advertisement

1.1 básico de eletricidade rev 10

67 %
33 %
advertisement
Information about 1.1 básico de eletricidade rev 10

Published on March 9, 2014

Author: marcosromanholo7

Source: slideshare.net

advertisement

Noções Básicas sobre Eletricidade e Magnetismo LAACSS Março 2009 Copyright © 2010 Rockwell Automation, Inc. All rights reserved.

Noções Básicas Sobre Magnetismo • Magnetismo, O Que é Isso?

Noções Básicas Sobre Magnetismo • Magnetismo Regra no. 1, Opostos Se Atraem

Noções Básicas Sobre Magnetismo • Magnetismo Regra no. 2, Pólos Semelhantes Se Repelem

Noções Básicas Sobre Eletricidade • Como a Eletricidade Chega Até Nós???????

Noções Básicas Sobre Eletricidade • Alta e Baixa Tensão

Noções Básicas Sobre Eletricidade • Isoladores e Condutores

Noções Básicas Sobre Eletricidade • Condutores: Sabemos que a quantidade de fluxo de elétrons depende da prontidão com que certos átomos fornecem seus elétrons e aceitam novos. Os materiais que permitem esse fluxo são chamados de condutores. • Cobre , Prata e Alumínio são considerados bons condutores. • Ouro é um Excelente Condutor

Noções Básicas Sobre Eletricidade • Isoladores: Materiais que não fornecem elétrons prontamente, restringindo o fluxo, são chamados isoladores. • Borracha, Vidro e Porcelana são considerados bons isoladores. •Muitos Plásticos São Bons Isoladores

Noções Básicas Sobre Eletricidade • Quando observamos o fluxo de eletricidade, precisamos olhar suas características. Há três características principais de eletricidade: • • • Corrente (símbolo I ou A) Ampére Tensão (símbolo E ou V) Volts Resistência (símbolo R) Ohms Ω

Noções Básicas Sobre Eletricidade Corrente (A) • O Fluxo de Elétrons Em um Cabo Condutor

Noções Básicas Sobre Eletricidade • Ampére: O fluxo de elétrons livres na mesma direção geral de um átomo a outro é chamado de corrente e é medido em ampére ("amps" ou "A” ou algumas vezes “I”). • O número de elétrons que fluem através da seção transversal de um condutor em um segundo determina a corrente.

Noções Básicas Sobre Eletricidade Tensão • O Que é Isso? É Pressão!

Noções Básicas Sobre Eletricidade • Tensão é a força aplicada a um condutor para liberar elétrons, causando o fluxo de uma corrente elétrica. Ela é medida em volts ou "V” ou algumas vezes “E”. • Corrente fluirá em um condutor enquanto a tensão - a pressão elétrica - é aplicada ao condutor.

Noções Básicas Sobre Eletricidade Resistência • A restrição do fluxo de elétrons através de um condutor é chamada de (R) resistência. • A resistência é medida em ohms e abreviada como "Ω ", o símbolo grego ômega.

Noções Básicas Sobre Eletricidade Resistência • Em geral, há quatro fatores que afetam a • quantidade de resistência em um condutor: •Material •Comprimento •Seção Transversal •Temperatura

Noções Básicas Sobre Eletricidade • Materiais: Sabemos que a quantidade de fluxo de elétrons depende da prontidão com que certos átomos fornecem seus elétrons e aceitam novos.. Materiais que permitem isto são chamados de condutores. • Cobre , Prata e Alumínio são considerados bons condutores. Ouro também!

Noções Básicas Sobre Eletricidade • Comprimento: Quanto mais longo o condutor, maior a sua resistência. A resistência aumenta ou diminui de acordo com o comprimento do condutor. • Exemplo: um condutor com 2 pés de comprimento terá duas vezes mais resistência do que um condutor com um pé de comprimento.

Noções Básicas Sobre Eletricidade Seção Transversal Seção Transversal: À medida em que a seção transversal de um condutor aumenta, a resistência diminui e vice-versa. Exemplo: Se a seção transversal de um condutor é dobrada, a resistência cai para a metade.

Noções Básicas Sobre Eletricidade • Temperatura: geralmente quando a temperatura de um condutor aumenta, a resistência aumenta. • O fator temperatura não é tão previsível quanto os outros fatores, porém ele deve ser considerado ao lidar com eletricidade.

