Fluxograma para manejo de acidente por escorpião

50 %
50 %
Information about Fluxograma para manejo de acidente por escorpião
Education

Published on February 15, 2014

Author: robsoncosta

Source: slideshare.net

Description

Fluxograma para manejo de acidente por escorpião elaborado pelo infectologista pediatra Dr. Francisco Robson da Costa Lima.

FLUXOGRAMA PARA MANEJO DE ACIDENTE POR ESCORPIÃO – Professor Francisco Robson Costa Lima ACIDENTE POR ESCORPIÃO Local da picada? Tempo do acidente? Quadro local? Quadro sistêmico? QUADRO LOCAL Por estímulo das terminações nervosas sensitivas INOCULAÇÃO DO VENENO ATRAVÉS DO FERRÃO CASO MODERADO CASO LEVE Dor intensa + Sudorese discreta Náuseas Vômitos ocasionais Taquicardia Taquipnéia Hipertensão leve Dor local Parestesia Edema discreto Hiperemia discreta LOCAL DA PICADA Extremidade de quirodáctilo ou pododáctilo? SIM ▪ Infiltração local com lidocaína sem vasoconstrictor¹ ▪ Observação da criança ou idoso até 3 horas após acidente (risco de quadro sistêmico) ▪ Liberar com Dipirona gotas e compressa de gelo no local se dor ▪ Orientar retorno se necessário ▪ 3 ampolas de soro antiescorpiônico IV ▪ Infiltração local com lidocaína sem vasoconstrictor¹ ▪ Dipirona IV e compressa de gelo no local ▪ Observação do paciente até 24h após acidente ▪ Monitorar sinais vitais (TA, FC, FR e Temperatura) LOCAL DA PICADA: Extremidade de quirodáctilo ou pododáctilo? NÃO QUADRO SISTÊMICO Por estímulo do sistema nervoso autônomo ▪ Anti-inflamatório não hormonal e analgésico (diclofenaco de sódio) IM em região glútea ▪ Anti-histamínico (prometazina) IM² ▪ Aplicar pomada de lidocaína no local ▪ Observação da criança ou idoso até 3 horas após acidente (risco de quadro sistêmico) ▪ Liberar com Dipirona gotas e compressa de gelo no local se dor ▪ Orientar retorno se necessário LOCAL DA PICADA Extremidade de quirodáctilo ou pododáctilo? SIM LOCAL DA PICADA: Extremidade de quirodáctilo ou pododáctilo? NÃO ▪ 3 ampolas de soro antiescorpiônico IV ▪ Anti-inflamatório não hormonal e analgésico (diclofenaco de sódio) IM em região glútea ▪ Anti-histamínico (prometazina) IM² ▪ Aplicar pomada de lidocaína ▪ Dipirona IV e compressa de gelo no local ▪ Observação do paciente até 24h após acidente ▪ Monitorar sinais vitais (TA, FC, FR e Temperatura) (1) (2) (3) Bloqueio troncular com lidocaína a 2% sem vasoconstrictor – 1 a 2 ml para crianças e 3 a 4 ml para adultos (fazer metade da dose de cada lado da raiz do quirodáctilo ou pododáctilo); Prometazina (anti-histamínico) – fazer metade da dose calculada para o peso do paciente; Verificar situação vacinal do paciente para tétano – atualizar se necessário.

