BI&P- Indusval- Divulgação de Resultados 2T13

50 %
50 %
Information about BI&P- Indusval- Divulgação de Resultados 2T13
Investor Relations

Published on August 16, 2013

Author: indusval

Source: slideshare.net

O Seu Banco Parceiro DIVULGAÇÃO DE RESULTADOS 2T13

Disclaimer Esta apresentação pode conter referências e declarações que representem expectativas de resultados, planos de crescimento e estratégias futuras do BI&P. Essas referências e declarações estão baseadas em suposições e análises do Banco e refletem o que os administradores acreditam, de acordo com sua experiência, com o ambiente econômico e nas condições de mercado previsíveis. Estando muitos destes fatores fora do controle do Banco, podem haver diferenças significativas entre os resultados reais e as expectativas e declarações aqui eventualmente antecipadas. Esses riscos e incertezas incluem, mas não estão limitados a: nossa habilidade de perceber a dimensão dos aspectos econômicos brasileiros e globais, desenvolvimento bancário, condições de mercado financeiro, aspectos competitivos, governamentais e tecnológicos que possam afetar tanto as operações do BI&P quanto o mercado e seus produtos. Portanto, recomendamos ler os documentos e demonstrações financeiras disponibilizados através da CVM e de nosso site de Relações com Investidores (www.bip.b.br/ri) e efetuar sua cuidadosa avaliação. 2

Destaques 3  Em maio concluímos a aquisição da Voga, o novo time de IB já está integrado às atividades do BI&P.  Anúncio da Associação com o Banco Intercap S.A. em junho.  Carteira de Crédito Expandida totalizou R$3,2 bilhões, +5,9% no 2T13 e +15,0% em 12 meses, 47,6% no segmento Empresas Emergentes e 51,4% no segmento Corporate.  Os Créditos classificados entre AA e B representam 85,1% da carteira de crédito no 2T13 ante 81,3% no 1T13 e 79,2% no 2T12. Mantivemos nossa disciplina de manter um portfólio pulverizado e de excelente qualidade: 98,2% dos créditos concedidos ao longo do trimestre foram classificados entre AA e B.  A Despesa de PDD gerencial no 2T13, anualizada, foi de 1,1% da carteira de crédito expandida. Não houve novas provisões referentes ao saldo da carteira de crédito concedida antes de abril de 2011 e ainda permanecemos com uma provisão adicional (não alocada) de R$ 40,9 milhões.  As Receitas de Prestação de Serviços cresceram 33,9% no 2T13 e 26,2% no 1S13 quando comparado ao 1S12, totalizando R$8,6 milhões no 2T13. Com a recente integração do time de IB, esperamos que essa receita prossiga crescendo nos próximos trimestres.  A Receita de Operações de Crédito ajustada, que reflete a atividade “core” do banco, apresentou incremento de 14,0% no 2T13, de R$60,7 milhões no 1T13 para R$69,3 milhões no 2T13.  Os números do 2T13 foram impactados de forma pontual por perdas resultantes da alta volatilidade de mercado e efeito da descontinuidade da designação do hedge accounting, não relacionados às atividades de crédito, gerando um resultado negativo de R$20,6 milhões.  Considerando a política conservadora de risco adotada pelo Banco, entendemos que uma remuneração adequada ao nosso capital virá com o ganho de escala da carteira de crédito e da receita de serviços, resultantes da estratégia e estrutura montadas pela atual gestão.

Visão Banco BI&P 4 Tese de Investimento Nossa Visão consiste em sermos um banco inovador e de excelência... em crédito corporativo para empresas emergentes e corporate, com ampla gama de produtos financeiros e serviços, buscando realizar operações recorrentes junto à nossa base de clientes (“cross sell”), com o objetivo de atendê-los em todas suas necessidades financeiras com forte time de investment bank atuando no crescente mercado de renda fixa, captação de recursos de longo prazo, fusões e aquisições e operações estruturadas    O Brasil é um dos países com maior concentração bancária do mundo, com significativa demanda pelas empresas de relacionamentos bancários de qualidade, principalmente nos segmentos em que atuamos.  O mercado financeiro está passando por um ponto de inflexão histórico com o surgimento de um crescente mercado de renda fixa doméstico onde cada vez mais as empresas buscarão recursos de longo prazo para os seus investimentos.  O Brasil continua sendo um grande polo de atração de novos players estratégicos do sistema financeiro internacional e o BI&P estará preparado para se posicionar com um excelente parceiro, em linha com o histórico associativo dos nossos sócios controladores.

