advertisement

Medicamentos Recombinantes

50 %
50 %
advertisement
Information about Medicamentos Recombinantes

Published on February 28, 2008

Author: VaniaCaldeira

Source: slideshare.net

Description

Apresentação sobre Medicamentos Recombinantes para a disciplina de BMC (2ºano Medicina). Caso de estudo: doença de Fabry.
advertisement

1º SEMINÁRIO DE BMC MEDICAMENTOS RECOMBINANTES Prof. : Dr. Célia Carvalho TP: 2 Cátia Barão Carolina Correia Francisco Santos Vânia Caldeira

MEDICAMENTOS RECOMBINANTES - O QUE SÃO? – Produtos da biotecnologia e engenharia genética Recurso a microorganismos e culturas de células para produção de substâncias com finalidade terapêutica Utilização da técnica de DNA recombinante para introduzir o segmento de material genético capaz de codificar a substância pretendida (enzimas, proteínas, hormonas, etc.) “ Fábrica biológica”

Produtos da biotecnologia e engenharia genética

Recurso a microorganismos e culturas de células para produção de substâncias com finalidade terapêutica

Utilização da técnica de DNA recombinante para introduzir o segmento de material genético capaz de codificar a substância pretendida (enzimas, proteínas, hormonas, etc.)

“ Fábrica biológica”

Situações Clínicas Diabetes (a insulina foi um dos primeiros medicamentos recombinantes a ser comercializado) Nanismo e outros problemas de crescimento (produção de hormonas de crescimento recombinantes) Hepatite B (a vacina foi a primeira a ser produzida por técnicas recombinantes)

Diabetes (a insulina foi um dos primeiros medicamentos recombinantes a ser comercializado)

Nanismo e outros problemas de crescimento (produção de hormonas de crescimento recombinantes)

Hepatite B (a vacina foi a primeira a ser produzida por técnicas recombinantes)

Situações Clínicas Doença de Gaucher (produção de glicocerebrosidase para substituição enzimática) Cancro (vários tratamentos administrados a doentes com cancro são proteínas recombinantes - Herceptin) Transplantes (medicamentos recombinantes que evitam a rejeição) Ainda em estudo: medicamentos recombinantes para doença de Pompe, esclerose múltipla, artrite reumatóide, etc…

Doença de Gaucher (produção de glicocerebrosidase para substituição enzimática)

Cancro (vários tratamentos administrados a doentes com cancro são proteínas recombinantes - Herceptin)

Transplantes (medicamentos recombinantes que evitam a rejeição)

Ainda em estudo: medicamentos recombinantes para doença de Pompe, esclerose múltipla, artrite reumatóide, etc…

Situação Clínica Abordada DOENÇA DE FABRY (angioqueratoma corpóreo difuso) O que é? Alteração ligada ao sexo, caracterizada pela deficiência da enzima alfa-galactosidase A. Acumulação celular intralisossómica e deposição generalizada do glicoesfingolípido, globotriasosilceramida ou GL-3, nos vasos de múltiplos sistemas .

DOENÇA DE FABRY (angioqueratoma corpóreo difuso)

O que é?

Alteração ligada ao sexo, caracterizada pela deficiência da enzima alfa-galactosidase A.

Acumulação celular intralisossómica e deposição generalizada do glicoesfingolípido, globotriasosilceramida ou GL-3, nos vasos de múltiplos sistemas .

Situação Clínica Abordada Porque acontece? Mutação de um gene presente no cromossoma sexual X, de carácter recessivo Homens maioritariamente afectados Mulheres heterozigóticas portadoras geralmente sem sintomas Indivíduos masculinos do grupo sanguíneo AB ou B – evolução clínica mais grave

Porque acontece?