Noções Básicas Sobre Eletricidade • Lei de Ohm • Corrente = Tensão/Resistência ou I = E/R

Noções Básicas Sobre Eletricidade Lei de Ohm • A Lei de Ohm é a fórmula básica usada em todos os circuitos elétricos CA e CC. • Se souber duas das três características, é possível calcular a terceira. • Projetistas elétricos usam-na para determinar quanta tensão é requerida para uma determinada carga, como um motor industrial, um computador ou mesmo uma fábrica cheia de equipamentos elétricos.

Noções Básicas Sobre Eletricidade • Quantos Amperes?

Potência Elétrica • Um Watt também é definido como a quantidade de trabalho realizado quando uma tensão de um volt gera um ampere de corrente para passar por um circuito. • Esta relação entre potência, tensão e corrente é expressa pela seguinte fórmula: • Potência = Volts (V) x Corrente (A) P = V x A ou P=VA • 1kW=1000W • 1HP=0,736kW e 1cv=0,750kW • 1HP~=1cv • I (A) = P (HP ou cv)/kV e se for tensão trifásica preciso dividir o resultado por 1,73

Potência Elétrica Corrente de Partida e Regime • Corrente de Partida: corrente requerida pela bobina do eletroímã para acionar a armadura mediante a energização do circuito. • Corrente de Regime: corrente consumida pela bobina do eletroímã para manter a armadura no local

Diagrama de Lógica Ladder Elementar L1 1 PARADA L2 PARTIDA 1CR 2, 3, 4, 5, 2 Noções Básicas Sobre Circuitos 3 1CR O.L. F.S. M 1CR 5, 6 R 4 1CR G 5 1CR 6 M M B • Você está pronto?

Noções básicas Cabo: O modo básico de transferir potência • Cabo Cabos não conectados Cabos não conectados Cabos conectados Nó

Entradas • Botões Simbologia PARTIDA Normalmente Aberto PARADA Normalmente Fechado

Entradas Entradas: Simbologia • Seletora O MANUAL AUTO 2 POSIÇÕES MANUAL AUTO 3 POSIÇÕES

Entradas •Chave Fim de Curso Simbologia NORMALMENTE ABERTO NORMALMENTE FECHADO

Entradas Uma Chave de Nível (dispositivo de entrada) controla a bomba d'água para encher a água de uma calha para animais de acordo com a necessidade. Chave de Nível NORMALMENTE ABERTO NORMALMENTE FECHADO

Entradas Chave de Pressão Chave de Temperatura NORMALMENTE FECHADO NORMALMENTE FECHADO NORMALMENTE ABERTO NORMALMENTE ABERTO

Lógica Simbologia •Relé CONTATOS CR CR NORMALMENTE ABERTO NORMALMENTE FECHADO CR BOBINA

Saídas •Sinaleiro Simbologia R B VERMELHO AZUL C G TRANSPARENTE VERDE A W ÂMBAR BRANC O

Saídas Simbologia •Partida Partida PÓLOS CONTATOS AUXILIARES CIRCUITO DE POTÊNCIA L1 L2 L3 CONTATOS DE SOBRECARGA T1 T2 T3 M M ELEMENTOS TÉRMICOS M BOBINA M M

Tipos de controle • CONTROLE POR 2 FIOS L1 DESENERGIZAD O 2 M 1 2 SOBRECARGA ENERGIZADO L2 M R

Controle por dois fios • Alimentação Disponível L2 L1 1 LS1 SOBRECARGA M M 2 R 2

Controle por dois fios O Momento em Que a Chave Fim de Curso É Fechada L2 L1 SOBRECARGA 1 LS1 M M 2 R DESENERGIZADO 2

Controle por dois fios Bobina M Está Energizada L2 L1 SOBRECARGA 1 LS1 M M 2 R Fecha Ilumina 2

Tipo de Controle • CONTROLE POR 3 FIOS L1 PARADA L2 PARTIDA O.L. M 1 2 M 2

Controle por três fios Alimentação Disponível L2 L1 PARADA PARTIDA SOBRECARGA 2, 3 M 1 M 2 M CR 3 CR 4 G Sinaleiro Desenergizado 4

Controle por três fios O Momento em Que o Botão de Alimentação é Pressionado L2 L1 PARADA PARTIDA SOBRECARGA 2, 3 M 1 M 2 M CR 3 CR 4 G Sinaleiro Desenergizado 4

Controle por três fios Bobina M Está Energizada L2 L1 PARADA PARTIDA SOBRECARGA 2, 3 M 1 M 2 M CR 3 CR 4 G Sinaleiro Desenergizado 4

