eng. de Software OO RUP A. Dias de Figueiredo 2001 CONFERÊNCIA DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO – Sistemas de Informação nas Organizações – Instituto Politécnico de Leiri Acetato 31

DESENVOLVIMENTO DE SI ANÁLISE ARQ. MODELO ARQ. DA ESTRATÉGICA DO NEGÓCIO INFORMAÇÃO Modelo Modelo Modelo da Carteira dos Dados das Interacções SOLUÇÃO DE SISTEMA Projecto de DE INFORMAÇÃO INTEGRAÇÃO ERP, CRM, Portal, Decisional, Intranet/Extranet Workflow, Legado A. Dias de Figueiredo 2001 CONFERÊNCIA DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO – Sistemas de Informação nas Organizações – Instituto Politécnico de Leiri Acetato 32

DESENVOLVIMENTO DE SI IMPLEMENTAÇÃO INTEGRADA ESTRATÉGIA DO NEGÓCIO ARQUITECTURA DE INFORMAÇÃO ANÁLISE ESTRATÉGICA MODELO DO NEGÓCIO Cadeia de valor interna • Visão, missão, objectivos MODELO DOS • Factores críticos de sucesso DADOS/PROCESSOS • Análise SWOT (OBJECTOS/ACTIVIDADES) • Matrizes (Boston McKinsey) • Competências chave MODELO DAS • Forças concorrenciais INTERACÇÕES • Cadeia de valor externa CARTEIRA DE APLICAÇÕES ERP SCM CRM PRM • Solução Data Warehouse e Data Mart • Solução de Base de Dados •  Solução Intranet/Internet • Solução de interrogação •  Solução de Groupware • Solução de Data Mining • Solução de OLAP •  Solução de Workflow A. Dias de Figueiredo 2001 CONFERÊNCIA DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO – Sistemas de Informação nas Organizações – Instituto Politécnico de Leiri Acetato 33

DESENVOLVIMENTO DE SI “back-office” - Ferramentas Integradas de Gestão (ERP - Enterprise Resource Planning) e de Gestão da Cadeia de Valor (SCM - Supply Chain Management). “front-office” – Ferramentas Integradas de Gestão dos Relacionamentos (CRM, PRM, ERM), Gestão do Atendimento, Gestão das Assistências, Automatização do Marketing, Gestão de Relacionamentos, Automatização da Força de Vendas, Configuração de Vendas, Serviço de Campo. Gestão e Controlo Recursos Humanos Finanças Marketing Vendas Logística Operações e Serviços A. Dias de Figueiredo 2001 CONFERÊNCIA DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO – Sistemas de Informação nas Organizações – Instituto Politécnico de Leiri Acetato 34

PERSPECTIVA CIENTÍFICA Desenvolvimento de SI SI para a Nova Economia SI & Ciências Sociais Teorização dos SI Dimensão Epistemológica A. Dias de Figueiredo 2001 CONFERÊNCIA DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO – Sistemas de Informação nas Organizações – Instituto Politécnico de Leiri Acetato 35

PERSPECTIVA CIENTÍFICA Desenvolvimento de SI SI para a Nova Economia SI & Ciências Sociais Teorização dos SI Dimensão Epistemológica A. Dias de Figueiredo 2001 CONFERÊNCIA DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO – Sistemas de Informação nas Organizações – Instituto Politécnico de Leiri Acetato 36

SI PARA A NOVA ECONOMIA MODELOS DO NEGÓCIO A. Dias de Figueiredo 2001 CONFERÊNCIA DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO – Sistemas de Informação nas Organizações – Instituto Politécnico de Leiri Acetato 37

PERSPECTIVA CIENTÍFICA Desenvolvimento de SI SI para a Nova Economia SI & Ciências Sociais Teorização dos SI Dimensão Epistemológica A. Dias de Figueiredo 2001 CONFERÊNCIA DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO – Sistemas de Informação nas Organizações – Instituto Politécnico de Leiri Acetato 38

PERSPECTIVA CIENTÍFICA Desenvolvimento de SI SI para a Nova Economia SI & Ciências Sociais Teorização dos SI Dimensão Epistemológica A. Dias de Figueiredo 2001 CONFERÊNCIA DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO – Sistemas de Informação nas Organizações – Instituto Politécnico de Leiri Acetato 39

SI E CIÊNCIAS SOCIAIS COMUNIDADES APRENDIZAGEM & CULTURAS ORGANIZACIONAL & GESTÃO DO CONHECIMENTO TRABALHO COOPERATIVO CONTEXTOS DE APRENDIZAGEM ABERTA A. Dias de Figueiredo 2001 CONFERÊNCIA DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO – Sistemas de Informação nas Organizações – Instituto Politécnico de Leiri Acetato 40

PERSPECTIVA CIENTÍFICA Desenvolvimento de SI SI para a Nova Economia SI & Ciências Sociais Teorização dos SI Dimensão Epistemológica A. Dias de Figueiredo 2001 CONFERÊNCIA DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO – Sistemas de Informação nas Organizações – Instituto Politécnico de Leiri Acetato 41

PERSPECTIVA CIENTÍFICA Desenvolvimento de SI SI para a Nova Economia SI & Ciências Sociais Teorização dos SI Dimensão Epistemológica A. Dias de Figueiredo 2001 CONFERÊNCIA DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO – Sistemas de Informação nas Organizações – Instituto Politécnico de Leiri Acetato 42