CASO GRAVE Além dos sinais e sintomas citados, apresenta uma ou mais manifestações como: Sudorese profusa Vômitos incoercíveis Sialorréia Agitação psicomotora Bradicardia Insuficiência cardíaca Edema agudo pulmão Choque Convulsões Coma (1) (2) (3) LOCAL DA PICADA Extremidade de quirodáctilo ou pododáctilo? SIM ▪ 6 ampolas de soro antiescorpiônico IV ▪ Infiltração local com lidocaína sem vasoconstrictor¹ ▪ Dipirona IV e compressa de gelo no local ▪ Internação do paciente para tratamento de complicações ▪ Monitorar sinais vitais (TA, FC, FR e Temperatura) LOCAL DA PICADA Extremidade de quirodáctilo ou pododáctilo? NÃO ▪ 6 ampolas de soro antiescorpiônico IV ▪ Anti-inflamatório não hormonal e analgésico (diclofenaco de sódio) IM em região glútea ▪ Anti-histamínico (prometazina) IM² ▪ Aplicar pomada de lidocaína ▪ Dipirona IV e compressa de gelo no local ▪ Internação do paciente para tratamento de complicações ▪ Monitorar sinais vitais (TA, FC, FR e Temperatura) Bloqueio troncular com lidocaína a 2% sem vasoconstrictor – 1 a 2 ml para crianças e 3 a 4 ml para adultos (fazer metade da dose de cada lado da raiz do quirodáctilo ou pododáctilo); Prometazina (anti-histamínico) – fazer metade da dose calculada para o peso do paciente; Verificar situação vacinal do paciente para tétano – atualizar se necessário. EXAMES COMPLEMENTARES NAS FORMAS MODERADAS E GRAVES: Hemograma = leucocitose com neutrofilia Glicemia = hiperglicemia Na = hiponatremia K = hipopotassemia ECG = arritmias RX tórax = aumento de área cardíaca e edema agudo pulmão COMO PRESCREVER DIPIRONA Para adultos: 500 mg/dose Casos leves Dipirona gotas 500 mg/ml Nº Gotas = 20 gotas a cada 6h se dor Lembrar que 1 ml = 20 gotas = 500 mg Preferir gotas pois efeito analgésico mais rápido que o comprimido Casos moderados ou graves Dipirona injetável 500 mg/ml (máx. 1 ml) Fazer 1 ml + 18 ml de ABD a cada 6 horas se dor Para crianças: 10 a 15 mg/kg/dose Casos leves Dipirona gotas 500 mg/ml Nº Gotas = 0,6 x Peso (máx. 20 gotas) a cada 6h se dor Dipirona solução oral 50 mg/ml Solução oral = 0,3 x Peso (máx. 10 ml) a cada 6h se dor Casos moderados ou graves Dipirona injetável 500 mg/ml Volume em ml = 0,03 x Peso (máx. 1 ml) Fazer o volume calculado diluído em 18 ml de ABD a cada 6h se dor Em casos de alergia a Dipirona optar por Paracetamol ou Ibuprofeno

Add a comment

Related presentations

Related pages

Fluxograma para manejo de acidente por escorpião - Education

Fluxograma para manejo de acidente por escorpião elaborado pelo infectologista pediatra Dr. Francisco Robson da Costa Lima.
Read more

Fluxograma para Manejo de Acidente por Escorpião - Prof ...

Blog Professor Robson
Read more

FLUXOGRAMA PARA MANEJO DE ACIDENTE POR ESCORPIÃO ...

FLUXOGRAMA PARA MANEJO DE ACIDENTE POR ESCORPIÃOdownload from 4shared Files Photo Music ...
Read more

Blog Professor Robson: Fevereiro 2014

Fluxograma para Manejo de Acidente por Escorpião ... Fluxograma para manejo de acidente por escorpião from Professor Robson. Nenhum comentário: ...
Read more

Fluxograma para Manejo de Acidente por Escorpião - Prof ...

Blog Professor Robson
Read more

FLUXOGRAMA MANEJO DOS CASOS DE SÍNDROME GRIPAL - Documents

Fluxograma para manejo de acidente por escorpião Fluxograma para manejo de acidente por escorpião elaborado pelo infectologista pediatra Dr. Francisco ...
Read more

My 4shared by frdcl - 4shared

FLUXOGRAMA PARA MANEJO DA HIPERTENSÃO ARTERIAL.doc ... FLUXOGRAMA PARA MANEJO DE ACIDENTE POR ESCORPIÃO.pdf. Inside.The.Living.Body.srt PAC ...
Read more