Gerenciamento de Recursos e Enfermagem

50 %
50 %
Information about Gerenciamento de Recursos e Enfermagem
Health & Medicine

Published on February 27, 2014

Author: enfmarilia

Source: slideshare.net

Description

PROCESSO DE GERENCIAMENTO DE RECURSOS NO TRABALHO DE ENFERMAGEM

TESTE SELETIVO PARA PROFESSORES COLABORADORES SETOR DE CIÊNCIAS DA SAÚDE DEPARTAMENTO DE ENFERMAGEM Processo de Gerenciamento de Recursos no Trabalho de Enfermagem PROF. Esp. MARÍLIA CAVALCANTE Área: Estágio Supervisionado em Enfermagem em Saúde Coletiva e Ambiente Hospitalar GUARAPUAVA 2013

PESQUISAR ASSISTIR (FELLI; PEDUZZI, 2012) PROCESSO DE TRABALHO DO ENFERMEIRO ENSINAR GERENCIAR

O Trabalho Gerencial em Enfermagem Organização do Trabalho Condições adequadas de cuidado dos pacientes e de desempenho para os trabalhadores Recursos Humanos (FELLI; PEDUZZI, 2012)

Trabalho Gerencial em Enfermagem • As funções administrativas do enfermeiro englobam planejamento, organização, direção, coordenação e controle das ações executadas nas unidades assistenciais da instituição. • O enfermeiro também é responsável pelo gerenciamento de unidades, que envolve prever, prover, manter e controlar recursos materiais, humanos e financeiros a fim de garantir o funcionamento do serviço e de gerir o cuidado prestado ao paciente pela equipe de enfermagem. (ALBANO; FREITAS, 2013)

Gerenciamento de Recursos no Trabalho de Enfermagem

2.500 itens de 2.500 itens de consumo consumo assistencial assistencial 110 itens de 110 itens de consumo consumo assistencial assistencial 1.500.000 1.500.000 unidades mensal unidades mensal 3.500 unidades 3.500 unidades mensal mensal O objetivo do gerenciamento de materiais na área da O objetivo do gerenciamento de materiais na área da R$ 4.000.000,00 <<CUSTO R$ 4.000.000,00 CUSTO saúde consiste em colocar os recursos necessários ao saúde consiste em colocar os recursos necessários ao processo produtivo com qualidade, em quantidades processo produtivo com qualidade em quantidades qualidade, qualidade adequadas, no tempo correto e ao menor custo. adequadas no tempo correto e ao menor custo adequadas, custo. adequadas custo (CASTILHO; GONÇALVES, 2012)

Fluxo das principais atividades do gerenciamento de materiais PROGRAMAÇÃ O - Classificação - Padronização - Especificação - Previsão COMPRA Controle de Qualidade Licitação RECEPÇÃO ARMAZENAMENTO É INDISPENSÁVEL A PARTICIPAÇÃO DO ENFERMEIRO DISTRIBUIÇÃO E CONTROLE ali Qu de da e ad id nt a Qu CONTROLE CONTROLE PODER DE DECISÃO PODER DE DECISÃO (CASTILHO; GONÇALVES, 2012)

Papel do Enfermeiro  Determinação do material necessário  Conhecer e acompanhar o perfil de consumo  Definição das especificações técnicas  Estabelecimento do quantitativo  Análise da qualidade  Participação no processo de compra  Estabelecimento de controle e avaliação  Educação continuada (uso racional e otimização) (CASTILHO; GONÇALVES, 2012)