Mutação de um gene presente no cromossoma sexual X, de carácter recessivo

Homens maioritariamente afectados

Mulheres heterozigóticas portadoras geralmente sem sintomas

Indivíduos masculinos do grupo sanguíneo AB ou B – evolução clínica mais grave

Situação Clínica Abordada Sintomas Erupções cutâneas Dor Transpiração afectada Alterações oculares Prejuízo ou dano de órgãos e sistemas importantes (problemas renais, cardíacos e sistema nervoso central, factores emocionais)

Sintomas

Erupções cutâneas

Dor

Transpiração afectada

Alterações oculares

Prejuízo ou dano de órgãos e sistemas importantes (problemas renais, cardíacos e sistema nervoso central, factores emocionais)

Situação Clínica Abordada Medicamentos recombinantes aplicados à doença de Fabry Problemas desta técnica enquanto terapia eficaz: - Actualmente tem custos muito elevados o que a torna pouco acessível; - Taxa de absorção da enzima recombinante por parte dos lisossomas ainda é muito baixa; - Não “cura” a doença definitivamente, requer tratamentos periódicos através de injecções de enzimas recombinantes no organismo Incapacidade de produção da enzima lisossómica α -GalA Incapacidade de digerir GL-3 Tratamento por reposição da enzima α -GalA Produção de enzima recombinante α -GalA em sistemas biológicos

Medicamentos recombinantes aplicados à doença de Fabry

Problemas desta técnica enquanto terapia eficaz:

- Actualmente tem custos muito elevados o que a torna pouco acessível;

- Taxa de absorção da enzima recombinante por parte dos lisossomas ainda é muito baixa;

- Não “cura” a doença definitivamente, requer tratamentos periódicos através de injecções de enzimas recombinantes no organismo

Situação Clínica Abordada Processo de produção da enzima recombinante Criação de estirpe de Saccharomyces cerevisiae (HPY21G) A partir de estirpe que não contém genes responsáveis pela produção de proteínas antigénicas para o nosso organismo e que tem capacidade de se manosilforilar (gene MNN4) – HPY21; Introdução do gene para α -GalA humana no locus TRP1 estirpe HPY21. Após processos de purificação, as enzimas resultantes do metabolismo da levedura apresentam cadeias fosforiladas mas com “cap” de resíduos de manose que deve ser removido para enzima ser reconhecida por receptores da membrana de manose-6-fosfato por isso recorre-se ao tratamento de sobrenadante contendo enzimas produzidas com α -manosidase (de bactérias).

Processo de produção da enzima recombinante

Criação de estirpe de Saccharomyces cerevisiae (HPY21G)

A partir de estirpe que não contém genes responsáveis pela produção de proteínas antigénicas para o nosso organismo e que tem capacidade de se manosilforilar (gene MNN4) – HPY21;

Introdução do gene para α -GalA humana no locus TRP1 estirpe HPY21.

Após processos de purificação, as enzimas resultantes do metabolismo da levedura apresentam cadeias fosforiladas mas com “cap” de resíduos de manose que deve ser removido para enzima ser reconhecida por receptores da membrana de manose-6-fosfato por isso recorre-se ao tratamento de sobrenadante contendo enzimas produzidas com α -manosidase (de bactérias).

Situação Clínica Abordada Após este tratamento, as enzimas obtidas devem passar por um novo processo de purificação final de forma a obtermos as enzimas com as características pretendidas. Em experiências verificou-se que as enzimas recombinantes resultantes deste processo digeriram, com uma eficiência semelhante à de enzimas naturais do organismo, partículas de glicolipidos derivados de GL-3. Verificou-se igualmente que a absorção lisossomal da enzima depende em muito da disponibilidade dos receptores de manose-6-fosfato. Ensaios clínicos recentes utilizaram 2 formas diferentes da enzima recombinante: agalsidase beta (produzida em células de ovário de hamsters chineses) e agalsidase alfa (produzida em células de fibroblasto humanas).

Após este tratamento, as enzimas obtidas devem passar por um novo processo de purificação final de forma a obtermos as enzimas com as características pretendidas.

Em experiências verificou-se que as enzimas recombinantes resultantes deste processo digeriram, com uma eficiência semelhante à de enzimas naturais do organismo, partículas de glicolipidos derivados de GL-3.

Verificou-se igualmente que a absorção lisossomal da enzima depende em muito da disponibilidade dos receptores de manose-6-fosfato.

Ensaios clínicos recentes utilizaram 2 formas diferentes da enzima recombinante: agalsidase beta (produzida em células de ovário de hamsters chineses) e agalsidase alfa (produzida em células de fibroblasto humanas).

