advertisement

Ética empresarial e governança corporativa - resumo

47 %
53 %
advertisement
Information about Ética empresarial e governança corporativa - resumo
Business & Mgmt

Published on February 17, 2014

Author: flaviofarah

Source: slideshare.net

Description

Este é um resumo de 3 páginas do estudo original, que tem 74 páginas.
advertisement

Ética Empresarial e Governança Corporativa – a primeira, inexistente – a segunda, inadequada, inconsistente, imoral, inconstitucional, ilegal e nefasta Flavio Farah* RESUMO Como referencial teórico do estudo, realizou-se: a) uma análise da base doutrinária do conceito tradicional de Governança Corporativa; b) uma análise do conceito de Ética Empresarial. A parte prática, cujas considerações foram baseadas no referencial teórico, consistiu em investigar as cem maiores empresas brasileiras em 2012, classificadas como tais pela revista Exame em função de suas vendas líquidas, com a finalidade de verificar se possuem um Código Deontológico e, em caso afirmativo, qual o respectivo teor. Dentre as cem empresas investigadas, constatou-se que 69 (sessenta e nove) possuem um Código Deontológico. Descontados os Códigos repetidos pertencentes a organizações do mesmo grupo econômico, foram encontrados 59 (cinquenta e nove) Códigos Deontológicos diferentes. Todos os Códigos foram analisados. As principais conclusões do estudo (74 pg.) foram as seguintes: 1) O conceito tradicional de Governança Corporativa baseia-se na teoria do acionista, uma doutrina inadequada, inconsistente, imoral, inconstitucional, ilegal e nefasta. 2) Presentemente, defrontam-se dois conceitos de Ética Empresarial, um deles, verdadeiro, e o outro, falso. O verdadeiro define Ética Empresarial como Ética da empresa. O falso concebe Ética Empresarial como Ética na empresa. 3) Governança Corporativa não se confunde com Ética Empresarial. Ética Empresarial é Ética da empresa, enquanto Governança Corporativa significa Ética na empresa. 4) Ética Empresarial deve ser definida como Ética da Empresa porque: a) a organização possui uma conduta institucional que não se confunde com a conduta individual de seus membros; b) a existência de uma conduta institucional implica que a empresa é um agente moral cuja conduta afeta a sociedade; c) a Ética na empresa representa uma mera extensão da Ética individual; d) a empresa é uma instituição social que atua em nome da sociedade para cumprir finalidades sociais específicas, razão pela qual a empresa tem que prestar contas de sua conduta institucional a essa mesma sociedade; e) excetuando-se os casos de corrupção envolvendo agentes públicos, a Ética da empresa possui um impacto social bem maior do que a Ética na empresa. 5) Os dados do estudo sugerem que as empresas não adotam um Código Deontológico por convicção própria sobre a importância da Ética, mas sim, por obrigação ou por interesse, para satisfazer os investidores ou melhorar a própria imagem. 6) Com exceção de dois deles, nenhum dos Códigos possuem o espírito de um verdadeiro Código de Ética Empresarial tampouco seu objetivo é prestar contas à sociedade como um todo, mas apenas aos acionistas, razão pela qual esses documentos não merecem o nome de Código de Ética, devendo denominar-se Código de Governança Corporativa.

7) Algumas empresas, por meio de seus Códigos, expressam preocupação exclusiva com a própria sobrevivência, isto é, com os danos que os empregados possam lhes causar, dando pouca ou nenhuma importância aos danos que sua conduta institucional possa causar à sociedade. 8) Alguns Códigos expressam claramente a profissão de fé das respectivas companhias na inaceitável teoria do acionista. 9) Quase todos os Códigos exaltam, equivocadamente, atributos que não constituem valores morais tais como, integridade, honestidade, lealdade, transparência, dignidade e coragem. 10) Quase todos os Códigos contêm, indevidamente, um rol explicativo dos valores organizacionais, o que contribui para tornar desnecessariamente prolixos esses documentos e confundir o leitor. 11) Quase todos os Códigos insultam a Ética ao prescrevê-la como meio de alcançar objetivos empresariais como, por exemplo, conquistar clientes. 12) Para o caso de um empregado se encontrar em situação imprevista, alguns Códigos fornecem uma relação de perguntas para serem usadas como critérios de tomada de decisão, perguntas que constituem critérios de moralidade inadequados. 13) Os Códigos: a) abusam da linguagem descritiva, que é imprestável para enunciar regras de conduta; b) contêm frases incabíveis como provérbios e frases de auto-ajuda; c) falham ao não utilizar a linguagem mais adequada: a normativa. 14) Os Códigos contêm frases e termos inadequados, equívocos conceituais, ambiguidades e redação tortuosa. Como exemplos, podem-se citar: conceitos errôneos sobre Ética, objetivos empresariais que nada têm a ver com Ética, direitos expressos como se fossem deveres, expressões equivocadas como somatória da conduta, erros diversos no uso da palavra atitude, não diferenciação entre erro e ato ilícito, equívoco no uso de termos como princípio e política, erro no uso de expressões como ação coletiva, erro nos conceitos de assédio sexual e assédio moral e vários outros. 15) Alguns Códigos contêm erros gramaticais como erros de concordância, de regência e de colocação pronominal. 16) Alguns Códigos contêm prescrições eticamente questionáveis tais como, competição interna e valorização da conduta ética. 17) No tocante aos empregados, todos os Códigos confundem diversidade com não discriminação; omitem certos fatores discriminatórios; falham ao não exigir o uso de ferramentas válidas de seleção de pessoas; falham ao não proibir a exigência de candidatos superqualificados nos processos seletivos; falham ao se omitirem sobre a questão da fixação de metas, do projeto do trabalho e da sobrecarga de trabalho, que constituem as principais causas de estresse no trabalho. 18) No tocante aos clientes e consumidores, várias empresas manifestam boas intenções em relação a eles, mas essas boas intenções são anuladas por três grupos de empresas que cometem imoralidades. 19) Em relação aos fornecedores, alguns Códigos contêm normas com aspectos positivos, tais como aquelas sobre princípios de licitações públicas e sobre imposição de condições comerciais, ao passo que outros contêm sérias omissões, tais como nas normas sobre necessidades específicas da empresa e sobre negociações com fornecedores.