Evidenciou-se que, no hospital de estudo, a enfermeira nem Evidenciou-se que, no hospital de estudo, a enfermeira nem sempre tem o conhecimento acerca do processo de compra no sempre tem o conhecimento acerca do processo de compra no hospital. hospital. É indispensável a participação da enfermagem assessorando a área É indispensável a participação da enfermagem assessorando a área administrativa nos aspectos técnicos e nas ações locais. administrativa nos aspectos técnicos e nas ações locais. As enfermeiras não participam da escolha do material apenas opinam em As enfermeiras não participam da escolha do material apenas opinam em relação à qualidade daqueles que são colocados para teste e dos materiais relação à qualidade daqueles que são colocados para teste e dos materiais que já estão em uso na unidade. que já estão em uso na unidade. Embora existam critérios técnicos estabelecidos para a previsão de Embora existam critérios técnicos estabelecidos para a previsão de materiais, evidenciou-se que no hospital estudado, este processo materiais, evidenciou-se que no hospital estudado, este processo ocorre de maneira assistemática considerando a percepção individual ocorre de maneira assistemática considerando a percepção individual dos enfermeiros que se baseiam em sua própria vivência. dos enfermeiros que se baseiam em sua própria vivência. O gerenciamento em enfermagem exerce o papel preponderante O gerenciamento em enfermagem exerce o papel preponderante de controlar os recursos para assistência, tanto no que tange aos de controlar os recursos para assistência, tanto no que tange aos recursos humanos, quanto aos materiais, físicos e financeiros. recursos humanos, quanto aos materiais, físicos e financeiros.

Gerenciamento de Recursos no Trabalho de Enfermagem Recursos Materiais Recursos Financeiros Recursos Físicos Recursos Ambientais Recursos Humanos

Gerenciamento de Custos

EXPANSÃO DOS GASTOS EM SAÚDE E A ENFERMAGEM • Insuficiência de recursos • Dificuldade de controle de gastos • Aumento, em espiral, dos gastos Envelhecimento Envelhecimento da população da população FENÔMENO MUNDIAL Avanço Avanço Tecnológico Tecnológico Prestação do Prestação do serviço serviço Extensão da Extensão da cobertura cobertura (CASTILHO; FUGULIN; GAIDZINSKI, 2012) GASTOS Falta de Falta de capacitação capacitação administrativa administrativa dos gerentes dos gerentes

EXPANSÃO DOS GASTOS EM SAÚDE E A ENFERMAGEM  A enfermagem representa 30% a 60% do total do quadro de pessoal.  80% dos produtos é utilizada pela equipe de enfermagem.  Os enfermeiros são responsáveis por 40% a 50% do faturamento dos hospitais. GERENCIAMENTO DE CUSTOS EM ENFERMAGEM Processo administrativo que visa o controle de custos e a Processo administrativo que visa o controle de custos e a tomada de decisão dos enfermeiros para uma eficiente tomada de decisão dos enfermeiros para uma eficiente racionalização de recursos disponíveis e limitados, com o racionalização de recursos disponíveis e limitados com o limitados, limitados objetivo de alcançar os resultados coerentes com as objetivo de alcançar os resultados coerentes com as necessidades de saúde da clientela e com as finalidades necessidades de saúde da clientela e com as finalidades institucionais. institucionais institucionais. institucionais (CASTILHO; FUGULIN; GAIDZINSKI, 2012)

GERENCIAMENTO DE CUSTOS EM ENFERMAGEM AFERIÇÃO E CONTROLE DE CUSTOS AFERIÇÃO E CONTROLE DE CUSTOS • Auxiliar na geração de informações; • Evidenciar os fatores que afetam seu aumento; • Acompanhar sua evolução; • Implantar medidas que melhorem o desempenho do serviço. Informação compartilhada com toda a equipe multiprofissional Estratégia para conscientização dos gastos e desperdícios, propiciando o envolvimento de todos. (CASTILHO; FUGULIN; GAIDZINSKI, 2012)

PEQUENA QUANTIDADE DE PUBLICAÇÕES. PEQUENA QUANTIDADE DE PUBLICAÇÕES. ASSOCIAR BAIXOS CUSTOS COM EXCELÊNCIA DE ASSOCIAR BAIXOS CUSTOS COM EXCELÊNCIA DE QUALIDADE NA ASSISTÊNCIA AO USUÁRIO DO QUALIDADE NA ASSISTÊNCIA AO USUÁRIO DO SERVIÇO DE SAÚDE. SERVIÇO DE SAÚDE. QUALIDADE DAS ANOTAÇÕES DE ENFERMAGEM QUALIDADE DAS ANOTAÇÕES DE ENFERMAGEM E REPERCUSSÕES NEGATIVAS EM GLOSAS E REPERCUSSÕES NEGATIVAS EM GLOSAS FNANCEIRAS FNANCEIRAS