Situação Clínica Abordada PURIFICAÇÃO DA PROTEÍNA CENTRIFUGAÇÃO DAS CULTURAS DE BACTÉRIAS RECOLHA DAS BACTÉRIAS LISE DAS BACTÉRIAS Preparação de um extracto que contenha todas as proteínas no seu interior, incluindo aquela que as bactérias foram induzidas a expressar em maior quantidade Ressuspendem-se as bactérias numa solução que contenha uma enzima capaz de enfraquecer a parede das mesmas Cromatografia, em que a proteína pretendida, e que supostamente existe em maior quantidade, é separada das proteínas da bactéria, aproveitando as diferentes propriedades químicas e físicas em comparação com as restantes proteínas da bactéria. Para verificar que a proteína atingiu um estado de purificação adequado procede-se à Electroforese em gel de acrilamida, uma técnica que permite observar através das propriedades de ligação da proteína a corantes específicos, a pureza da proteína obtida. Isto é possível utilizando um gel que vai ajudar a avaliar o peso molecular da proteína.

PURIFICAÇÃO DA PROTEÍNA

CENTRIFUGAÇÃO DAS CULTURAS DE BACTÉRIAS

RECOLHA DAS BACTÉRIAS

LISE DAS BACTÉRIAS

Preparação de um extracto que contenha todas as proteínas no seu interior, incluindo aquela que as bactérias foram induzidas a expressar em maior quantidade

Ressuspendem-se as bactérias numa solução que contenha uma enzima capaz de enfraquecer a parede das mesmas

Cromatografia, em que a proteína pretendida, e que supostamente existe em maior quantidade, é separada das proteínas da bactéria, aproveitando as diferentes propriedades químicas e físicas em comparação com as restantes proteínas da bactéria.

Para verificar que a proteína atingiu um estado de purificação adequado procede-se à Electroforese em gel de acrilamida, uma técnica que permite observar através das propriedades de ligação da proteína a corantes específicos, a pureza da proteína obtida. Isto é possível utilizando um gel que vai ajudar a avaliar o peso molecular da proteína.

 

Terapêuticas tradicionais Vs. Tecnologia Recombinante Terapêuticas tradicionais: Insulina: Durante muito tempo foi purificada a partir do pâncreas de suínos e bovinos (pouco eficiente e dispendioso que, devido às diferenças entre a insulina animal e humana, provocou alergias graves e risco de vida para os doentes. Hormonas de crescimento: Como apenas a proteína produzida por seres humanos resulta como tratamento esta era obtida a partir do cérebro de cadáveres humanos (encarecimento da produção e risco de transmissão de agentes infecciosos). Hormonas para a fertilidade: Eram extraídas e purificadas a partir da urina de mulheres na menopausa.

Terapêuticas tradicionais:

Insulina: Durante muito tempo foi purificada a partir do pâncreas de suínos e bovinos (pouco eficiente e dispendioso que, devido às diferenças entre a insulina animal e humana, provocou alergias graves e risco de vida para os doentes.

Hormonas de crescimento: Como apenas a proteína produzida por seres humanos resulta como tratamento esta era obtida a partir do cérebro de cadáveres humanos (encarecimento da produção e risco de transmissão de agentes infecciosos).

Hormonas para a fertilidade: Eram extraídas e purificadas a partir da urina de mulheres na menopausa.

Terapêuticas tradicionais Vs. Tecnologia Recombinante Benefícios da Tecnologia Recombinante: Maior pureza e tolerabilidade: menos probabilidade de causar reacções alérgicas Maior disponibilidade (não há necessidade de esperar por doadores ou cadáveres) Maior eficácia e segurança (menos infecções) Maior conforto para o paciente (possibilidade de injecções subcutâneas e não intramusculares) Maior controlo do processo.

Benefícios da Tecnologia Recombinante:

Maior pureza e tolerabilidade: menos probabilidade de causar reacções alérgicas

Maior disponibilidade (não há necessidade de esperar por doadores ou cadáveres)

Maior eficácia e segurança (menos infecções)

Maior conforto para o paciente (possibilidade de injecções subcutâneas e não intramusculares)

Maior controlo do processo.

