Hist Mov Wesl 3

50 %
50 %
Information about Hist Mov Wesl 3
Education

Published on December 18, 2008

Author: RamondC

Source: slideshare.net

Description

Avivamento Inglês Século XVIII John Wesley líder do movimento.

O AVIVAMENTO COMEÇA BRISTOL, 1739 Diário, 15 de março – “Durante minha estadia em Londres, fui muito requisitado, entre nossa sociedade em Fetter Lane e muitas outras, onde era continuamente chamado para expor...(...) recebi uma carta do Sr Whitefield e outra do Sr. Seward, para vir a BRISTOL sem demora...”

DIÁRIO, MARÇO DE 1739 Sábado dia 31 – À noite cheguei a Bristol e encontrei o Sr. Whitefield lá. A princípio tive conflito interior com a estranha forma de pregar nos campos, como ele me mostrou no domingo. Sempre muito firme na questão de ordem e decência, que quase acreditei que as almas só se salvariam dentro de uma igreja”.

Sábado dia 31 – À noite cheguei a Bristol e encontrei o Sr. Whitefield lá. A princípio tive conflito interior com a estranha forma de pregar nos campos, como ele me mostrou no domingo. Sempre muito firme na questão de ordem e decência, que quase acreditei que as almas só se salvariam dentro de uma igreja”.

DIÁRIO, ABRIL E MAIO DE 1739 Domingo, 8 – Às sete da manhã preguei para quase mil pessoas em Bristol(...) À tarde quase cinco mil estavam em Rose Green (do outro lado de Kingswood). Fiquei no meio deles e proclamei em nome do Senhor: ( João 7:38). Terça, 17 – Às cinco da tarde estava em uma pequena sociedade no Back Lane (...) o peso das pessoas fez o piso ceder(...) Maio, terça 8 – (...) preguei Cristo para quase mil almas. Quarta, 9 – Compramos um pedaço de terra perto do jardim da S. James, na Horse Fair, Bristol, designado para construirmos uma sala grande o bastante para conter tanto as sociedades das Ruas Nicholas e Baldwin(...) Sábado lançamos a pedra fundamental...”

Domingo, 8 – Às sete da manhã preguei para quase mil pessoas em Bristol(...)

À tarde quase cinco mil estavam em Rose Green (do outro lado de Kingswood). Fiquei no meio deles e proclamei em nome do Senhor: ( João 7:38).

Terça, 17 – Às cinco da tarde estava em uma pequena sociedade no Back Lane (...) o peso das pessoas fez o piso ceder(...)

Maio, terça 8 – (...) preguei Cristo para quase mil almas.

Quarta, 9 – Compramos um pedaço de terra perto do jardim da S. James, na Horse Fair, Bristol, designado para construirmos uma sala grande o bastante para conter tanto as sociedades das Ruas Nicholas e Baldwin(...) Sábado lançamos a pedra fundamental...”

DIÁRIO, 1739 – A MULTIDÃO CRESCE Quinta, 14 – “Fui com o Sr. Whitefield a Blackheath, onde acredito, haviam de doze a quinze mil pessoas.Ele me surpreendeu dando-me a oportunidade de pregar em seu lugar(...) Domingo, 17 – Às sete preguei in Upper Moorfields para ( acredito) seis ou sete mil pessoas(...) Às cinco preguei em Kennington Commom para cerca de quinze mil pessoas (Isaías 45:22). Domingo, 24 – ( Caiu do cavalo) “mas preguei sem dor para seis ou sete mil pessoas(...)”

Quinta, 14 – “Fui com o Sr. Whitefield a Blackheath, onde acredito, haviam de doze a quinze mil pessoas.Ele me surpreendeu dando-me a oportunidade de pregar em seu lugar(...)

Domingo, 17 – Às sete preguei in Upper Moorfields para ( acredito) seis ou sete mil pessoas(...) Às cinco preguei em Kennington Commom para cerca de quinze mil pessoas (Isaías 45:22).

Domingo, 24 – ( Caiu do cavalo) “mas preguei sem dor para seis ou sete mil pessoas(...)”