Pesquisa quantitativa eedescritiva com 40 enfermeiros Pesquisa quantitativa descritiva com 40 enfermeiros de um hospital privado (SP) de um hospital privado (SP) Poucos trabalhos publicados eeabordagem Poucos trabalhos publicados abordagem superficial na graduação = falta de visão de superficial na graduação = falta de visão de gerenciamento de custos hospitalares por gerenciamento de custos hospitalares por parte do enfermeiro; inconsciência da sua parte do enfermeiro; inconsciência da sua contribuição para a eficiência da instituição. contribuição para a eficiência da instituição. Em relação ao conteúdo gerenciamento de Em relação ao conteúdo gerenciamento de custos, a maioria deles (74,3%) respondeu que custos, a maioria deles (74,3%) respondeu que esse assunto foi explanado. Entretanto, 57,7% esse assunto foi explanado. Entretanto, 57,7% deles considerou que a abordagem foi deles considerou que a abordagem foi insuficiente. insuficiente. Uma parte significativa dos enfermeiros não Uma parte significativa dos enfermeiros não soube explicar a importância do conhecimento aa soube explicar a importância do conhecimento respeito de custos assistenciais envolvidos. respeito de custos assistenciais envolvidos. 85% afirmou que não participou do 85% afirmou que não participou do gerenciamento de custos assistenciais e, ainda, gerenciamento de custos assistenciais e, ainda, aametade daqueles que participaram não soube metade daqueles que participaram não soube explicar sua atuação. explicar sua atuação.

Gerenciamento de Recursos no Trabalho de Enfermagem Recursos Materiais Recursos Financeiros Recursos Físicos Recursos Ambientais Recursos Humanos

Gerenciamento de Recursos Físicos Estabelecimento de Assistência à Saúde (EAS) •Construção de EAS: aspectos legais, técnicos, econômicos, ergonômicos e ambientais Adequação do projeto arquitetônico às atividades propostas pelo EAS (TAKAHASHI; GONÇALVES; FELLI, 2012)

Essa Resolução visa propiciar ao usuário e à equipe Essa Resolução visa propiciar ao usuário e à equipe de saúde um ambiente adequado às atividades de saúde um ambiente adequado às atividades assistenciais programadas, sem riscos nem assistenciais programadas, sem riscos nem prejuízos à assistência, contribuindo para que a prejuízos à assistência, contribuindo para que a instituição de saúde seja considerada de qualidade instituição de saúde seja considerada de qualidade por ter condições de atingir seus objetivos e, por ter condições de atingir seus objetivos e, também, a satisfação da clientela. também, a satisfação da clientela clientela. clientela

É fundamental a participação do enfermeiro na análise das condições de trabalho e fatores de risco. Trata da Segurança e Saúde no Trata da Segurança e Saúde no Trabalho em Serviços de Saúde, Trabalho em Serviços de Saúde Saúde, Saúde estabelecendo diretrizes para estabelecendo diretrizes para implementação de medidas de implementação de medidas de proteção à saúde e segurança dos proteção à saúde e segurança dos trabalhadores da saúde em geral. trabalhadores da saúde em geral. (TAKAHASHI; GONÇALVES; FELLI, 2012)

Condições precárias contribuem, sobremaneira, para a Condições precárias contribuem, sobremaneira, para a privação da cidadania, tanto dos usuários quanto dos privação da cidadania tanto dos usuários quanto dos cidadania, cidadania trabalhadores de enfermagem, processo esse que torna trabalhadores de enfermagem, processo esse que torna ambos os segmentos vulneráveis. ambos os segmentos vulneráveis vulneráveis. vulneráveis O espaço da unidade do paciente é menor que o O espaço da unidade do paciente é menor que o mínimo legal exigido. mínimo legal exigido. Equipamentos em péssimo estado de conservação e Equipamentos em péssimo estado de conservação e mau funcionamento. mau funcionamento. A banalização do olhar cotidiano A banalização do olhar cotidiano dos profissionais de saúde sobre o dos profissionais de saúde sobre o espaço das pessoas internadas espaço das pessoas internadas revela a naturalização com que revela a naturalização com que estes convivem com essa realidade estes convivem com essa realidade Os trabalhadores de enfermagem Os trabalhadores de enfermagem sentem-se desconfortáveis no sentem-se desconfortáveis no exercício de sua função principalmente exercício de sua função principalmente devido às más condições de trabalho. devido às más condições de trabalho trabalho. trabalho Relatam também preocupação com a Relatam também preocupação com a biossegurança dos profissionais e dos biossegurança dos profissionais e dos clientes clientes