Reestruturação Estratégica | Fase 1 Reposicionamento do Core Business 5  Nova estrutura de avaliação e remuneração  Realização de pesquisas de clima  Investimento em jovens talentos: Programa de Trainee Recursos Humanos  Desenvolvimento da Unidade de Inteligência de Mercado (BI) e Sales Force  Troca de 85% do time  Maiores volumes de visitas e carteira por officer  Integração entre áreas Comercial e Crédito: novos processos Comercial  Formação de equipe de produtos e derivativos  Implementação de novos produtos com destaque para a mesa de derivativos  Integração total com a área comercial  Meta da receita de serviços: representar 23-30% das receitas totais do BI&P em 2-3 anos Produtos e Finanças Corporativas  Novo Superintendente da área  Relevantes investimentos em infraestrutura e equipamentos  Novas plataformas de Inteligência de Mercado (COGNOS - BI) e CRM (Salesforce.com) em implementação Melhorias de Controles  Precificação de produtos a clientes de mercados nacionais e internacionais: juros em R$ e US$, futuros e opções para juros, moedas e commodities, índices de inflação e de câmbio pronto  Gerenciamento de posições proprietárias: mercados nacionais e internacionais Tesouraria e Posições Proprietárias

Reestruturação Estratégica | Fase 2 Foco em reforçar atividades de Finanças Corporativas, ganho de escala e diversificar estrutura de funding 6 Dezembro 2012 JV Ceagro para geração de CPRs: já gerou R$220 milhões de ativos para o banco JV para geração de ativos Fevereiro 2013 Aquisição da Voga (Investment Banking), incorporada em maio 2013 com 39 mandatos em andamento e fortalecimento do time de distribuição Aquisição Time de IB Março 2013 Provisão adicional de R$111 milhões sobre créditos concedidos antes de abril 2011, liquidando pendências da antiga política de crédito Provisão Adicional Março 2013 Aumento de capital de R$90 milhões, subscrito pela Warburg Pincus, acionistas controladores e mercado Aumento de Capital Junho 2013 Aquisição do Banco Intercap, com Afonso Hennel (Grupo Semp Toshiba) e Roberto de Resende Barbosa (NovAmerica/Cosan) passando a integrar o Conselho de Administração e Grupo de Controle do BI&P Aquisição Intercap

Associação com Banco Intercap Patrimônio e Grupo de Controle  Incorporação do PL de 30.06.2013, aproximadamente R$116 milhões  Acionistas de 2 fortes grupos passarão a participar do grupo de controle:  Afonso Hennel (Grupo Semp)  Roberto de Rezende Barbosa (NovAmerica / Cosan) Carteira de Crédito  Prazo médio de aproximadamente 18 meses  84,3% dos créditos classificados entre AA-B  Índice de Basileia sem exposição cambial Junho 2013: 19,2% 7

Associação com Banco Intercap Estrutura de Governança Corporativa  As práticas atuais serão preservadas  Os acionistas da Intercap terão direito a 2 membros no Conselho  Afonso Hennel será nomeado como Vice-Presidente do Conselho de Administração  Afonso Hennel e Roberto de Rezende Barbosa farão parte do Grupo de Controle Mecanismos de proteção e indenização  O Contrato prevê mecanismos de proteção e indenização entre o Banco BI&P e os acionistas do Banco Intercap com relação a perdas de crédito e despesa de PDD. Os limites de PDD para o Intercap, não cumulativos, são de até: • Ano 1: R$6 milhões • Ano 2: R$4,5 milhões • Ano 3, 4 e 5: R$3 milhões por ano 8

2.759 2.807 2.991 3.068 3.048 3.229 1T12 2T12 3T12 4T12 1T13 2T13 R$milhões Empréstimos e Financiamentos em Reais Trade Finance Garantias Emitidas (Avais, Fianças e L/Cs) Títulos Agrícolas (CPR, CDA/WA e CDCA) Títulos de Crédito Privado (NP e Debêntures) Carteira de Crédito Expandida Crescimento de 5,9% no trimestre em créditos de melhor qualidade... 9