Bibliografia Livros: - COOPER, Geoffrey M.; HAUSMAN, Robert E., “The Cell – A Molecular Approach”, ASM Press e Sinauer Associates, 4ª edição, 2007 - BENUMOF, Jonason L. , “Anesthesia and uncommon diseases”, W. D. Saunders, 4ª edição, 1998 - HARRISON’S, “Principles of Internal Medicine”, Volume 2, McGraw-Hill, 12ª edição, 1991 Artigos: http://www.ncbi.nlm.nih.gov/entrez/query.fcgi?CMD=search&DB=pubmed- YASUNORI Chiba, HITOSHI Sakuraba, MASAHARU Kotani, RYOICHI Kase, KAZUO Kobayashi, MAKOTO Takeuchi, SATOSHI Ogasawara, YUTAKA Maruyama, TASUKU Nakajima, YUKI Takaoka and YOSHIFUMI Jigami , “ Production in yeast of α-galactosidase A, a lysosomal enzyme applicable to enzyme replacement therapy for Fabry disease”, Maio 2002 Internet: http://www.google.com http://www.wikipedia.org http://www.genzyme.com.br http://www.fabrycommunity.com http://www.espacorealmedico.com.br http://www.fabry.org http://www.apagina.pt/arquivo/ImprimirArtigo.asp?ID=3689 http://usinfo.state.gov/journals/ites/1005/ijep/snyder.htm http://www.fertilidadeonline.com.br/latam_brazil/treatment/Personalised_Treatment/What_is_Recombinant.jsp

Livros:

- COOPER, Geoffrey M.; HAUSMAN, Robert E., “The Cell – A Molecular Approach”, ASM Press e Sinauer Associates, 4ª edição, 2007

- BENUMOF, Jonason L. , “Anesthesia and uncommon diseases”, W. D. Saunders, 4ª edição, 1998

- HARRISON’S, “Principles of Internal Medicine”, Volume 2, McGraw-Hill, 12ª edição, 1991

Artigos:

http://www.ncbi.nlm.nih.gov/entrez/query.fcgi?CMD=search&DB=pubmed- YASUNORI Chiba, HITOSHI Sakuraba, MASAHARU Kotani, RYOICHI Kase, KAZUO Kobayashi, MAKOTO Takeuchi, SATOSHI Ogasawara, YUTAKA Maruyama, TASUKU Nakajima, YUKI Takaoka and YOSHIFUMI Jigami , “ Production in yeast of α-galactosidase A, a lysosomal enzyme applicable to enzyme replacement therapy for Fabry disease”, Maio 2002

Internet:

http://www.google.com

http://www.wikipedia.org

http://www.genzyme.com.br

http://www.fabrycommunity.com

http://www.espacorealmedico.com.br

http://www.fabry.org

http://www.apagina.pt/arquivo/ImprimirArtigo.asp?ID=3689

http://usinfo.state.gov/journals/ites/1005/ijep/snyder.htm

http://www.fertilidadeonline.com.br/latam_brazil/treatment/Personalised_Treatment/What_is_Recombinant.jsp

Add a comment

Related pages

2015 un ano estrategico para LFB

medicamentos recombinantes en desarrollo. Beneficios consolidados en millones de ? ... medicamentos indicados para el tratamiento de patologías graves y a
Read more

Tratamientos Fertilidad - Medicamentos en Reproducción ...

Medicamentos en Reproducción Asistida, avances y efectos a largo plazo de los medicamentos de fertilidad. Los medicamentos para la fertilidad, o ...
Read more

PPT – Vacunas recombinantes PowerPoint presentation ...

Vacunas recombinantes Introducci n hist rica Historia de las vacunas Entendemos por vacuna, sustancia generalmente fabricada a partir de microorganismos ...
Read more

Desarrollo de sarcomas en gatos tras inoculación de ...

Desarrollo de sarcomas en gatos tras inoculación de medicamentos y vacunas. Las vacunas recombinantes pueden ser menos propensas a inducir la formación ...
Read more

Medicamentos biotecnológicos I: Insulina - Biotecnología ...

Medicamentos biotecnológicos I: Insulina - Biotecnología ... Medicamentos biotecnológicos I: ... Síntesis de proteínas recombinantes I ...
Read more

PPT – MEDICAMENTOS BIOTECNOLOGICOS Y LOS REQUERIMIENTOS ...

MEDICAMENTOS BIOTECNOLOGICOS Y LOS REQUERIMIENTOS REGULATORIOS. ... importante de nuevos medicamentos en la industria ... ADN recombinantes y anticuerpos ...
Read more

Eduardo Escamilla | LinkedIn

View Eduardo Escamilla’s professional profile on LinkedIn. ... Distrubuidora de medicamentos hemoderivados y proteinas recombinantes.
Read more

Preferred Label : Factor VIII;

You can consult : All resources. or only the major
Read more