Gerenciamento de Recursos no Trabalho de Enfermagem Recursos Materiais Recursos Financeiros Recursos Físicos Recursos Ambientais Recursos Humanos

Gerenciamento de Recursos Ambientais EPI PRECAUÇÕES PADRÃO Atenção e cuidados com o ambiente, no Atenção e cuidados com o ambiente, no que se refere principalmente ao uso e que se refere principalmente ao uso e descarte de materiais com resíduos descarte de materiais com resíduos biológicos, químicos e radioativos. biológicos, químicos e radioativos. RISCO OCUPACIONAL PREVENÇÃO DE ACIDENTES COM MATERIAL BIOLÓGICO (TAKAHASHI; GONÇALVES; FELLI, 2012)

GERENCIAMENTO DE RECURSOS FÍSICOS E AMBIENTAIS EM ENFERMAGEM Consiste na participação do enfermeiro no planejamento e na alocação desses recursos, com o objetivo de organizar ou gerir, cotidianamente, uma unidade de saúde, provendo segurança, conforto e privacidade aos pacientes e assegurando condições de trabalho apropriadas. apropriadas (TAKAHASHI; GONÇALVES; FELLI, 2012)

Gerenciamento de Recursos no Trabalho de Enfermagem Recursos Materiais Recursos Financeiros Recursos Físicos Recursos Ambientais Recursos Humanos

Gerenciamento de Recursos Humanos

Instrumentos utilizados no Gerenciamento de RH

Na área de enfermagem, revela-se uma escassez de mão-de-obra, carência de qualificação profissional, excessiva carga de trabalho e evasão daDIMENSIONAMENTO profissão. DE PESSOAL EM ENFERMAGEM: -cálculo de pessoal -impacto nos custos da saúde e resultados assistenciais -grau de dependência dos pacientes nos cuidados de enfermagem A resolutividade trabalho da equipe de enfermagem em saúde estão -carga de e a qualidade do atendimento intrinsecamente relacionadas aos e saúde do trabalhador os desenvolvem. -condições de trabalho recursos humanos que Resistência para adequar o número de pessoal à demanda de atendimento nas instituições de saúde, principalmente em razão de justificativas Enquanto estudosorçamentárias. apontam os riscos da internacionais inadequaçãoO número degerando sobrecarga de está diretamente de pessoal, horas de enfermagem trabalho e falhas no cuidado ao segurança dos pacientes e que melhores relacionado com a paciente, há poucos estudos no Brasil no quadro de enfermagem resultam num temática níveis aprofundando a temática. decréscimo da média de permanência no hospital, diminuição das taxas infecção urinária, pneumonia e choque. choque

Considerações Finais • O trabalho do enfermeiro, portanto é sustentado pela competência na tomada de decisão, por meio do decisão uso adequado de recursos . • Dessa forma, é necessário que o enfermeiro tenha noções sobre controle do uso de materiais para coordenar adequadamente as ações da equipe de enfermagem, bem como, promover ações enfermagem educativas e a atualização de sua equipe, visando melhor rendimento financeiro, associado à obtenção de melhores níveis de qualidade no uso dos recursos materiais necessários à assistência ao cliente. (OLLER et al, 2010)