1.422 1.253 1.200 1.445 1.538 2T12 3T12 4T12 1T13 2T13 R$milhões Empresas Emergentes 1.334 1.682 1.820 1.567 1.659 2T12 3T12 4T12 1T13 2T13 R$milhões Corporate Segmentação de Clientes ...mantendo as mesmas participações entre empresas Emergentes e Corporate na carteira de crédito expandida... 10 Nota: Outros Créditos correspondem a operações de CDC Veículos, Empréstimos e Financiamentos Adquiridos, e Financiamento de BNDU). Migração de carteira de Empresas Emergentes para Corporate para ajuste de segmentação de porte (~R$200mm em jun/12 e ~R$260mm em set/12) Faturamento anual entre R$40mm e R$400mm Faturamento anual entre R$400 mm e R$2 bi Ticket médio dos desembolsos por cliente R$ mm 2T13 1T13 Corporate 9,2 10,8 Empresas Emergentes 2,2 2,3 47,4% 47,6% 51,4% 51,4% 1,2% 1,0% 1T13 2T13 Empresas Emergentes Corporate Outros

Evolução da Carteira de Crédito Expandida ...com foco em ativos de maior qualidade... 11 517 687 728 589 773 2T12 3T12 4T12 1T13 2T13 R$milhões Novas Operações 3.048 3.229773(510) (76) (6) 1T13 Operações Liquidadas Saídas de Crédito Write offs Novas operações 2T13 R$milhões 98,7% das novas operações dos últimos 12 meses estão classificadas entre AA e B.

Empréstimos 39,1% Cessão Recebíveis Clientes 12,5% Confirming 0,7% Desconto 0,4% NCE 1,6% CCE 1,0% CCBI 1,0% Carteira de Crédito Expandida ...e ampliando a participação dos novos produtos... 12 Emprést. e Descontos em Reais 56% Trade Finance 16% BNDES 9% Garantias Emitidas 6% Títulos Agrícolas 10% Títulos Crédito Privado 1,1% Outros 2% 2T12 Empréstimos 31,5% Cessão Recebíveis Clientes 8,8% Confirming 0,0% Desconto 0,3% NCE 5,7% CCE 3,4% CCBI 1,9% Emprést. e Descontos em Reais 52% Trade Finance 13% BNDES 11% Garantias Emitidas 6% Títulos Agrícolas 15% Títulos Crédito Privado 1,2% Outros 2% 2T13

371 529 482 403 250 2T12 3T12 4T12 1T13 2T13 R$milhões Ecossistema de Grandes Empresas * Recebíveis de Clientes Recebíveis contra Clientes 267 307 327 371 478 2T12 3T12 4T12 1T13 2T13 R$milhões Títulos Agrícolas CPR Warrant (CDA/WA) CDCA Desenvolvimento de Franchise Value ...em nichos de especialização... 13 60 94 92 90 106 2T12 3T12 4T12 1T13 2T13 R$milhões Títulos de Renda Fixa Debêntures CCB Imobiliário * Operações de aquisição e cessão de recebíveis originados por nossos clientes e Operações com recebíveis de fornecedores sacados contra nossos clientes (Confirming). O desenvolvimento de expertise em certos nichos e a criação de estruturas que gerem diferenciais competitivos permitem o aumento de rentabilidade através de receitas de fees.

1,3% 1,3% 1,5% 1,6% 1,6% 1,7% 1,8% 2,0% 2,4% 2,9% 3,6% 3,6% 3,6% 4,3% 5,6% 9,9% 12,2% 15,8% 23,3% Comércio - atacado e varejo Plástico e Borracha Pessoa física Serviços financeiros Eletroeletrônicos Instituições financeiras Máquinas e Equipamentos Geração e Distribuição de Energia Educação Têxtil, confec. e couro Metalurgia Química e farmacêutica Derivados petróleo e biocombustíveis Transporte e logística Automotivo Outros setores* Construção Alimentos e bebidas Agropecuário 2T13 1,3% 1,8% 2,3% 2,4% 2,5% 2,8% 3,7% 3,7% 4,2% 4,3% 4,6% 5,0% 5,2% 9,7% 11,9% 15,5% 19,0% Eletroeletrônicos Comércio - atacado e varejo Instituições financeiras Geração e Distribuição de Energia Educação Têxtil, confecção e couro Metalurgia Derivados petróleo e biocombustíveis Automotivo Papel e celulose Serviços financeiros Química e farmacêutica Transporte e logística Outros setores* Construção Alimentos e bebidas Agropecuário 2T12 Carteira de Crédito ...com incremento relevante no Agronegócio... 14 * Outros setores com participação individual inferior a 1,4%.

