caruso_port

100 %
0 %
Information about caruso_port
Science-Technology

Published on August 17, 2009

Author: duminga

Source: authorstream.com

:  Contaminação por mercúrio na Amazonia Brasileira Um estudo colaborativo: Université du Québec à Montréal Universidad Federal do Pará Universidad Federal do Rio de Janeiro Comunitários de Brasilia Legal Autoridades locais e ONGs Financiado pelo Centro de Pesquisas para o Desenvolvimento Internacional (CRDI), Canadá Slide 2: Área de Estudo - Rio Tapajós Slide 3: Rio Tapajós Fase 1: De S. Luis do Tapajós a Santarém Fase 2: estudo intensivo de B. Legal e Cametá Fase 3: S.Luis do Tapajós a Aveiro Caruso de 1994 a 2005 Slide 4: O estudo continua, assim como o desmatamento... Slide 5: Ditadura militar de 1964 a 1985: favorecimento de grandes projetos de infra-estrutura (comunicações, transportes…); A partir de ‘66 : construção da Transamazônica e de grandes usinas hidro-elétricas (“Brasil: ame-o ou deixe-o”, “exportar é o que importa”, “desenvolvimento a qualquer custo”) Fracasso dos projetos de colonizacão agrícola na Amazônia, ao preço do ouro no final dos anos 70 Garimpo: processos simples e baratos de extração, podem ser usados en tempo parcial, posibilidade de ascenção social Durante os anos 80, os garimpos da Amazônia produzem ~100 ton/ano de ouro e emiten a mesma quantidade de Hg Histórico da corrida do ouro Slide 6: 1 milhão de garimpeiros, cidades flutuantes; uma economia paralela porém integrada; Sensacionalismo dos meios de comunicação: explora-se a prostituição, a violência, e a poluição; Os primeiros estudos revelam altos níveis de mercúrio em peixes e em humanos; assume-se - porém não demonstra-se - uma relação causal entre a garimpagem e estes altos níveis de Hg; Multiplicação de estudos ambientais e sanitários custosos: muitos “papers” e poucas conclusões (“Necessitam-se mais estudos...”) Em 1990, queda drástica do preço do ouro, hiper-inflação, depósitos bancários congelados: o garimpo cai por un fator ~ 10, porém o Hg nos peixes continua alto, em particular na bacia do Rio Negro, nunca afetado por garimpos A corrida do ouro e dos "papers" Slide 7: Brasil-Japão Instituto Nacional da Doença de Minamata / UFRJ JICA/DNPM & CETEM Brasil-Alemanha GTZ-Heidelberg/CETEM Brasil-Suécia SIDA e Universidades locales Brasil-CEE Inglaterra, Dinamarca, ONG’s & Universidades do Brasil Brasil-EUA O desfile dos estudos internacionais (todos de natureza diagnóstica) Porque tantos estudos sobre Hg? : Porque tantos estudos sobre Hg? Porque é um poluente volátil e ademais global Suas formas são neurotóxicas (vapor de Hg e Hg inorgânico; metil e dimetil-Hg) É liberado principalmente em forma inorgânica, porém em peixes ~40 -100% do Hg total é metil-Hg Tem ciclo ambiental complexo e pouco conhecido, especialmente nos trópicos Slide 9: 1994: estudo preliminar de determinação de características espaciais e temporais do ecossistema. 1994-96: Identificação da origen, distribuição, transmissão, exposição humana e efeitos à saúde. 1998-2000: busca de soluções com a comunidade curto prazo: práticas de consumo de peixe médio prazo: incorporação de Hg em peixes (metilação) longo prazo: sistemas agroflorestais 2000: re-avaliação da exposição e saúde 2003 - 2005: regionalização do estudo a 13 comunidades sobre 300 km do rio Tapajós: Hg, alimentação, Hg e MeHg em cadeias alimentares 2005 - 2008: Hg e visão, Hg x funções cardiovasculares, Selênio como modulador do efeito do Hg; redes de comunicações sociais A abordagem CARUSO Slide 10: Garimpo Solos ricos em Hg + desmatamento Liberação de mercúrio no ambiente Bioacumulação na cadeia trófica Consumo de peixes por humanos Metilação por bactérias Fontes e caminhos do mercúrio Slide 11: Há diferentes relações Hg x tamanho dos peixes!... 2005 ...e um peixe da espécie X pode estar num nível trófico mais alto que um peixe da mesma espécie e tamanho do lago vizinho Slide 13: Produção e acumulação de metilmercúrio São elevadas, em particular na estação das águas, tanto macrófitas flutuantes como em solos de floresta inundada, ambientes tipicamente tropicais Slide 14: . . Piscivores (n = 57) Herbivores (n=53) Omnivores (n = 22) 0.20 0.40 0.60 0.80 1.00 1.20 1.40 Hg total (µg/g) (Lebel et al., 1997) Hg nos peixes Slide 15: 10 12 14 16 Média de Hg no cabelo (µg/g) 1995 1994 1993 mar cm a partir da raiz 1 6 12 18 24 mar mar 26 mulheres (Lebel et al, 1997) Variaçao sazonal de Hg no cabelo O que está afetando a saúde? : (50 ppm) O que está afetando a saúde? WSSD, Johannesburg, 2002 Slide 17: Sensitive tests Slide 18: Redução da coordenação motora e das funções visuais e táteis Redução do