ESTRANHO PÚLPITO Domingo, 6 de junho de 1742 – Cheguei às seis e encontrei uma congregação que Epworth nunca viu igual. Fiquei em pé no lado leste da igreja, SOBRE A TUMBA DE MEU PAI e proclamei : “O Reino de Deus não é comida nem bebida, mas justiça e paz e alegria no Espírito Santo” ( Rm. 14:17)

Domingo, 6 de junho de 1742 – Cheguei às seis e encontrei uma congregação que Epworth nunca viu igual. Fiquei em pé no lado leste da igreja, SOBRE A TUMBA DE MEU PAI e proclamei : “O Reino de Deus não é comida nem bebida, mas justiça e paz e alegria no Espírito Santo” ( Rm. 14:17)

SINTOMAS AS PESSOAS “RECEBIAM” A REMISSÃO DOS PECADOS. ERAM “CONFORTADAS”. “ FULMINADAS” “ FERIDAS PELA ESPADA DO ESPÍRITO” “ TOMADAS DE FORTES DORES” “ FERIDAS NO CORAÇÃO” “ CAIAM DE JOELHOS” ( ISTO ACONTECIA MAIS NOS PEQUENOS GRUPOS)

AS PESSOAS “RECEBIAM” A REMISSÃO DOS PECADOS.

ERAM “CONFORTADAS”.

“ FULMINADAS”

“ FERIDAS PELA ESPADA DO ESPÍRITO”

“ TOMADAS DE FORTES DORES”

“ FERIDAS NO CORAÇÃO”

“ CAIAM DE JOELHOS”

( ISTO ACONTECIA MAIS NOS PEQUENOS GRUPOS)

A TEOLOGIA DO AVIVAMENTO WESLEYANO Atividade de Deus em Cristo = Causa de nossa salvação. Atividade de Deus em nós = “uma confiança real que o homem tem de que Cristo o amou e morreu por ele” ( Condição exigida para nossa salvação). Fé que deve gerar uma mudança no crente = Não apenas ser tido como justa, mas se tornar justa ( santificada ou santa)

Atividade de Deus em Cristo = Causa de nossa salvação.

Atividade de Deus em nós = “uma confiança real que o homem tem de que Cristo o amou e morreu por ele” ( Condição exigida para nossa salvação).

Fé que deve gerar uma mudança no crente = Não apenas ser tido como justa, mas se tornar justa ( santificada ou santa)

A MISSÃO DO METODISMO Ministério de misericórdia para com os pobres : educação de crianças; alimento aos necessitados, fornecimento de lã. Ministério nas prisões : quem estava com pena de morte decretada. Levantavam dinheiro para suas obras. Até as publicações serviam para levantar fundos. Marcas distintivas de um metodista: “o amor a Deus e o amor ao próximo”

Ministério de misericórdia para com os pobres : educação de crianças; alimento aos necessitados, fornecimento de lã.

Ministério nas prisões : quem estava com pena de morte decretada. Levantavam dinheiro para suas obras. Até as publicações serviam para levantar fundos.

Marcas distintivas de um metodista: “o amor a Deus e o amor ao próximo”

Add a comment

Related presentations

Related pages

ARQUEOLOGIA: Hist Mov Wesl 3 - ramonsdacosta.blogspot.com

Arqueologia como ciência que busca as origens, as raízes ocultas pelo tempo. O trabalho de desencavar e trazer á luz algo antigo, mas que novo se torna.
Read more

Hist Mov Wesl 3 - Education - docslide.com.br

1. O AVIVAMENTO COMEÇA BRISTOL, 1739 Diário, 15 de março – “Durante minha estadia em Londres, fui muito requisitado, entre nossa sociedade em Fetter ...
Read more

Hist Mov Wesl 2 - Education - docslide.com.br

1. 3º Surgimento do3º Surgimento do Metodismo : LondresMetodismo : Londres João Wesley retorna a Londres.João Wesley retorna a Londres. Novidade : As ...
Read more

BULLETIN - KSBIRDS

BULLETIN PUBLISHED QUARTERLY ... fast-mov- ing snake was ... lin~on SI;II~ Park ;11)ou1 .3 mi wesl of I:awcncc antl is about 0.2.5 ~ni WSI 01'
Read more

Full text of "The history of the Old and New Testament ...

Full text of "The history of the Old and New Testament attempted in verse" See other formats ...
Read more

Full text of "The best books : a reader's guide and ...

Search the history of over 510 billion pages on the Internet. search Search the Wayback Machine
Read more