Carteira de Crédito ...mantendo a característica de curto prazo. 15 2T12 2T13 10 maiores 18% 11 - 60 maiores 32% 61 - 160 maiores 25% Demais 25% Concentração por Cliente 10 maiores 15% 11 - 60 maiores 32% 61 - 160 maiores 27% Demais 26% Concentração por Cliente Até 90 dias 39% 91 a 180 dias 19% 181 a 360 dias 15% +360 dias 27% Vencimentos Até 90 dias 32% 91 a 180 dias 20% 181 a 360 dias 16%+360 dias 32% Vencimentos

Qualidade da Carteira de Crédito 98,2% dos créditos concedidos no trimestre classificados entre AA e B 16  Créditos classificados entre D e H equivalem a R$279,8 milhões no fechamento do 2T13: − R$215,9 milhões (77% da carteira de crédito entre D-H) em curso normal de pagamento; − Apenas R$63,9 milhões com atrasos +60 dias; e − 76,6% provisionados (96,4% em março/13).6% 2% 3% 37% 40% 42% 34% 36% 38% 16% 13% 7% 8% 9% 11% 2T12 1T13 2T13 AA A B C D - H 81,7% 78,2% 76,2% AA 3% AA 2% AA 3% A 42% A 48% A 16% B 38% B 44% B 12% C 7% C 3% C 23%D - H 11% D - H 2% D - H 46% 2T13 * Nova Política de Crédito: adotada a partir de abril de 2011. Clientes Nova Política* Carteira Clássica Clientes Política Antiga Carteira Clássica

Desempenho Operacional e Rentabilidade 17 Receita de Operações de Crédito + CPR Ajustada 2T13 1T13 2T13/1T13 2T12 2T13/2T12 (A) Receita de Operações de Crédito e CPR 60,0 58,6 2,4% 73,7 -18,6% (B) Recuperações de Créditos em Perda 1,7 4,3 -60,2% 8,9 -80,7% (C) Descontos concedidos em operações liquidadas (11) (6,5) 69,2% (9,5) 15,8% Receita de Oper. de Crédito e CPR ajustada (A-B-C) 69,3 60,7 14,0% 74,3 -6,8% 5,5% 5,8% 5,3% 5,4% 3,2% 4,8% 4,5% 4,4% 4,1% 4,1% 2T12 3T12 4T12 1T13 2T13 Margem Financeira Líquida (NIM) NIM - sem efeitos da descontinuidade da designação hedge accounting e descontos* NIM - Gerencial com Clientes* * Inclui as receitas das operações de CPR

Qualidade da Carteira de Crédito 18 1 - Despesa de PDD Gerencial = Despesa de PDD + Descontos concedidos nas operações liquidadas - Recuperações de Créditos em prejuízo * Nova Política de Crédito: adotada a partir de abril de 2011. 6,4% 5,5% 4,5% 8,5% 8,2% 2,6% 1,9% 1,2% 2,2% 2,1% 0,2% 0,3% 0,1% 0,4% 0,5% 2T12 3T12 4T12 1T13 2T13 NPL 90 dias / Carteira de Crédito Clientes Antiga Política de Crédito Total Clientes Nova Política de Crédito* 9,0% 7,5% 4,9% 9,4% 10,6% 3,6% 3,1% 1,5% 2,3% 2,6% 0,2% 1,1% 0,4% 0,4% 0,5% 2T12 3T12 4T12 1T13 2T13 NPL 60 dias / Carteira de Crédito Clientes Antiga Política de Crédito Total Clientes Nova Política de Crédito* Despesa de PDD1 Gerencial do 2T13, anualizada, foi de 1,1% da carteira de Crédito Expandida