indice de divisão celular (indice mitótico) Aumento da pressão sanguínea Efeitos à saúde Intervenção : Intervenção Oficinas de trabalho na comunidade (mulheres, pescadores, agricultores, autoridades locais) para discutir sobre os resultados Campanha na escola e na vila: comer mais peixes que não comem outros peixes, distribuição de cartazes com os níveis de Hg das espécies locais Trabalho com um grupo de 30 mulheres da comunidade para analizar os hábitos alimentares e sua variação temporal; esta atividade durou 12 meses e era coordenada pela parteira da comunidade Cartazes com 42 espécies de peixes : Cartazes com 42 espécies de peixes eat more fish that does not eat other fish Slide 22: Resultados: exposição 6 8 10 12 14 16 18 20 Média de Hg em cabelo (µg/g) 09/93 04/95 10/98 05/00 Intervenção mês/ano Slide 23: Consumo de peixe, 1995 - 2000 1995 123 refeições de peixe 2000 122 refeições de peixe carnívoros herbívoros 59 (48%) 21 (18%) 20 (16%) 64 (52%) Slide 24: A saúde após a intervenção Motricidade: Melhoria de 10% na destreza manual Teste de movimento alternado (Teste Branches): 64% apresentavam movimentos desordenados em 1995, em somente 32% em 2000 Entretanto, altos níveis de Hg continuam associados a disfunções visuais Um inquérito alimentar bem útil... : Um inquérito alimentar bem útil... Para um mesmo nível de consumo de peixe, pessoas comendo frutas mais frequentemente apresentam níveis inferiores de Hg no sangue e no cabelo. Elevados níveis de Hg urinário sem exposição ocupacional: maiores taxas de demetilação e eliminação do Hg pela urina?? Os níveis de Selênio em água, solos e peixes variam muito entre as comunidades: diferenças regionais na relação Hg x saúde? Slide 26: Redes de comunicações sociais Slide 29: metilmercúrio em peixes desmatamento, erosão dos solos Atividade garimpeira Abordagem ecossistémica intoxicação por mercúrio; malária Envenenamento de populações locais com metilmercúrio mineros ribeirinhos Agricultura de corte e queima vapores de mercúrio mercúrio na água Políticas de imigração e colonização Slide 30: Os barcos que trouxeram os líderes de 24 comunidades do Tapajós a S. Luis do Tapajós em junho de 2003 Slide 31: Os líderes de Brasilia Legal explicam os resultados dos estudos anteriores Slide 33: Regionalização: novo enfoque, novos problemas Algumas das comunidades recém-incluidas no estudo continuam céticas (participação de ~35% em média) “Participarei com prazer quando regressarem a nossa vila, como prometido” Desafio logístico para acomodar as exigências de grupos de saúde, ciências naturais e sociais, num estudo de escala regional. Mais tempo, mais custos Problemas de comunicação de uma comunidade a outra, e de um barco a outro.. Só até a um máximo de 3 km Slide 34: Abordagem tipo Expert, pouca formação local Pouco tempo no campo Sem interesse em criar estruturas permanentes; Não há integração entre os projetos; Pouca ou nenhuma restituição às comunidades Formação de brasileiros, em particular estudantes* Multidisciplinariedade, longos períodos no campo Criação de um laboratório analítico de ponta** Aprendizagem linguística (português francês); Reuniões regulares com a comunidade local, autoridades & ONGs Projetos anteriores x projeto CARUSO * 2 MSc, 4 PhD en curso, 1 MSc en “limbo” ** por poco tiempo Slide 35: Burocracia governamental (autorizações, alfândega, vistos, etc); Transferências e comunicacões bancárias; Estudantes mais participativos que seus professores; Laboratório leve, problemas de infra-estrutura, falta de suporte local; Tensões inter-pessoais e inter-culturais; Acesso às telecomunicações: desiguldades Norte-Sul Pouco interesse dos gestores e tomadores de decisões, má vontade da comunidade científica local Dificuldades encontradas Slide 36: Projetos com atores sociais locais: gestão agroflorestal que minimize a erosão dos solos e a lixiviação de Hg, e também traga alternativas economicamente viáveis ao corte e queima Inclusão e aprofudamento dos novos conhecimentos sobre o efeito do consumo de frutas e o planejamento de práticas agrícolas e alimentares Se x Hg, efeitos sobrea visão; efeitos cardiovasculares Biogeoquímica do Hg no ambiente e a cadeia alimentar, relação entre Hg em solos e Hg em águas: estamos longe de algo parecido a uma síntese… E agora, para aonde ir? OBRIGADO! : OBRIGADO! Participam ou participaram da coordinação do projeto: Donna Mergler, Marc Lucotte, Robert Davidson, Johanne Saint-Charles UQAM/Canada Marucia Amorim, Maria das Graças P. Sablayroles, Cristina Corvelo, Aldo Queiroz, UFPA/Brasil Jean R.D. Guimarães, UFRJ/Brasil Frédéric Mertens, Universidad de Brasilia

