Intemperismo e sedimentologia

44 %
56 %
Information about Intemperismo e sedimentologia
Education

Published on February 28, 2014

Author: wendellfabricio

Source: slideshare.net

Description

Intemperismo e princípios de sedimentologia para estudantes de curso técnico de mineracao.

Geologia para cursos técnicos Módulo: Dinâmica interna da Terra INTEMPERISMO E PRINCÍPIOS DE SEDIMENTOLOGIA Wendell Fabricio (geólogo) wendellfabricio@gmail.com geologiaparatecnicos.blogspot.com

INTEMPERISMO • A crosta terrestre é formada de grande quantidade de variadas rochas, originalmente um material sólido, firme, duro. Contudo, as rochas próximas à superfície estão expostas aos agentes intempéricos, que concorrem no sentido de transformar a rocha em solo. • O intemperismo atua favorecendo a remoção de partículas das rochas e à estas pertículas damos o nome de sedimentos ou detritos geologiaparatecnicos.blogspot.com

Intemperismo: Definição • De acordo com Leinz & Amaral (1978), o intemperismo constitui o conjunto de processos operantes na superfície terrestre que ocasionam a decomposição dos minerais das rochas, graças à ação de agentes atmosféricos e biológicos. Elegemos o clima como o principal fator determinante do tipo de intemperismo pois a temperatura, a umidade, o regime de ventos, a evaporação e outros influenciam diretamente no processo supracitado. geologiaparatecnicos.blogspot.com

Tipos de intemperismo O intemperismo pode ser classificado de acordo com seu processo causador em um dos seguintes tipos: i) Intemperismo Físico; ii) Intemperismo Químico e; iii) Intemperismo Biológico. geologiaparatecnicos.blogspot.com

Intemperismo Físico O intemperismo físico é a desintegração mecânica da rocha em partículas menores (chamadas de sedimentos). Em outras palavras, a rocha original é desagregada em fragmentos menores e os mecanismos podem ser os seguintes: • Ação dos ventos: • Ação das águas: • Congelamento de água em fraturas: • Tração e contração térmica: geologiaparatecnicos.blogspot.com

Intemperismo Físico • Ação dos ventos Deserto do Arizona/EUA Também chamada de erosão eólica, o intemperismo pela ação dos ventos é ocasionada pela colisão dos ventos em rochas expostas. Estas massas de ar comumente carregam outros detritos, que se chocam com as rochas e causam a remoção de sedimentos; geologiaparatecnicos.blogspot.com

Intemperismo Físico • Ação das águas Erosão marinha na região de Malibú. Califórnia-EUA A Ação das águas também é chamada de erosão fluvial (pode ser também marinha ou lacustre) e possui o mesmo princípio do mecanismo anterior, porém o agente de transporte dos detritos são as águas; Erosão fluvial em Presidente Figueiredo/AM geologiaparatecnicos.blogspot.com

Intemperismo Físico • Congelamento de água em fraturas Em climas frios, a água infiltrada nas fraturas das rochas pode congelar e, aumentando seu volume, pode favorecer a abertura das fraturas e na consequente remoção de fragmentos Rocha fratura por congelamento de água em fraturas. (Fonte Teixeira et al, 1996) geologiaparatecnicos.blogspot.com

Intemperismo Físico • Tração e contração térmica Comum em locais de grande amplitude térmica, este processo é devido ao constante aumento e diminuição do volume da rocha durante os estágios de resfriamento e aquecimento da mesma, causando fraturas. Rocha sofrendo ação do intemperismo tipo disjunção esferoidal, causado pelo aumento e diminuição de temperatura ao longo do dia. O que confere à rocha este aspecto arredondado. Também chamado de intemperismo “casca de cebola”. Sta Maria das Barreiras/PA. geologiaparatecnicos.blogspot.com

Intemperismo Químico • O processo intempérico químico ocorre quando há um conjunto de reações químicas na superfície da rocha, que altera sua composição e torna a rocha mais frágil. • A palavra alteração química pode ser pejorativamente entendida como uma espécie de “apodrecimento” da rocha. • O principal componente deste tipo de intemperismo é a água, sobretudo da chuva, que com sua composição levemente ácida, provoca um conjunto de reações químicas na mesma. • As seguintes reações químicas são comuns no intemperismo químico: • Hidratação • Dissolução • Hidrólise • Oxidação geologiaparatecnicos.blogspot.com

Intemperismo Químico À esquerda, argilito bastante alterado pelo intemperismo químico. Nota-se o bandamento sedimentar preservado. Abaixo, amostra de rocha mostrando a borda alterada por reações químicas de intemperismo. Região do Alto Paranaíba/MG. geologiaparatecnicos.blogspot.com

Intemperismo Biológico Este tipo de intemperismo envolve a ação da atividade biológica presente numa rocha e pode envolver os seguintes fatores, dentre outros: • Escavação de animais como formigas e minhocas; • Corrosão por ácidos vegetais; • Ação das raízes de plantas. geologiaparatecnicos.blogspot.com

