APRESENTAÇÃO DO LIVRO GÊNEROS ORAIS E ESCRITOS NA ESCOLA

46 %
54 %
Information about APRESENTAÇÃO DO LIVRO GÊNEROS ORAIS E ESCRITOS NA ESCOLA
Books

Published on March 9, 2014

Author: rayannesilva93

Source: slideshare.net

Description

APRESENTAÇÃO DO LIVRO GÊNEROS ORAIS E ESCRITOS NA ESCOLA

LÍNGUA PORTUGUESA CONTEÚDO E METODOLOGIA

ALGUMAS CONSIDERAÇÕES SOBRE: APRESENTAÇÃO DO LIVRO GÊNEROS ORAIS E ESCRITOS NA ESCOLA

O TEXTO EM SALA DE AULA • Roxane Rojo e Glaís S. Cordeiro, tradutoras e organizadoras do livro, chamam a atenção para o fato de que no Brasil, desde a década de 1980, os estudiosos já se conscientizaram de que o texto é a base para o ensinoaprendizagem da Língua Portuguesa, sendo o marco dessa época o lançamento do livro antológico de João Wanderley Geraldi, O texto na sala de aula: Leitura e produção – 1984.

ROMPIMENTO • Ao assumir que o texto é a base, fica evidente uma ruptura com as antigas correntes teóricas, sobretudo atreladas à gramática normativa, as quais acreditavam que a língua materna poderia ser aprendida através do estudo de palavras ou frases isoladas de seus contextos de uso. Exemplo: decorar a lista dos advérbios e suas classificações – tempo, espaço, modo etc.

COMO NÃO TRABALHAR O TEXTO • “Finalmente, uma última crítica que se faz à abordagem textual – baseada essencialmente em textos escritos canônicos e potencialmente normalizadora e gramatical – é a de que, nas práticas ligadas ao uso, à produção e à circulação dos textos, faz-se abstração das circunstâncias ou da situação de produção e de leitura desses textos, gerando uma leitura de extração de informações (explícitas e implícitas) mais do que uma leitura interpretativa, reflexiva e crítica, e uma produção guiada pelas formas e pelos conteúdos mais que pelo contexto e pelas finalidades dos textos”. (p.09, 2004)

COMO TRABALHAR O TEXTO • “Trata-se então de enfocar, em sala de aula, o texto em seu funcionamento e em seu contexto de produção/leitura, evidenciando as significações geradas mais do que as propriedades formais que dão suporte a funcionamentos cognitivos”. (grifo meu)(p.10, 2004)

OBSERVAÇÃO Apesar dos estudos que deram origem a esse livro terem sido destinados ao ensino do francês enquanto língua materna para uma parte da Suíça, é interessante notar que o ensino de línguas através de gêneros textuais apresenta aspectos gerais – que podem ser aplicados em qualquer nação – e aspectos específicos – que devem ser adaptados às particularidades de cada região. Sendo assim, cabe ao professor realizar essa adequação e decidir o que pode, ou não, utilizar em sua prática docente.

REFERÊNCIAS • SCHNEUWLY, B; DOLZ, J. Gêneros orais e escritos na escola. 3ª edição. São Paulo: Mercado de Letras, 2011.

Add a comment

Related presentations