Add a comment

Related presentations

Related pages

El Hana Palace Caruso Hotel (Port El Kantaoui, Tunesien ...

Hotel El Hana Palace Caruso, Port El Kantaoui: 5 Bewertungen, 297 authentische Reisefotos und günstige Angebote für Hotel El Hana Palace Caruso. Bei ...
Read more

Caruso El Hana Palace - Erwachsenenhotel demn. Villa Clara ...

Caruso El Hana Palace - Erwachsenenhotel demn. Villa Clara in Port el Kantaoui (Tunesien) auf Ab-in-den-Urlaub.de buchen: 30 Hotelbewertungen! Mehrfach ...
Read more

Pauschalangebote Caruso El Hana Palace - Erwachsenenhotel ...

TOP Caruso El Hana Palace - Erwachsenenhotel demn. Villa Clara Pauschalangebote Jetzt beim Testsieger HolidayCheck die günstigsten Preise für ...
Read more

Thomas Cook

Enter the email address associated with your account, then click Send. We'll send you an email with the link to the page where you can easily reset your ...
Read more

Hotel El Hana Palace Caruso, Port el Kantaoui - trivago.de

Vergleichen Sie Hotelpreise und finden Sie den günstigsten Preis für El Hana Palace Caruso Hotel für das Reiseziel Port el Kantaoui. Schauen Sie sich 6 ...
Read more

David Caruso - PORT.hu

A "NYPD Blue" című televíziós produkcióval robbant be a köztudatba és vált egy csapásra keresett és elismert színésszé - olyannyira, hogy ...
Read more

A nagy Caruso - PORT.hu

Klasszikus életrajzi film a világ legnagyobb, legtehetségesebb, feledhetetlen és örökkévaló operaénekeséről, kinek nevét soha nem lehet feledni ...
Read more

Hotel Caruso - Port el Kantaoui (Tunesien) | alltours ...

Hotel Caruso in Port el Kantaoui (Monastir/Tunesien) - 4 Sterne: Jetzt einfach und günstig bei alltours Reisecenter buchen!
Read more

Cindy Caruso Profiles | Facebook

View the profiles of people named Cindy Caruso on Facebook. Join Facebook to connect with Cindy Caruso and others you may know. Facebook gives people the...
Read more

Dr. Caruso: - Healthgrades > Find a Doctor | Doctor ...

Directions to Dr. Caruso's Office. From: To: Get Directions. Compare Add a Provider Clear. ADVERTISEMENT. Find the Right Doctor For You. Hematology ...
Read more