Intemperismo Biológico Ação das raízes de plantas na contribuição à desfragmentação da rocha. geologiaparatecnicos.blogspot.com

Intemperismo e formação dos solos geologiaparatecnicos.blogspot.com

Intemperismo e formação dos solos • Tipos de solo • Solo residual: proveniente da decomposição e degradação da rocha subjacente. É também chamado de solo “in situ” pois o solo está exatamente no local onde se formou. • Solo transportado: Proveniente de erosão, transporte e sedimentação de solos pré-existentes. geologiaparatecnicos.blogspot.com

Intemperismo e formação dos solos • Perfil do solo geologiaparatecnicos.blogspot.com

SEDIMENTOLOGIA A sedimentologia é o estudo das características e propriedades dos sedimentos. Algumas características importantes são: • Granulometria • Grau de seleção • Esfericidade e arredondamento • Porosidade • Permeabilidade geologiaparatecnicos.blogspot.com

Granulometria Diferentes granulometrias de sedimentos geologiaparatecnicos.blogspot.com

Granulometria Granulometria Cascalho Tamanho (em mm) Matacao Maior que 256 Calhau (ou bloco) Entre 64 e 256 Seixo Entre 2 e 64 Granulo Entre 1 e 2 Areia Grossa Entre 0,5 e 1 Areia Media Entre 0,250 e 0,5 Areia Fina Entre 0,125 e 0,250 Silte Silte Entre 0,004 e 0,125 Argila Argila Menor que 0,004 Areia geologiaparatecnicos.blogspot.com

Grau de seleção Grau de seleção se refere à distribuição de sedimentos numa mesma amostra. Quanto mais homogênea é uma granulometria, maior é o grau de seleção. geologiaparatecnicos.blogspot.com

Esfericidade e arredondamento O grau de arredondamento e esfericidade do grão estão relacionados com o a abrasão e desgaste dos sedimentos durante seu transporte. Usa-se a escala abaixo para determinar estes parâmetros: geologiaparatecnicos.blogspot.com

Porosidade • Porosidade é a característica de uma rocha poder armazenar fluidos em seus espaços interiores, chamados poros. • Isso quer dizer que existem espaços (poros) entre as partículas que formam qualquer tipo de matéria. Esses espaços podem ser maiores ou menores, tornando a matéria mais ou menos densa. • A porosidade do solo (n) é expressa em percentagem, e é definida como o volume dos poros (Vv) dividido pelo volume total (V) de uma amostra de solo, ou seja: n = Vv/V x 100 geologiaparatecnicos.blogspot.com

Porosidade • A porosidade em sedimentos e rochas sedimentares depende principalmente de três fatores: O tamanho dos grãos O arranjo geométrico dos grãos O grau de seleção Quanto ao tamanho dos grãos, quanto menores forem, maior é o volume de espaços vazios (e consequentemente a porosidade). Ou seja, um sedimento argiloso tem maior porosidade que um sedimento arenoso. geologiaparatecnicos.blogspot.com

Permeabilidade • A permeabilidade é a medida da capacidade de um material (tipicamente uma rocha) para transmitir fluídos. • A permeabilidade normalmente varia inversamente com a porosidade em rochas sedimentares. Quanto maior a porosidade, a permeabilidade é menor. • Assim, em uma rocha argilosa, a porosidade é grande mas a permeabilidade é baixa e numa rocha arenosa (ou sedimentos arenosos), a porosidade é baixa, mas a permeabilidade é elevada. geologiaparatecnicos.blogspot.com

Add a comment

Related presentations

Related pages

Sedimentologia - dicionário português: - Dicionário ...

Sedimentologia é a disciplina que estuda as partículas de sedimentos derivados da erosão de rochas ou de materiais biológicos que podem ser ...
Read more

Definición de sedimento - Qué es, Significado y Concepto

Del latín sedimentum, sedimento es la materia que, después de haber estado en suspensión en un líquido, termina en el fondo por su mayor gravedad.
Read more

Proposal of new lithostratigraphic units for the Devonian ...

Brazilian Journal of Geology ... depositadas na Gerência de Sedimentologia e ... avermelhada devido ao intemperismo e precipitação de ...
Read more

Fluvial sedimentology associated with the degree of ...

Official Full-Text Publication: Fluvial sedimentology associated with the degree of preservation of the riparian vegetation, Urumajó River, PA / Brazil on ...
Read more

Geologia - blogspot.com

Intemperismo + erosão + sedimentação = formação dos solos e bacias sedimentares

Read more

Intemperismo by Iury Simões on Prezi

Estudo de Sedimentologia ... Invited audience members will follow you as you navigate and present; People invited to a presentation do not need a Prezi account
Read more

Sedimentología y Estratigrafía by Ali Chavez on Prezi

Connect your Facebook account to Prezi and let your likes appear on your timeline. ... Intemperismo, erosión transporte, (producción de sedimentos).
Read more

Weathering, soils & paleosols (Book, 1992) [WorldCat.org]

Get this from a library! Weathering, soils & paleosols. [I P Martini; Ward Chesworth;]
Read more