TEORIZAÇÃO DOS SI SISTEMAS DE DESIGN CONTEXTUAL INTERACÇÃO Teorias da Actividade Teorias da Aprendizagem Teorias da Cooperação Teorias da Complexidade A. Dias de Figueiredo 2001 CONFERÊNCIA DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO – Sistemas de Informação nas Organizações – Instituto Politécnico de Leiri Acetato 43

PERSPECTIVA CIENTÍFICA Desenvolvimento de SI SI para a Nova Economia SI & Ciências Sociais Teorização dos SI Dimensão Epistemológica A. Dias de Figueiredo 2001 CONFERÊNCIA DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO – Sistemas de Informação nas Organizações – Instituto Politécnico de Leiri Acetato 44

PERSPECTIVA CIENTÍFICA Desenvolvimento de SI SI para a Nova Economia SI & Ciências Sociais Teorização dos SI Dimensão Epistemológica A. Dias de Figueiredo 2001 CONFERÊNCIA DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO – Sistemas de Informação nas Organizações – Instituto Politécnico de Leiri Acetato 45

DIMENSÃO EPISTEMOLÓGICA •  Componente GNOSEOLÓGICA •  Componente METODOLÓGICA •  Componente ÉTICA A componente GNOSEOLÓGICA esclarece-nos sobre que conhecimentos podemos considerar como válidos. A componente METODOLÓGICA esclarece-nos sobre como podemos obter esses conhecimentos válidos. A componente ÉTICA esclarece-nos sobre a aplicabilidade dos conhecimentos tidos por válidos. A. Dias de Figueiredo 2001 CONFERÊNCIA DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO – Sistemas de Informação nas Organizações – Instituto Politécnico de Leiri Acetato 46

CONCLUSÃO A. Dias de Figueiredo 2001 CONFERÊNCIA DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO – Sistemas de Informação nas Organizações – Instituto Politécnico de Leiri Acetato 47

SISTEMAS E TECNOLOGIAS DA INFORMAÇÃO NAS ORGANIZAÇÕES 1.  PERSPECTIVA PROFISSIONAL 2.  PERSPECTIVA ACADÉMICA 3.  PERSPECTIVA CIENTÍFICA A. Dias de Figueiredo 2001 CONFERÊNCIA DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO – Sistemas de Informação nas Organizações – Instituto Politécnico de Leiri Acetato 48

Figueiredo, A. D. (2000). Sistemas de Informação nas Organizações. Conferência em “Sistemas de Informação” CSI’2001, Instituto Politécnico de Leiria, Leiria, 23 de Outubro de 2001 FIM CSI’2001 Conferência em Sistemas de Informação, 23 de Outubro de 2001 Sessão I – Sistemas de Informação nas Organizações SISTEMAS DE INFORMAÇÃO NAS ORGANIZAÇÕES António Dias de Figueiredo (orador convidado) Universidade de Coimbra A. Dias de Figueiredo 2001 CONFERÊNCIA DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO – Sistemas de Informação nas Organizações – Instituto Politécnico de Leiri Acetato 49

Add a comment

Related presentations

Canvas Prints at Affordable Prices make you smile.Visit http://www.shopcanvasprint...

30 Días en Bici en Gijón organiza un recorrido por los comercios históricos de la ...

Con el fin de conocer mejor el rol que juega internet en el proceso de compra en E...

With three established projects across the country and seven more in the pipeline,...

Retailing is not a rocket science, neither it's walk-in-the-park. In this presenta...

What is research??

What is research??

April 2, 2014

Explanatory definitions of research in depth...

Related pages

Sistemas de Informação e seu papel nas Organizações

Teoria Geral de Sistemas de Informação Sistemas de Informação e seu papel nas Organizações Classificação dos Sistemas de Informação
Read more

A organização e a importância dos Sistemas de Informação.

A organização e a importância dos Sistemas de Informação. ... Tais ocorrências infelizmente são bastante comuns nas organizações, uma vez
Read more

Tipos de Sistemas nas Organizações - YouTube

Tipos de Sistemas nas Organizações ... Sistemas de Informação nas Empresas ... Sistemas de informação nas Organizações ...
Read more

Sistema de informação – Wikipédia, a enciclopédia livre

Dados são correntes de fatos brutos que importam eventos que estão ocorrendo nas organizações ou no ambiente ... Sistema de Informação nas ...
Read more

Papel dos Sistemas de Informação nas organizações

Sistema de Informação (em inglês, Information System) é a expressão utilizada para descrever um sistema automatizado (que pode ser denominado como ...
Read more

Sistemas de informação nas Organizações (Faculdade ...

Conceitos básicos, níveis organizacionais e tipos de sistemas para cada um, Caracteristicas de cada sistema (SIT, SIG, SAD), tipos de entrada ...
Read more

O Papel dos Sistemas de Informação nas Organizações

Os benefícios que os sistemas de informação proporcionam às organizações, ultrapassam os ganhos de eficiência nos processos de negócio, permitindo ...
Read more

Sistemas de informação nas organizações

Gestão Estratégica de Sistemas de Informação antonio.martins@iscte.pt 1 Sistemas de informação nas organizações 2 Sumário Sistemas de informação ...
Read more

Desenvolvimento de Sistemas de Informação nas Organizações

Introdução. O movimento de Desenvolvimento Organizacional surgiu como um conjunto complexo de ideias a respeito do homem, da organização e do ambiente ...
Read more