CDB 26% DPGE 30% LCA 16% LF e LCI 2% Interf. e Dep. vista 3% Repasses no país 11% Emprest. Exterior 12% 2T13 2.755 2.936 2.999 3.170 3.142 2T12 3T12 4T12 1T13 2T13 R$milhões Moeda Local Moeda Estrangeira Captação Mix de produtos colabora com a redução de custo 19 CDB 27% DPGE 28% LCA 12% LF e LCI 1% Interf. e Dep. vista 6% Repasses no país 10% Emprest. Exterior 16% 2T12

Desempenho Operacional e Rentabilidade 20 n.r.= Não representativo 2,4 3,1 3,6 2T12 3T12 4T12 1T13 2T13 R$milhões Lucro Líquido 1,7 2,2 2,5 2T12 3T12 4T12 1T13 2T13 Retorno sobre PL Médio (ROAE) % -91,4 n.r. -20,6 n.r. Os números do 2T13 foram impactados de forma pontual:  Perdas resultantes da alta volatilidade de mercado,  Efeito da descontinuidade da designação hedge accounting,

582,4 587,6 587,2 498,4 569,6 686,0 2T12 3T12 4T12 1T13 2T13 2T13* R$milhões Patrimônio Líquido 17,0% 15,8% 14,9% 14,2% 14,6% 16,0% 2T12 3T12 4T12 1T13 2T13 2T13* Índice de Basileia (Tier I) 4,8x 5,1x 5,2x 6,1x 5,7x 5,2x 2T12 3T12 4T12 1T13 2T13 2T13* Alavancagem Carteira de Crédito Expandida / PL Estrutura de Capital e Classificação de Riscos 21 Agência Classificação de Risco Último Relatório Standard & Poor’s Global: BB/Negativo/ B Nacional: brA+/Negativo/brA-1 Ago/13 Moody’s Global: Ba3/Negativo/Not Prime Nacional: A2.br/Negativo/BR-2 Jul/13 Fitch Ratings Nacional: BBB/Estável/F3 Jul/13 RiskBank Índice: 9,92 Baixo Risco Curto Prazo Jul/13 * Inclui o aumento de capital de R$90,0 milhões homologado na RCA de19.07.2013 e simula a conclusão da associação com o Banco Intercap. BI&P+ Intercap BI&P+ Intercap BI&P+ Intercap

Principais Desafios 22 Aumento de escala por meio do crescimento da carteira de crédito e maior alavancagem Ganho de Escala Mix adequado de empresas Emergentes e Corporate (50%-50%) Perfil de risco equilibrado Crescimento e maturação das mesas de derivativos e de produtos, bem como das atividades de Investment Banking: estruturação de operação de renda fixa M&A/ assessoria financeira Investment Banking ROE Adequado (mid-teens): ainda depende de maior escala / rentabilidade e incremento na receita de fees

O Seu Banco Parceiro

Add a comment

Related presentations

Related pages

BI&P- Indusval- Divulgação de Resultados 2T13 ...

O Seu Banco Parceiro DIVULGAÇÃO DE RESULTADOS 2T13 Disclaimer Esta apresentação pode conter referências e declarações que representem expectativas ...
Read more

BI&P- Indusval - Relatório de Divulgação de Resultados 2T13

BI&P- Indusval - Relatório de Divulgação de Resultados 2T13. of 21. BI&P- Indusval - Relatório de Divulgação de Resultados 2T13
Read more

BI&P- Indusval- Relatório de Divulgação de Resultados 3T13 ...

Divulgação de Resultados do Banco BI&P do 3º Trimestre de 2013
Read more

BI&P- Indusval- Divulgação de Resultados 4T13 - Investor ...

Apresentação dos Resultados do Banco BI&P - 4º Trimestre de 2013 ... BI&P- Indusval- Divulgação de Resultados 4T13. by bip-banco-indusval-partners ...
Read more

BI&P- Indusval- Divulgação de Resultados 2T14 ...

BI&P- Indusval- Divulgação de Resultados 2T14. 50 % 50 % Tweet. Information about BI&P- Indusval- Divulgação de Resultados 2T14. Investor ...
Read more

BI&P- Indusval- Divulgação de Resultados 3T14 - Investor ...

Apresentação dos Resultados do Banco BI&P - 3º Trimestre de 2014 ... BI&P- Indusval- Divulgação de Resultados 3T14. by bip-banco-indusval-partners ...
Read more