20) No tocante aos concorrentes, muitos Códigos confundem concorrência desleal com infração à ordem econômica. 21) Pouquíssimos Códigos fazem menção a duas medidas indispensáveis para que sejam cumpridas as obrigações contidas em seu texto: políticas e auditoria. 22) As deficiências apontadas nos parágrafos anteriores, especialmente aquelas relatadas nos itens 9 a 14, sugerem que os responsáveis pela elaboração e aprovação dos Códigos não possuem base conceitual em Ética. Não obstante, nenhum dos Códigos menciona o treinamento em Ética. 23) Embora não fizesse parte do escopo do trabalho, foram verificadas incidentalmente as seguintes deficiências adicionais que parecem constituir um padrão:    Comitê de Ética constituído de executivos; Conselho de Administração alheio à questão da Ética; Comitê de Ética com funções executivas. 24) Algumas empresas que possuem um Código Deontológico têm sido repetidamente processadas e condenadas pela Justiça. 25) Dentre as cem maiores empresas brasileiras, apenas três se encontram entre as mais éticas do mundo. 26) Os dados contidos no estudo levam à conclusão de que, no Brasil, como regra, não existe Ética Empresarial. *Flavio Farah é Mestre em Administração de Empresas, Professor Universitário e autor do livro “Ética na gestão de pessoas”. Contato: farah@flaviofarah.com.

Add a comment

Related presentations

Canvas Prints at Affordable Prices make you smile.Visit http://www.shopcanvasprint...

30 Días en Bici en Gijón organiza un recorrido por los comercios históricos de la ...

Con el fin de conocer mejor el rol que juega internet en el proceso de compra en E...

With three established projects across the country and seven more in the pipeline,...

Retailing is not a rocket science, neither it's walk-in-the-park. In this presenta...

What is research??

What is research??

April 2, 2014

Explanatory definitions of research in depth...

Related pages

GOVERNANÇA CORPORATIVA E ÉTICA EMPRESARIAL - governanca

GOVERNANÇA CORPORATIVA E ÉTICA EMPRESARIAL Simulado: NPG1260_AV1_201506715303 Aluno(a): LEANDRO DA SILVA LOBATO Matrícula: 201506715303 ...
Read more

Governança Corporativa - Monografias - A1412

GOVERNANÇA CORPORATIVA Resumo ... corporativa e a sua ligação com o conceito de ética empresarial. A expressão Governança Corporativa tem sido ...
Read more

GOVERNANÇA CORPORATIVA E RESPONSABILIDADE SOCIAL: UM ...

GOVERNANÇA CORPORATIVA E RESPONSABILIDADE SOCIAL: UM ESTUDO DA RELAÇÃO ENTRE TAIS PRÁTICAS. Resumo Este artigo tem como objetivo apresentar arelação ...
Read more

Governança Corporativa - Pesquisas Acadêmicas - Petenguinha

Resumo Esta pesquisa tem como objetivo demonstrar a importância da Governança Corporativa, discorrendo sobre seu conceito de ética empresarial, e como ...
Read more

Ética Empresarial

Ética Empresarial na prática: ... Governança corporativa, sustentabilidade, ética nos negócios e nas ... O Desafio de Implantar A Ética Corporativa
Read more

O que é ética corporativa? - Exames - Laynecris

... Resumo da Matéria: “Ética Corporativa é a ... pontos sobre a ética empresarial e seus conceitos, o assedio moral e a governança corporativa.
Read more

A EVOLUÇÃO DO CONCEITO DE GOVERNANÇA CORPORATIVA À LUZ DA ...

... Ética, Ética Empresarial, Governança ... Total de Artigos com Resumo por Ano ... Classificação dos Artigos de Governança Corporativa e Ética ...
Read more

Ética Empresarial

... Governança Corporativa ... Corporativa. Conclusão. Bibliografia. Resumo O presente trabalho analisa o relacionamento entre a Ética e as melhores ...
Read more

ÉTICA EMPRESARIAL - Education - documents.tips

Ética empresarial e governança corporativa ... Este texto é um resumo que contém as principais conclusões de um estudo de 74 páginas sobre Ética ...
Read more

Ética x Governança - Scribd

O papel da Ética na Governança Corporativa. Ricardo Bezerra Cavalcanti Vieira1 Resumo Este artigo ... a competitividade empresarial e uma melhor ...
Read more