A amendoeira

100 %
0 %
Information about A amendoeira

Published on December 28, 2016

Author: carloshalmeida

Source: slideshare.net

1. 1 A amendoeira SIMBOLISMO: A amendoeira é considerada símbolo da vigilância (é a primeira que floresce na primavera) e da vida nova. A amêndoa, como fruta doce sob uma casca dura é símbolo do essencial, do espiritual, que está oculto (1 Pedro 3:4) atrás das aparências externas. Para os pais da Igreja, o ramo da amendoeira e o seu fruto eram considerados símbolos do sacerdócio: o modo de se comportar do sacerdote deve, no exterior, ser sóbrio e contido, ao passo que o seu interior envolva a fé como alimento invisível. É símbolo de Cristo porque a sua natureza humana oculta a sua natureza divina, é também símbolo da sua encarnação. E corresponde ao véu do tabernáculo e do templo, que igualmente ocultavam a vista de Deus no interior do Santo dos santos, assim como a carne (= véu) ocultava a divindade gloriosa da Pessoa do Filho. (Hebreus 10:19-20).

2. 2 TEXTOS BÍBLICOS:  “Jacó tomou varas de álamo, de amendoeira e de plátano, descascou-as em tiras brancas, deixando aparecer a brancura das varas” (Gênesis 30:37).  “Disse-lhes o pai Israel:” Sendo assim, fazei o seguinte: escolhei para bagagem alguns dos melhores produtos desta terra e levai-os como presente a esse homem: um pouco de bálsamo, um pouco de mel, especiais, resina, terebinto e amêndoas” (Gênesis 43:11).  “Num braço haverá três cálices com formato de flor de amêndoa, com botão e flor; e três cálices com formato de flor de amêndoa no outro braço, com botão e flor; assim serão os seis braços do candelabro. Mas o candelabro mesmo terá quatro cálices com formato de flor de amêndoa, com botão e flor...” (Êxodo 25:33-34; Êxodo 37,19-20).

3. 3  “No dia seguinte, ao entrar na tenda da Aliança, Moisés, viu que a vara de Aarão, da casa de Levi, tinha produzido brotos e dado flores e amêndoas maduras” (Números 17:23).  “então a amendoeira embranquecerá de flor...” (Eclesiastes 12:5). JEREMIAS E A VARA DE AMENDOEIRA  "Ainda veio a mim a palavra do Senhor, dizendo: Que é que vês, Jeremias? E eu disse: Vejo uma vara de amendoeira. E disse-me o Senhor: Viste bem; porque eu velo sobre a minha palavra para a cumprir" (Jeremias 1:11,12). Amendoeira é uma palavra hebraica, "shoked", e significa "vigilante". Esta árvore é da família das rosáceas, de semente oleaginosa, e é a primeira planta a florescer na primavera. É como se ela ficasse vigiando o fim do inverno e o início da primavera, e quando ocorre o equinócio da primavera, a amendoeira é a primeira a brotar! Daí seu nome de vigilante. Deus estava dizendo a Jeremias: Eu sou como a amendoeira que vigia a primavera. Eu estou vigiando para que as minhas palavras se cumpram. E você Jeremias deve aprender a ser vigilante como é a amendoeira. Na simbologia bíblica "vara" significa "pessoa". Em João 15:5 Jesus afirmou: "Vós sois as varas" portanto "vara de amendoeira" significa: pessoa vigilante. As profecias do Antigo testamento são expressas das seguintes maneiras: verbal, factual e simbólica. 1. Verbal - Quando ela é falada. "Assim diz o Senhor..." Assim se faz um enunciado do que vai suceder ou uma observação de Deus. 2. Factual - É quando um fato, algo que sucede, que é histórico, real, concreto, é apontado como um evento também a suceder no futuro. A páscoa é um fato histórico, real, mas já era um anúncio profético da obra do Senhor Jesus Cristo. 3. Simbólica - Quando um símbolo é tomado como sendo uma mensagem. Muitas vezes a simbólica vem através de atos ou palavras. Como Jeremias e a vara de amendoeira.