REFERÊNCIAS • • • • • • • • • • ALBANO, T.C.; FREITAS, J.B. Participação efetiva do enfermeiro no planejamento: foco nos custos. Rev. bras. enferm.  [online]. 2013, vol.66, n.3, pp. 372-377. BELLATO, R.; PEREIRA, W.R. O gerenciamento em enfermagem frente a pauperização das condições materiais de trabalho. Rev. bras. enferm.  [online]. 2004, vol.57, n.4, pp. 479-483. BURG, G.; SILVEIRA, D.D. Proposta de um modelo de gestão ambiental para os serviços de Nefrologia. Acta paul. enferm.  [online]. 2008, vol.21, n.spe, pp. 192-197. CASTILHO, V.; FUGULIN, F.M.T.; GAIDZINSKI, R.R. Gerenciamento de Custos nos Serviços de Enfermagem. In: GERENCIAMENTO em enfermagem. 2 ed. Rio de Janeiro: Guanabara Koogan, 2012. CASTILHO, V.; GONÇALVES, V.L.M. Gerenciamento de Recursos Materiais. In: GERENCIAMENTO em enfermagem. 2 ed. Rio de Janeiro: Guanabara Koogan, 2012. FELLI, V.E.A.; PEDUZZI, M. O Trabalho Gerencial em Enfermagem. In: GERENCIAMENTO em enfermagem. 2 ed. Rio de Janeiro: Guanabara Koogan, 2012. MAGALHAES, A.M.M.; RIBOLDI, C.O.;  DALL'AGNOL, C.M. Planejamento de recursos humanos de enfermagem: desafio para as lideranças.  Rev. bras. enferm.  [online]. 2009, vol.62, n.4, pp. 608-612. OLIVEIRA, N.C.; CHAVES, L.D.P. Gerenciamento de recursos materiais: o papel da enfermeira de UTI. Rev RENE. 2009, v. 10, n. 4, p. 19-27. OLLER, G.A.S.A.O. et al. Enfermagem e custos: uma revisão da literatura nacional. CuidArte Enfermagem. 2010, v. 4, n. 1, p. 36-43. TAKAHASHI, R.T.; GONÇALVES, V.L.M.; FELLI, V.E.A. Gerenciamento de Recursos Físicos e Ambientais. In: GERENCIAMENTO em enfermagem. 2 ed. Rio de Janeiro: Guanabara Koogan, 2012.

Síntese da Aula Atividade proposta: – Dividir a turma em 06 grupos; grupos – Distribuir um texto para cada grupo. •A leitura do texto servirá como suporte para discussão nos grupos. Em seguida, o grupo deve elaborar uma síntese do conteúdo exposto durante a aula. • Os membros do grupo devem preparar a melhor forma de apresentar o resultado do trabalho pelo seu representante.  Este momento também será oportuno para que os discentes apresentem suas dúvidas sobre o tema em questão.

Add a comment

Related presentations

Related pages

Kurcgant | Gerenciamento em Enfermagem by GUANABARA KOOGAN ...

... Gerenciamento em Enfermagem | Title: Kurcgant | Gerenciamento em Enfermagem, Author: GUANABARA ... 14 Gerenciamento de Recursos Físicos e ...
Read more

UNIVERSIDADE FEDERAL DE JUIZ DE FORA FACULDADE DE ENFERMAGEM

1 admateriais09 Disciplina Administração em Enfermagem I GERENCIAMENTO DE RECURSOS MATERIAIS EM ENFERMAGEM GRECO, ROSANGELA MARIA Profa. Dra do Depto.
Read more

Videoaula | Enfermagem em Adm. e Gerenciamento de Serviço ...

Videoaula | Enfermagem em Adm. e Gerenciamento de Serviço Hospitalar ... abordando temas gerais na administração de recursos humanos, ...
Read more

Gerenciamento de custos Enfermagem.wmv - YouTube

Administração de Recursos Materiais - Parte I - Introdução -Luis Octavio - www.profluisoctavio.com - Duration: 1:07:28. Luis Octavio Alves ...
Read more

Curso Administração em Enfermagem - EnfConcursos ...

Gerenciamento e Liderança em Enfermagem. ... Navegador compatível para obter todos os recursos do EnfConcursos: Para a melhor experiência como usuário, ...
Read more

gerenciamento de recursos materiais em enfermagem ...

Baixe grátis o arquivo gerenciamento de recursos materiais em enfermagem.pptx enviado por cassia no curso de Enfermagem na UNILASALLE. Sobre: Enfermagem ...
Read more

UNIVERSIDADE FEDERAL DE JUIZ DE FORA FACULDADE DE ...

Discutir o gerenciamento de Recursos Materiais no desenvolvimento das ações de ... Gerenciamento em enfermagem: KURCGANT, P. (coord.).
Read more

Gestão, Gerenciamento e educação em enfermagem e saúde

... processos e instrumentos da administração na gestão de serviços de saúde e enfermagem, gerenciamento de recursos para a prestação da ...
Read more

A gestão de recursos humanos em enfermagem - Artigos de ...

... o quando se fala em administração de recursos humanos no ... A gestão de recursos humanos em enfermagem. Artigo por Colunista Portal ...
Read more