Controle por três fios Bobina M e Bobina CR Estão Energizadas L2 L1 PARADA PARTIDA SOBRECARGA M 2, 3 CR 1 4 M 2 M 3 Fecha CR 4 Fecha G Sinaleiro Energizado

Controle por três fios Se o Botão de Partida é pressionado enquanto o Relé de Sobrecarga é desarmado L1 L2 PARADA PARTIDA SOBRECARGA 2, 3 M 1 Desarmado Aberto M 2 M CR 3 CR 4 G Sinaleiro Desenergizado 4

Circuito de Alimentação e Controle ALIMENTAÇÃO CONTROLE { { M SOBRECARGA T3 L3 T2 L2 T1 L1 PARTIDA PARADA SOBRECARGA M M M

Métodos de Controle Controle COMUM SOBRECARGA L3 480 L2 T3 M 480 T2 M 480 T1 L1 M PARADA PARTIDA SOBRECARGA M M 480 V M

Métodos de Controle CONTROLE DO TRANSFORMADOR SOBRECARGA L3 480 M 480 L2 T2 M 480 L1 T3 T1 M H1 H2 X1 X2 PARADA PARTIDA SOBRECARGA M M 120 V M

Métodos de Controle CONTROLE SEPARADO SOBRECARGA L3 480 L2 L1 M 480 T2 M 480 T3 M T1 M 1 2 PARADA PARTIDA SOBRECARGA M M 120 V

Sistemas de Controle ENTRADAS LÓGICA SAÍDAS PB1 CLP LS1 Relé de Temporização M1 M Retardo na Energização / Desenergização Bobina do Motor FS1 TR1 Relé de Controle PS1 CR1 SOL

Tipos de Lógica LÓGICA E LÓGICA OU L1 L1 L2 1 CR1 1LS CR2 4 1PS 1CR 2CR 3CR CR3 1LS CR2 4 4 6 CR3 1CR 2CR 3CR CR4 LS1 CR1 5 2 1PS L2 4 4 5 CR4 CR1 1 3 3 L1 4 2 2 L2 1PB 1PB 1 LÓGICA NÃO 6 CR1 R 2

Tipos de Lógica LÓGICA DE MEMÓRIA LÓGICA DE ATRASO L1 L2 L1 L2 PB1 PARTIDA PARADA 1 2 M M 120 V Circuito de Retenção 2 1 1TR TR1 2 R Temporizadores 2

Vantagens dos Relés • • • • • Facilidade de fazer a fiação Fácil compreensão Familiaridade do pessoal Diagramas de lógica ladder Sistemas pequenos são baratos

Relés

Controladores Lógicos Programáveis

Vantagens do CLP • • • • • Vida longa Velocidade Confiabilidade Funções especiais de controle Espaço reduzido no painel

Sistemas de Controle • ENTRADAS LÓGICA SAÍDAS PB1 M1 LS1 FS1 PS1 Relés e CLPs SOL

Perguntas??????

Add a comment

Related pages

1.1 básico de eletricidade rev 10 - Documents

Download 1.1 básico de eletricidade rev 10. Transcript. 1.
Read more

Eletricidade Lista 1.1 - Documents - docslide.com.br

Eletrotécnica â Eletricidade 1 Lista 1.1 NOME ... 1.1 básico de eletricidade rev 10 1.
Read more

Corrente Alternada – o básico do básico

... o básico do básico ... 1 : 1 – Transformador isolador – mantém a tensão, apenas isola os circuitos (proteção); 1: 10 ...
Read more

1.6 reles de sobrecarga rev10 - slidesearch.net

Classe de Proteção • Térmico classe 10 deve disparar em 10 segundos ou menos • Térmico classe 20 deve disparar em 20 segundos ou menos ...
Read more

1.7 sm cs rev 10 - slidesearch.net

Information about 1.7 sm cs rev 10. Published on March 9, 2014. Author: marcosromanholo7. Source: slideshare.net. Content.
Read more

romanholo - Hubslide

1.7 sm cs rev 10. 7 months ago. General . 1.6 reles de sobrecarga rev10. 7 months ago. Education ...
Read more

Curso grátis de eletrônica- Aula 1: Materiais Isolantes ...

Idealmente esses materiais não conduzem eletricidade, ... Rev.0 D Rev.1M ... (10) Agosto (1)
Read more