4. 4 Quando Deus deu a Jeremias a visão da vara de amendoeira, ele alertava para a vigilância, pois a Palavra de Deus iria se cumprir, quer Jeremias quisesse ou não. Não que Deus fosse ruim, mal, mas porque Ele já sabia do pecado de Judá. Jeremias jamais poderia se intimidar por se achar uma criança, ou incapaz, e deixar de anunciar o que Deus iria mandar. O cristão deve ser vigilante, não somente porque Jesus vai voltar, mas também em anunciar as Boas Novas do Reino, pois sabemos que a Palavra de Deus irá se cumprir, quer o mundo queira ou não. E já tem se cumprido! Este mundo (cosmos = sistema de coisas) tem um prazo estabelecido por Deus. "Prega a palavra". Esta foi a ordem dada a Timóteo: "instes a tempo e fora de tempo, redarguas, repreendas, exortes" (2 Timóteo 4:2). Esta Palavra nos ensina a ter o compromisso anunciar as boas novas: Que o Senhor Jesus derramou na cruz do calvário sangue puro para nos salvar. Nunca deixar de falar! Obedecer ao "ide" (Marcos 16:15), pois bem-aventurado o servo que o Senhor assim o encontrar fazendo, pois haverá premiação aos fiéis (Marcos 10:28-31; 1 Coríntios 9:16-25; 2Coríntios 5:10; Filipenses 3:14; Apocalipse 3:11). Muitos pensam que falaram de Jesus em vão, mas a semente da amendoeira é chamada de "um despertar". Ela permanece nas ondas do mar por meses, e quando a maré enche, é lançada pelas ondas na praia, e se torna uma árvore enorme. A palavra de Deus nunca volta vazia. O nosso trabalho nunca é vão no Senhor Jesus Cristo. A semente da Palavra de Deus que você lançou em algum coração, um dia a maré enche. Um dia essa semente germina. Um dia desses ela se torna uma linda árvore. Saiba que o tempo de Deus não é nosso tempo. Seja vigilante como é a amendoeira. Seja o primeiro a falar. Seja o primeiro a dizer: Jesus te ama como você é. E esses frutos, mesmo que demorem, eles irão se transformar em lindas amendoeiras para a Glória do Senhor Jesus! A vara de Arão produziu flores e ‘dava amêndoas’ (Números 17:8). Em Jeremias a expressão ‘vejo uma vara de amendoeira’ (Jeremias 1:11) é simbólica de pressa, porque a raiz da palavra hebraica, traduzida por amêndoa, significa ‘apressar-se’. Há um jogo de palavras no texto de Jeremias 1:11,12 que só fica claro no texto original. Em hebraico o substantivo “amendoeira” (shaqed: “aquele que acorda”) e o verbo “velo” (shoqed: “eu velo sobre”) são provenientes da mesma raiz hebraica. Entretanto, isso não é tudo. A amendoeira é a primeira árvore a florescer na primavera do Oriente Médio. O que Deus está dizendo a Jeremias é que, do modo como o ramo da amendoeira é o primeiro a florescer, a despertar, ele (Deus) faria o mesmo em relação à sua palavra. A visão ilustra a prontidão com que Deus cumpre suas promessas. Assim como os primeiros botões da amendoeira anunciavam a primavera, a palavra pronunciada por Deus apontava para seu rápido cumprimento. E quem já leu todo o livro de Jeremias sabe como

5. 5 Deus cumpriu e cumpriria à risca tudo que prometeu acerca do cativeiro Babilônico e outras profecias. A Bíblia inteira mostra como Deus é zeloso no cumprimento de sua palavra:  “Nenhuma promessa falhou de todas as boas palavras que o SENHOR falara à casa de Israel; tudo se cumpriu” (Josué 21.45).  “Porque eu, o SENHOR, falarei, e a palavra que eu falar se cumprirá e não será retardada; porque, em vossos dias, ó casa rebelde, falarei a palavra e a cumprirei, diz o SENHOR Deus” (Ezequiel 12.25).  “Não penseis que vim revogar a lei ou os profetas; não vim para revogar, vim para cumprir. Porque em verdade vos digo: até que o céu e a terra passem, nem um i ou um til jamais passará da lei, até que tudo se cumpra” (Mateus 5.17,18).  “A seguir, Jesus lhes disse: São estas as palavras que eu vos falei, estando ainda convosco: importava se cumprisse tudo o que de mim está escrito na Lei de Moisés, nos Profetas e nos Salmos” (Lucas 24.44). Mostra-se ao profeta uma vara de amendoeira para significar que o SENHOR apressará o cumprimento da Sua palavra. Bem cedo no país a amendoeira mostra as suas flores de um branco-rosado, estando em completa florescência na Palestina em janeiro, e os seus frutos aparecem em março ou abril. Os copos do castiçal de ouro deviam ser feitos à maneira de amêndoas (Êxodo 25.33), isto é, segundo o modelo da flor a ser tomada a amendoeira, quando coberta de flores, como símbolo de avançada idade (Eclesiastes 12.5), foi sugerido pelo seu aspecto de nívea alvura, quando observada à distância. As amêndoas que faziam parte do presente mandado por Jacó ao seu desconhecido filho (Gênesis 43:11), melhor traduzido o termo são as nozes da pistácia, árvore oriunda da Palestina e da Síria, onde é muito cultivada por causa dos seus frutos, que são exportados de Alepo e dos portos do Levante. O miolo oleoso da amêndoa serve de sobremesa, e com ele se preparam certos bolos. As amêndoas eram altamente apreciadas pelos antigos, para alimentação e como remédio estomacal: empregavam-se, também, como antídoto para a mordedura das serpentes. Em Cantares 6:11 a tradução é ‘jardim das nogueiras’. No presente a nogueira é cultivada nas encostas e nas rampas mais baixas do Líbano e do Hermom, e também nalguns sítios da Galiléia. RESUMINDO Por tudo que este rico símbolo reúne e representa, creio que a palavra que resume todo seu amplo significado é PRONTIDÃO.

Add a comment